Poder

“Tenho uma doença”, diz Soliney Filho ao desistir da candidatura

Soliney Filho.

Soliney Filho.

“Infelizmente processe. Tenho uma doença reumática auto imune espondilite anquilosante”. Foram com essas palavras que Soliney Filho, confirmou a desistência da candidatura a deputado estadual.

Em contato com titular do blog, o filho do prefeito de Coelho Neto, Soliney Silva, relatou que atualmente sofre crise com taxas altas de inflamação no que inviabiliza diretamente no projeto pessoal e do PRTB.

“Estou em crise com altas taxas de inflamação e fui recomendado a fazer um procedimento cirurgico dia quatro”, disse o ex-candidato a deputado estadual.

Portanto, o PRTB perde um membro que estava cotado para se eleger.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Cidade

Mobilidade urbana: viadutos precários e insuficientes

Manutenção das pontes e viadutos de SL deixa a desejar, afirma engenheiro.

Do Imirante

Um dos maiores problemas enfrentados pela população de São Luís é a mobilidade urbana. O tráfego é complicado na maioria das avenidas da cidade, mesmo nos horários que não são de pico. E apesar de ter viadutos e pontes, que ajudam a desafogar o trânsito, a situação do tráfego na capital só piora a cada dia.

Além de não serem suficientes para suprir o fluxo de veículos, os viadutos e as pontes de São Luís enfrentam problemas estruturais causados pela falta de manutenção adequada. O Imirante.com percorreu a cidade e constatou as péssimas condições estruturais dos cinco viadutos mais antigos da capital.

Segundo o engenheiro civil e assessor-técnico do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Maranhão (Crea-MA), Antônio Xavier, a manutenção das pontes e viadutos de São Luís deixa um pouco a desejar.

“Nós temos feito muitas vistorias em pontes e viadutos e vemos muitos problemas nas juntas de dilatação, ferros expostos, trincas no asfalto, drenagem, sinalização, iluminação. A gente percebe a carência de manutenção”, explica o técnico.

O engenheiro alerta que o tempo ideal para reparos nessas obras é de uma vez por ano. Sendo necessário analisar as juntas de dilatação, drenagem pluvial, sinalização, vendo se há ferragens expostas e se tem ataque de cloretos. “Tem que ter um plano de manutenção para manter essas obras de arte em bom nível de desempenho”, defende Antônio Xavier.

Além dos problemas de manutenção que comprometem a estrutura dessas obras, o engenheiro aponta que, os viadutos existentes em São Luís não são suficientes para suprir a demanda do trânsito da cidade.

“É visível que São Luís precisa de mais viadutos. Na minha opinião, o poder público deveria analisar a possibilidade de fazer viadutos em áreas como na rotatória da PM, que sempre tem engarrafamento. No retorno da Forquilha e no Marco Zero próximo ao aeroporto. São áreas onde sempre há concentração de veículos o que causa engarrafamentos”, analisa.

O poder público estadual, por meio da Secretaria de Infraestrutura (Sinfra), é quem determina que seja construído um viaduto dependendo da necessidade e da demanda viária da região. A Sinfra analisa o local e faz o projeto, que deve ser devidamente registrado no Crea-MA, o qual dá o registro da obra e concede uma legitimação técnica.

O Imirante.com entrou em contado com a Sinfra pedindo o histórico dos viadutos da cidade, como data de inauguração e localidade. Além disso, pediu informações sobre possíveis construções de outros viadutos para melhorar a mobilidade urbana da capital. Mas, até o fechamento desta matéria, a Secretaria não deu as informações.

O portal entrou em contato, também, com a Prefeitura de São Luís, que é responsável pela manutenção dessas obras, perguntado a data da última reforma/reparo dos viadutos e pontes da cidade, mas não obtivemos resposta.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Maranhão

Rubens Júnior e Eliziane Gama sofrem grave acidente de carro

O deputado estadual e candidato a federal, Rubens Pereira Júnior (PCdoB), sofreu grave acidente na BR-316. O carro do parlamentar colidiu com um Palio e, devido o condutor não utilizar o cinto de segurança, sacou do carro e morreu no loca.

Rubens Pereira Júnior, informou que passa bem. O acidente de teve vítima aconteceu nas próximidades da cidade de Caxias.

Outra a sofrer grave acidente na noite de ontem deste sábado, dia 26 de julho foi a candidata a deputada federal Eliziane Gama e equipe de campanha próximo ao município de Buriti Bravo.

Eliziane Gama estava com o motorista e outras três pessoas da equipe de campanha, quando o veículo caiu de uma ribanceira, dentro de um riacho do município.

A parlamentar e os demais ocupantes do veículo foram socorridos e levados para o Hospital de Buriti Bravo para os primeiros socorros. Ela passou por exames médicos, mas as informações é que está abalada, mas passa bem.

Dois dos integrantes da equipe de campanha da parlamentar estão em estado mais grave e foram levados para o Hospital de Presidente Dutra. Uma das ocupantes do veículo sofreu lesão no braço.

Na manhã de hoje, a deputado Eliziane Gama publicou uma foto agradecendo o carinho do eleitorados. Mesmo com o pescoço mobilizado.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Cidade

“Engarrafados”: a rotina do trânsito em São Luís

Com as vias cada vez mais cheias de veículos, surgem as reclamações quanto à lentidão do trânsito e a demanda por mais infraestrutura nas diversas vias que cortam a cidade.

Imirante.com

Um dos maiores desafios das grandes cidades brasileiras tem sido a procura por soluções que garantam melhorias da mobilidade urbana. Apesar de o sistema de transporte público ser apontado como prioridade nessa questão – já que a maior parte da população depende dele – melhorar as condições para a circulação de meios de transporte individuais se apresenta como uma tarefa essencial.

Na capital maranhense, por exemplo, o aumento da frota de automóveis e motociletas é evidente ao longo dos últimos anos. Em 2014, entre janeiro e junho, já foram cadastradas 35.821 motocicletas novas. Isso representa 52,49% do total de veículos novos em circulação em São Luís. Em relação aos automóveis, o número é quase a metade: nos seis primeiros meses do ano, foram registrados 16.088 novos automóveis.

Com as vias cada vez mais cheias de veículos, surgem as reclamações quanto à lentidão do trânsito e a demanda por mais infraestrutura nas diversas vias que cortam a cidade. Além dos motoristas e motociclistas, aqueles que utilizam a bicicleta como principal meio de transporte também lidam com os problemas estruturais. Segundo dados da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), São Luís possui cerca de 13 quilômetros de ciclovias ou ciclofaixas.

A reportagem do Imirante.com falou com três pessoas que enfrentam diariamente o transito de São Luís para chegar ao trabalho. Todos eles têm em comum o fato de morar na região do Cohatrac e trabalhar no Centro da cidade, mas utilizam veículos diferentes para chegar até lá. Um vai de carro, outro de motocicleta e o outro se locomove por bicicleta. Cada um deles falou sobre sua rotina no trânsito, destacando as vantagens e desvantagens dos meios de transporte adotados.

Entre a rotina, o congestionamento e o stress

Morador do bairro do Cohatrac, o funcionário público Hemetério Pereira viveu na pele as transformações pelas quais o trânsito de São Luís passou nos últimos anos. Desde 2002, ele vai de carro para sua repartição, localizada no Centro da cidade. “O congestionamento aumentou muito, tem muito mais carros na rua”, diz. O funcionário público reclama do stress e dos atrasos ocasionados pelos engarrafamentos diários.

Para Hemetério, que sempre percorre as avenidas Jerônimo de Albuquerque, Daniel de la Touche, Franceses e Getúlio Vargas no caminho entre sua casa e o trabalho, o principal problema do trânsito é a falta de opções de escoamento e os buracos, que acabam contribuindo para aumentar os congestionamentos. O funcionário público sai de casa às 6h20, conseguindo chegar ao seu destino em 40 minutos. Já a volta, segundo ele, é bastante complicada. Terminando o expediente às 17h, Hemetério chega a demorar cerca de uma hora e quarenta minutos para chegar em casa.

Ele acrescenta, ainda, que motoristas imprudentes contribuem para piorar a situação, pondo em risco a segurança de todos. Hemetério destaca que é preciso ser prudente e respeitar sempre os pedestres e os demais veículos.

Contra o tempo e…os engarrafamentos

Cruzar a cidade de carro pode ser um tormento diário para vários. Mesmo saindo mais cedo, a quantidade de veículos chega a impedir uma viagem mais tranquila para os condutores. Quem opta por utilizar uma moto para chegar ao seu destino, acaba cruzando a cidade de uma forma mais rápida e, assim, evitar transtornos. Como conta Leonardo Jorge Araújo, de 35 anos. “Consigo chegar em 30 minutos”, disse sobre o mesmo percurso feito pelo motorista Hemetério Pereira.

Em meia hora, o motociclista consegue fazer um percurso que, para muitos, chega a ser bastante longo. Porém, para realizar tal “façanha”, Leonardo conta que é preciso fazer sacrifícios, como acordar mais cedo. “Se eu sair em torno das 7h, consigo fazer o percurso em 30 minutos. Se eu deixar para sair depois disso, o trânsito é bem mais intenso”, acrescentou ele ao afirmar que, neste caso, o mesmo percurso aumenta, ficando entre 45 minutos e 1 hora.

“As pessoas esquecem que fazem parte do tráfego de São Luís e acabam todos saindo na mesma hora”, desabafa Leonardo que dirige moto há cinco anos e diz conhecer as “artimanhas” da capital maranhense. Segundo ele, ao retornar do trabalho, acaba saindo às 17h. Quando sai mais tarde, às 18h, ele utiliza as vias alternativas dos bairros para fugir dos enormes engarrafamentos.

Entre os trechos escolhidos por ele para fugir do trânsito difícil de São Luís, estão a Avenida Litorânea e ruas dos bairros do Monte Castelo e Cohatrac. “Utilizo bastante as vias alternativas para fugir do trânsito. Por que, por lá, [o trânsito] é mais folgado”, finalizou.

Opção mais barata e sustentável

Nem bem amanhece e o professor Irinaldo Lopes já inicia sua jornada diária, partindo para o trabalho na companhia de sua bicicleta. Sempre entre as 5h30 e 6h, ele sai da casa dos pais no Cohatrac ou de seu apartamento no Turu e segue até a Rua Rio Branco, no Centro, onde fica a escola em que exerce função de diretor-adjunto. “As pessoas esperam que eu vá de carro, ainda mais que ocupo um cargo de direção”, comenta, criticando o status que o carro representa para muita gente.

Meio de transporte barato e sustentável, as bicicletas têm seu uso regulamentado pelo Código de Trânsito Brasileiro, que determina uma distância mínima de 1,5 m dos veículos motorizados, além de obrigar ciclistas a se manterem na lateral direita das vias quando não houver ciclofaixa ou acostamento, tendo eles preferência sobre veículos automotores. “Mas alguns trechos no meu percurso oferecem risco no compartilhamento com automóveis”, ressalta Irinaldo. Entre os fatores que aumentam os riscos, ele menciona a ausência de ciclovias, os motoristas que não respeitam a distância mínima e a existência de buracos, lixo e lama nas bordas laterais das vias.

Os 13 quilômetros de ciclovias informados pela SMTT são distribuídos em apenas três locais: a Av. Litorânea, o bairro do São Raimundo e a Av. São Luís Rei de França, por onde passa Irinaldo em um de seus trajetos a caminho do Centro da cidade. Segundo o ciclista, esse espaço já se encontra bastante deteriorado. Sobre a quantidade de vias destinadas à circulação de bicicletas, a SMTT disse, por meio de nota, que a construção de uma outra ciclovia está prevista no projeto do “Novo Corredor de Transporte”, ligando o bairro do São Francisco à Cohab.

Irinaldo destaca que os ônibus, por exemplo, têm vantagens sobre as bicicletas, sobretudo no que diz respeito à quantidade de pessoas que transporta. No entanto, ressalta que a bicicleta proporciona mais autonomia, além da fuga dos congestionamentos. Ele revela que sempre leva em torno de 40 minutos para completar seu percurso tanto de ida como de volta, mesmo em horários de pico.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Rigo Teles é aclamado no município de Lajeado Novo

O deputado Rigo Teles (PV) participou em Lajeado Novo, a convite do ex-prefeito e líder político Pereira, de um almoço com vereadores e expressivas lideranças políticas das zonas urbana e rural do município da Região Sul do Maranhão.

Durante o encontro, ficou definido entre os vereadores e todas as lideranças políticas que pelo trabalho realizado em benefício da população, o deputado Rigo Teles será o legítimo representante do município de Lajeado Novo na Assembleia Legislativa.

