Notícias

Alckmin diz que técnicos atuam para solucionar problema em Imperatriz

O presidente em exercício, Geraldo Alckmin, afirmou em entrevista nesta terça-feira (15) que, apesar da “ação rápida” do governo em resposta ao apagão de energia que atingiu 25 dos 26 estados e o Distrito Federal, há um problema ainda não resolvido sobre o tema em Imperatriz (MA).

“A gente deverá em poucas horas, se tudo correr bem, estar com tudo normalizado. E aí, vai se investigar a causa dessa perda de carga. Mas a ação foi rápida do Ministério de Minas e Energia, dos seus técnicos, da equipe toda”, disse Alckmin.

“Conversei com o [ministro] substituto Efraim [Pereira da Cruz], que é secretário-executivo. E está indo bem. Estão com um problema em Imperatriz, no Maranhão, mas já estão debruçados lá sobre o problema”.

O apagão registrado na manhã desta terça só não afetou o estado de Roraima, que não está vinculado ao Sistema Interligado Nacional (SIN).

“Já está sendo recuperado. Região Sul, Sudeste e Centro-Oeste 100% normal. O Nordeste já recuperou 80%, e a região Norte, mais de 40%”, enumerou Alckmin.

Alckmin e o secretário-executivo do ministério, Efraim Pereira da Cruz, estão substituindo o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira.

Quando o apagão foi identificado, Lula e Silveira estavam no Paraguai para a posse do presidente eleito Santiago Peña. Eles embarcaram de volta para o Brasil às 11h30 (horário de Brasília) e devem chegar por volta das 14h30 – o voo já estava previsto.

Questionado, Alckmin disse que não tinha conversado com Lula até o meio-dia sobre o tema.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *