Poder

Deputado cobra entrega de avenida que liga Imperatriz a João Lisboa

O deputado Antonio Pereira (DEM) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa nesta quinta-feira (19), para cobrar da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra) — a pedido da população da região Tocantina — mais celeridade na entrega das obras de duplicação da Avenida Pedro Neiva de Santana, denominada “Babaçulândia”, interligando os municípios de Imperatriz a João Lisboa.

O parlamentar informou que a obra, iniciada no verão do ano passado, já deveria ter sido entregue, mas sofreu algumas avarias no sistema de drenagem, por causa do rigor do inverno. Segundo ele, a duplicação beneficiará milhares de pessoas residentes nos municípios de Imperatriz, João Lisboa, Senador La Rocque, Amarante, Buritirana e Sítio novo.

No mesmo pronunciamento, Antonio Pereira agradeceu ao secretário de Infraestrutura, Max Barros que, atendendo a requerimento de sua autoria, mandou realizar um minucioso levantamento técnico, para dar início, logo que cessem as chuvas, às obras de recuperação da rodovia estadual que interliga os municípios de Porto Franco a São João do Paraíso.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Antonio Pereira cobra reinício da recuperação da MA-328

Deputado Antônio Pereira

Deputado Antônio Pereira

O deputado Antônio Pereira (DEM) anunciou nesta segunda-feira (12) que enviou ofício ao secretário de Estado de Infraestrutura, deputado licenciado Max Barros (DEM), cobrando, com urgência, o reinício das obras de recuperação da MA-328, que interliga o próspero município de Jenipapo dos Vieiras ao povoado Santa Maria, na BR-326.

O democrata informa que o governo do Estado, por meio da Sinfra, começou a recuperar a rodovia, mas a obra foi interrompida. “Peço, em nome do povo de Jenipapo dos Vieras e municípios vizinhos, que a obra seja reiniciada. Com a chegada do inverno, o município pode ficar isolado do resto do Estado”, afirmou.

Para Antonio Pereira, a recuperação da rodovia é muito importante para o desenvolvimento de Jenipapo dos Vieiras e dos municípios das regiões Central e Sul do Estado do Maranhão, todos ricos na produção de gado de corte, leite e gêneros alimentícios. “A governadora Roseana e o secretário Max serão sensíveis e determinarão a retomada das obras”, acredita.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Confirmado: Max Barros dá início a recuperação da MA-119

O secretário de Estado de Infraestrutura, Max Barros, assinou, nesta terça-feira (6), ordem de serviço para restauração da MA-119, trecho de 54 quilômetros entre Santa Luzia e Alto Alegre do Pindaré.

Deputado Andre Fufuca ao lado do secretário de Infraestrutura, Max Barros.

Deputado Andre Fufuca ao lado do secretário de Infraestrutura, Max Barros.

A solenidade aconteceu na sede da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra), com a participação de representantes da empresa responsável pela obra, do prefeito de Alto Alegre do Pindaré, Atemir Botelho, além dos deputados André Fufuca (PSDB), e do envolvido em esquema Stênio Rezende, Roberto Costa (PMDB) e o secretário de Estado de Meio Ambiente, Victor Mendes.

“Queremos que todas as nossas obras cumpram tudo o que versa a legislação ambiental”, argumentou Max Barros. Ele lembrou que a obra era um pleito antigo da população da região e que contempla mais uma etapa do programa “Viva Infraestrutura” – que já pavimentou e restaurou mais de 2.00 km de estradas em todo o estado desde 2009.

O prefeito Atemir Botelho comemorou a assinatura da ordem de serviço, que garante o início imediato dos serviços de recuperação. Ele ressaltou que desde 2003 a MA-119 não passa por qualquer tipo de intervenção e destacou a quantidade de assaltos registrados por conta das péssimas condições da estrada.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Max Barros vistoria Via Expressa

O secretário de Estado de Infraestrutura, Max Barros, visitou, nessa segunda-feira (28), as obras de construção da Via Expressa. Acompanhado de engenheiros da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra), da empresa responsável pelos serviços e do vereador Chico Carvalho (PSL), ele vistoriou a colocação de vigas metálicas no viaduto que está sendo construído no Jaracati.

Max Barros em visita a Via Expressa

Max Barros em visita a Via Expressa

Para o secretário, a conclusão dos viadutos é uma das etapas mais importantes da obra, porque é uma das mais demoradas. “Essa é uma etapa importante da construção do viaduto. Toda a parte de infraestrutura já está pronta e estamos, agora, procedendo à fase de supraestrutura, colocando as vigas metálicas. A expectativa é que em quinze dias tenhamos o tabuleiro totalmente concretado”, disse.

Segundo Max Barros, a obra já está 30% concluída e será entregue dentro do prazo estabelecido: o aniversário de 400 anos de São Luís. Ele lembrou os benefícios que a Via Expressa trará para o trânsito da capital.

“A obra está bem adiantada, o ritmo é bom. Temos aproximadamente 30% dos serviços concluídos e esperamos entregar dentro do prazo, porque essa é importante para São Luís, melhorando o trânsito, principalmente, na avenida Jerônimo de Albuquerque, que hoje é caótico”, completou.

Desapropriações – Max Barros, também, comentou os processos de desapropriações. Parte mais delicada da construção da nova avenida, a retirada das pessoas de seus imóveis tem sido tratada com cuidado por uma equipe especializada da Sinfra. A avaliação dos imóveis ficou a cargo da Caixa Econômica Federal (CEF).


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Max Barros apresenta projetos para alunos de Engenharia

Blog do Marco D’Eça

Max Barros

O secretário de Infraestrurutra, Max Barros, apresentou, semana passada, em palestra realizada na UNDB, durante a I Semana de Engenharia Civil e de Produção, detalhes dos principais projetos em desenvolvimento pela Sinfra nas áreas de obras rodoviárias e obras civis.

Além de Barros, participaram do evento o secretário de Estado de Meio Ambiente, Victor Mendes e todo o corpo acadêmico da área de Engenharia da universidade. Estudantes dos vários períodos da faculdade também prestigiaram a palestra.

Segundo a diretora acadêmica da UNDB, professora Ceres Murad, a presença do secretário teve como objetivo incentivar os estudantes a seguir carreira.

Na sua apresentação, Max Barros deu destaque para um amplo projeto de valorização do Centro Histórico de São Luís, que envolve reforma em prédios antigos e recuperação de ruas e calçadas por toda a extensão da Praia Grande e adjacências.

No total, o projeto prevê investimentos da ordem de US$ 40 milhões, dos quais US$ 24 milhões serão oriundos da inclusão do Maranhão no Prodetur – plano do Governo Federal que visa a fortalecer a Política Nacional do Turismo – e US$ 16 referentes à contrapartida do Governo do Estado.

Segundo Max Barros, alguns projetos já estão em andamento, como as obras de recuperação de ruas e calçadas, reforma do Palacete Gentil Braga e do prédio da REFFSA com a transformação da área onde hoje funciona a Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP) em um grande centro turístico -, recuperação do prédio da Oleama e um grande projeto de revitalização da Rua Grande.

– Como a nossa contrapartida para esses recursos que vêm do Prodetur podem ser antecipadas, já demos início à elaboração de alguns desses projetos, justamente para acelerar essa que será uma das mais importantes obras de revitalização do nosso Centro Histórico  – declarou.

Projetos na área do saneamento e de tratamento de esgotos também foram detalhados pelo secretário aos alunos da UNDB…


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Após pressão, Dnit promete início da duplicação da BR-135 para junho de 2012

Em reunião com o secretário de Estado de Infraestrutura, Max Barros, em Brasília, o diretor-geral do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (Dnit), Jorge Fraxe, e o secretário-executivo do Ministério dos Transportes, Miguel Mazzela, garantiram que o cancelamento da licitação para duplicação da BR-135 não inviabilizará a obra.

Reunião para definição da obra de duplicaçõa da BR 135

Reunião para definição da obra de duplicaçõa da BR 135

Os representantes do governo federal prometeram que a duplicação, do trecho de 28 km, entre São Luís e Bacabeira, será iniciada em junho de 2012. “O Maranhão está em uma situação em que não se pode mais esperar”, declarou o secretário durante a reunião.

Na conversa que manteve com os integrantes do Ministério dos Transportes e do Dnit, Max Barros deixou claro que o governo do Estado não concordou com o “cancelamento unilateral da licitação” e exigiu o estabelecimento de prazos rígidos para que não haja mais atrasos na obra.

Na avaliação dele, a data de junho de 2012 é aceitável, levando-se em consideração que a nova pista será construída sobre solo mole e que na região Norte do Estado, de janeiro a junho é praticamente impossível fazer serviços de terraplenagem devido às chuvas.

“O governo do Estado foi tomado de surpresa [pelo anúncio do cancelamento da licitação], mas a licitação já foi cancelada unilateralmente e isso é um fato irrevogável. Dentro desta realidade, o que nos parece claro é que devemos definir, de agora em diante, um cronograma de trabalho rígido, que seja cumprido, porque o Maranhão não pode ficar com essa pendência. São vidas que se perdem todas as semanas nessa rodovia e isso deve ser considerado pelo governo federal”, destacou Max Barros.

Outra preocupação do secretário é com a perda de recursos. Dos R$ 190 milhões deste primeiro trecho, cerca de R$ 60 milhões são oriundos de emendas de bancada. Se não forem empenhados até 31 de dezembro (o empenho só pode ser feito após toda a licitação), esses recursos serão perdidos. “Estamos no limite do prazo”, alertou Barros.

Adequações – Uma solução para o problema financeiro da obra também foi debatido em Brasília. Durante o encontro, que contou ainda com a participação do deputado estadual Alexandre Almeida (PT do B), ficou estabelecido que o Dnit promoverá algumas adequações ao projeto da duplicação. A principal delas diz respeito ao deslocamento da linha férrea que beira a BR-135 no Campo de Perizes. Inicialmente, ela seria deslocada para dar lugar à via, o que não será mais necessário. Segundo os engenheiros do órgão, a solução mais viável e mais barata será criar um sistema de proteção com defensas ao longo da linha e construir a nova pista ao lado dela, usando os trilhos como uma espécie de canteiro central.

Ao fim da reunião, o diretor-geral Jorge Fraxe reiterou que a duplicação está entre as prioridades do Dnit. “Pode-se dizer que hoje é um marco esse projeto de duplicação da BR-135. Essa é uma obra prioritária para o Dnit, e nós nos comprometemos, como exigiu o secretário Max Barros, a estabelecer o prazo máximo de junho de 2012 para o início das obras, após as adequações já propostas nesta reunião”, finalizou.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Gastão Vieira rompe com prefeito de Buriticupu

Ministro do Turismo

Ministro do Turismo

O ministro do Turismo, Gastão Vieira (PMDB) participou na noite de segunda-feira, 03, da solenidade de filiação do secretário de Infraestrutura do governo Roseana, Max Barros (PMDB).

A filiação teve participação de diversas autoridades políticas, além da presença do atual ministro do Turismo, Gastão Vieira.

Após a filiação, o Gastão concedeu entrevista aos jornalistas que fazem cobertura política na Assembleia Legislativa do Maranhão. Ao ser indagado pelo titular do blog, sobre as denúncias de emenda parlamentar destinada ao município de Buriticupu, que gerou repercussão nacional, por motivos concretos onde encontra-se inacabada a obra.

Com sensatez, o ministro foi coerente em suas respostas alegando que destinou algumas emendas no intuito de melhorar a qualidade de vida e visando toda a população deste município.

Por último, Gastão Vieira afirmou que rompeu com o prefeito de Buriticupu após as denuncias que tiveram uma ótima repercussão no cenário político nacional.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Tadeu Palácio recebe Jota Pinto e Pereirinha para discutir sua candidatura

Tadeu Palácio, Jota Pinto e Pereirinha

Tadeu Palácio, Jota Pinto e Pereirinha

O ex-secretário de Turismo do Estado, Tadeu Palácio, recebeu na noite de ontem, 22, ás 20h em sua residência no bairro do Calhau, o Presidente da Câmara de Vereadores de São Luís, Isaias Pereirinha (PSL) e também o deputado estadual Jota Pinto (PR).

O motivo da visita dos parlamentares foi para discutir  futuro da candidatura de Tadeu Palácio a prefeito de São Luís e levar propostas sobre uma possível filiação no Partido da República (PR) ou Partido Social Liberal (PSL). Até o momento, o ex-secretário já recebeu convite de três partidos para representa-los na eleição de 2012.

Durante a reunião, Palácio comentou sobre a renúncia ao cargo de secretário de Turismo do Estado e sua desfiliação do PMDB, onde gerou um descontentamento de sua parte ao saber que o candidato do grupo será Max Barros (DEM). Palácio confirmou em reunião o que o blog havia noticiado sobre o acordo firmado entre a governadora Roseana Sarney (PMDB) em apoia-lo para prefeito da capital.

Em contato telefônico com titular do blog, Tadeu Palácio esclareceu que, “não houve rompimento com a governadora Roseana Sarney e principalmente com o PMDB, partido em que pertenceu”.

Tadeu Palácio, ao ser indagado se já havia se filiado ao Partido da Republica (PR), disse que “no momento não estou filiado ao PR e nem no PSL, estou analisado todas as propostas com o grupo, ainda é cedo para decidir qual partido me filiarei”, afirmou.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Max Barros apresenta projeto da reforma do Estádio Castelão

O secretário de Estado de Infraestrutura, Max Barros, apresentou em coletiva à imprensa realizada ontem (16), detalhes do projeto de conclusão da reforma do Estádio Castelão. Participaram do evento os secretários de Estado de Esportes e Lazer, Joaquim Haickel, de Estado de Meio Ambiente, Victor Mendes, além dos deputados estaduais Roberto Costa (PMDB), Jota Pinto (PR) e Raimundo Louro (PR).

Max Barros explica à secretários e parlamentares detalhes do projeto de reforma do Castelão

Max Barros explica à secretários e parlamentares detalhes do projeto de reforma do Castelão

De acordo com Max Barros, o processo será imediatamente encaminhado à licitação, que deve durar dois meses e a obra custará, no máximo, R$ 25 milhões – o projeto anterior, elaborado pela empresa que realizou a primeira parte da reforma, estimava em R$ 50 milhões o custo do serviço.

A expectativa do Governo é entregar um estádio totalmente novo à comunidade desportiva do estado no dia 8 de setembro do ano que vem, como parte das comemorações pelos 400 anos de São Luís.

Problemas antigos

Dois problemas antigos do estádio serão solucionados após a conclusão da reforma. O primeiro é o alagamento dos vestiários. Em dias de chuva, é praticamente impossível aos atletas permanecer no local.

Outra grande queixa de atletas e treinadores era em relação à posição do banco de reservas. No caso dos jogos que começavam à tarde, a estrutura ficava de frente para o sol, incomodando jogadores e dificultando a visibilidade dos técnicos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Cidade

Max Barros detalha projeto Via Expressa em palestra na ACM

O secretário Max Barros foi muito questionado sobre as questões legais que envolvem a construção da Via Expressa.

Foto 1 - Secretário Max Barros durante explanação na Associação Comercial do Maranhão

Max Barros durante explanação na Associação Comercial do Maranhão

A obra chegou a ser embargada administrativamente, semana passada, pela Prefeitura de São Luís, mas a Sinfra decidiu determinar a continuidade dos trabalhos à empresa vencedora da licitação.

De acordo com o secretário, todas as etapas legais foram vencidas antes da assinatura da ordem de serviço. Ele deixou uma mensagem sobre a polêmica envolvendo a obra.

“Estamos seguros, temos toda a documentação exigida e a obra segue em ritmo normal. O que pensamos é que o momento é de cooperação e não de tentar impedir que se faça algo por São Luís”, completou.

(Com informações da Secom)


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.