Na oportunidade, Rigo Teles agradeceu o apoio de todos e prometeu trabalhar em todas as esferas de poder, para levar os benefícios cobrados pelo povo de Lajeado Novo e de outros municípios, onde também recebe apoio para conquistar o quinto mandato.

Acompanhavam o deputado Rigo Teles no almoço a esposa Abigail Cunha, o ex-prefeito e líder político Pereira e a esposa, vereadores, lideranças políticas, comunitárias e populares. Ambos admitiram que Rigo Teles sempre trabalhou por Lajeado novo.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Marcos Braid: o salvador da pátria de Edivaldo Holanda Júnior

Justiça suspende liminar para redução de tarifas de ônibus.

Procurador Geral do Município, Marcos Braid, ressaltou que a decisão garante a normalidade do sistema de transporte.

Procurador Geral do Município, Marcos Braid, ressaltou que a decisão garante a normalidade do sistema de transporte.

O Procurador Geral do Município (PGM), Marcos Braid, salvou mais uma vez o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PTC), das garras da Justiça.

Braid que vem desempenhando um excelente trabalho em defesa da gestão do petecista, obteve nesta sexta-feira (25), decisão favorável do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) para a suspensão da liminar que solicitava a revisão do valor das tarifas do transporte coletivo. A presidente do TJMA, desembargadora Cleonice Freire, acolheu o pedido da PGM para suspensão da liminar até o trânsito em julgado da decisão final de mérito da Ação Civil Pública 27962 de 2014.

Para o Procurador, a decisão vem garantir a normalidade do sistema de transporte e a continuidade de um serviço público de natureza essencial à população. Ele ressaltou que a decisão do TJMA, cita precedente do Superior Tribunal de Justiça (STJ) sobre o assunto e indevida interferência do Poder Judiciário na esfera de competência da administração municipal.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Secretário e aliados da prefeita de Anapurus se entregam à Polícia

Na tarde desta sexta-feira (25) foram presos os três suspeitos de terem participado da emboscada do repórter da Rede Globo que aconteceu no dia 18 de julho deste ano, no município de Anapurus.

Manoel Francisco Monteles Neto Jairo Lisboa de Sousa tesoureiro de Anapurus e Agnaldo Henrique Alves

Manoel Francisco Monteles Neto Jairo Lisboa de Sousa tesoureiro de Anapurus e Agnaldo Henrique Alves

Entre os presos estão Jairo Lisboa de Sousa, Manoel Francisco Monteles, conhecido como ‘Zominha’ e Agnaldo Henrique Alves, conhecido como ‘Risca Faca’,os mesmos se apresentaram na Secretaria de Segurança Pública do Maranhão, em São Luis. A informação foi declarado pelo secretário Marcos Afonso.

No momento em que eles se apresentaram a polícia, foi dada a voz de prisão e todos foram direcionados a Superintendência de Policia Civil do Interior (SPCI), onde estão prestando depoimento do crime cometido por eles.

No dia do roubo, apenas um policial militar foi preso em Anapurus, também suspeito de participação no crime. O PM foi identificado como Raimundo Silva Monteles, que é sobrinho da prefeita de Anapurus, Tina Monteles. Em depoimento, ele confirmou que esteve na cena do crime a convite do tesoureiro da Prefeitura Jairo Lisboa de Sousa.

A polícia irá apurar algumas informações dos acusados presos hoje (25), para chegarem a outros envolvidos no crime.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Documento sobre Blitz é falso, afirma diretor do Detran

O diretor geral do Detran, André Campos, afirmou ao titular do blog nesta sexta-feira (25), que o documento com datas e locais de onde seria realizado as blitz é totalmente falso. A falsificação foi espalhada nas redes sociais de forma maldosa.

Segundo a assessoria de comunicação do órgão, a logo do Detran utilizado no documento é antigo. Em forma de esclarecer a falsificação, o Detran emitiu nota falando sobre a Operação Lei Seca.

NOTA DETRAN-MA

A Assessoria de Comunicação do DETRAN-MA informa que várias pessoas de forma irresponsável estão divulgando listas nas mais diversas redes sociais com supostos locais da Operação Lei Seca, inclusive com ofícios falsos, no sentido de descreditar a operação e espalhar o pânico na sociedade.

A operação que como divulgado no lançamento na última quarta-feira (23/07) de fato se inicia hoje (25.07) na capital de forma mais intensa em parceria do DETRAN-MA com a PMMA, Policia Civil, Secretaria de Estado de Estado de Segurança, ICRIM e Corpo de Bombeiros.

O DETRAN esclarece ainda que:

1. A Operação Lei Seca tem o objetivo principal de salvar vidas tirando das ruas e punindo na forma da lei condutores que ainda insistem em beber e dirigir;

2. A Operação já é um pedido antigo da sociedade maranhense e ludovicense que nos finais de semana é vitima de condutores negligentes que estes sim são alvo da operação;

3. O DETRAN-MA já iniciou um processo administrativo e um procedimento investigativo junto a Policia Civil para descobrir os responsáveis pela divulgação de supostos locais, inclusive falsificando correspondência oficial do órgão.

4. As operações são móveis, podendo se deslocar para diversos pontos numa mesma noite, ou seja, as pessoas não precisam ficar espalhando ou compartilhando locais, pois as blitzen acontecerão em horários e locais aleatórios.

5. A Operação Lei Seca consiste num esforço de todas as forças de segurança do Governo do Estado no objetivo de diminuir os índices de acidentes fatais em decorrência da ingestão de bebida alcoólica.

6. As operações ficarão a cargo da Polícia Militar, por meio da Companhia de Polícia Militar Rodoviária Independente do Estado do Maranhão-CPRVInd que realizará as abordagens de fiscalização de licenciamento 2014 e lei seca, os Bombeiros que estão verificando os itens de segurança como extintores de incêndio dos veículos, os peritos do ICRIM ficarão responsáveis pela verificação dos documentos dos veículos (CRLV e CRV) e dos condutores (CNH). Já a Policia Civil fará toda a ocorrência policial no local inclusive com delegado na blitz que acontecerá nos finais de semana nos mais diversos pontos da capital e região metropolitana. Todo o trabalho de consulta ao sistema, preenchimento de auto de infrações e educação para o trânsito ficará a cargo do Detran-MA.

7. A fiscalização do uso indevido do álcool no trânsito é uma obrigação do Estado e representa a preocupação do governo com o bem estar das famílias maranhenses.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Wellington do Curso intensifica campanha no MA

Durante as visitas Wellington fez panfletagem, conversou com moradores e lideranças dos dois municípios

Wellington do Curso

Wellington do Curso

O candidato a deputado estadual Wellington do Curso (PPS, que nos últimos dias tem percorrido a região do médio sertão maranhense, intensificou sua campanha nesta quinta-feira (24) nos municípios de Sucupira do Riachão e São João dos Patos, localizada a 541 km da capital.

Durante as visitas Wellington fez panfletagem, conversou com moradores e lideranças dos dois municípios. Em Sucupira do Riachão foi recebido pelo vice-prefeito Ednilson e pelo presidente do PPS, Francisco da Silva Costa, conhecido como Chico do Deja. Já em São João dos Patos, recebeu apoio ao ex-vereador e presidente do PPS, João Luz. A noite participou e deu apoio a uma reunião da coordenação de campanha de Flávio Dino com as lideranças região.

“Visitar os municípios do médio sertão maranhense tem sido de grande importância para conhecer de perto a realidade, sua potencialidade econômica e a necessidade da população local. Estou entusiasmado com a boa aceitação de minha candidatura e agradeço o apoio que tenho recebido na região”, destacou Wellington.

Wellington segue em campanha até domingo percorrendo os municípios de Paraibano, Passagem Franca e Codó.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Rigo Teles prestigia da 37ª Cavalgada em Grajaú

O deputado estadual Rigo Teles (PV) prestigiou, a 37ª edição da tradicional Cavalgada do Município de Grajaú, na Região Central. A cavalgada, considerada a maior do Estado do Maranhão, reuniu cerca de 20 mil pessoas dos municípios maranhenses e do Brasil.

Na oportunidade, o deputado Rigo Teles observou a beleza da Cavalgada, coroada com belos carros alegóricos, que expressaram as raízes da cultura do povo humilde e humano de Grajaú e nordestino, especialmente os ricos detalhes da vida na roça.

A Cavalgada recebeu dezenas de caravanas do Maranhão, Pará e especialmente do Estado do Tocantins, que marcou a maior participação na grande festa popular do município de Grajaú. Todos participantes elogiaram a organização e a beleza da Cavalgada.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.