Notícias

Pai é preso por estuprar da própria filha de 4 meses em Barra do Corda

A Polícia Civil do Maranhão está investigando se uma bebê de apenas 4 meses morreu em decorrência de um estupro ocorrido no povoado de Anapurus, situado na cidade de Barra do Corda. O pai da criança, que é apontado como principal suspeito, está preso.

Segundo a delegada da Delegacia da Mulher de Barra do Corda, Ana Marisa Barbat, que investiga o caso, a bebê morreu no último sábado (4). Ela deu entrada em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Barra do Corda, e logo em seguida foi levada para um hospital da cidade de Imperatriz, onde morreu.

De acordo com a declaração de óbito, a bebê morreu por conta de uma infecção. “O que nós temos é a declaração de óbito, que é um documento simples, utilizado no translado, onde diz ali que a causa direta da morte foi uma infecção. Isso já era previsível. A menina foi estuprada, estava num hospital e morreu de infecção”, revelou a delegada.

A delegada acrescentou que criança passou por um exame detalhado, onde foi constatado o período ocorrido do estupro dela. “Essa sim fez o exame detalhado e foi constatado um estupro inclusive com um período de dias que o estupro teria acontecido. Então não existe esse laudo apontando que não houve estupro”.

O exame cadavérico do Instituto Médico Legal (IML) já foi realizado, porém o resultado ainda não foi enviado à polícia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *