Poder

Roseana quer se blindar e articula-se para virar ministra de Dilma

A governadora Roseana Sarney encerrou ontem a agenda de compromissos em Brasília onde também participou da reunião do Conselho Nacional do PMDB, ocorrida nesta quarta-feira (5), no Hotel Nacional.

Ela se viabiliza através de encontros do partido para virar ministra de Dilma Rousseff. A governadora, que tinha audiência em Ministérios, foi convidada pelo vice-presidente Michel Temer para participar dos encontros da cúpula do partido durante a semana.

Durante o encontro de ontem (5), a governadora do Maranhão recebeu vários cumprimentos dos correligionários e teve posição de destaque à mesa. Assim que chegou ao local do evento, Michel Temer fez questão de conduzir Roseana para que ficasse sentada ao lado dele. Do Maranhão, também estavam presentes ao encontro o senador João Alberto; o deputado federal Gastão Vieira e o presidente do Diretório Estadual do PMDB, Remi Ribeiro.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Com pior IDH do país, município do Maranhão dá maior votação a Dilma

A presidente reeleita Dilma Rousseff conseguiu um número história em um município do Maranhão. Em Belágua, ela abocanhou 93,3% dos votos válidos.

No Nordeste, a petista destacou-se em sua votação possuindo um número expressivo de eleitores. Mas, precisamente, no Estado do Maranhão com 78,76%.

Reeleita presidente, Dilma teve o Maranhão como o estado que mais deu votos na eleição promocional. Nas eleições de 2010, ela teve ainda mais votos fechando com 79,09%.

Embora Dilma tenha uma votação história em Belágua, o município ainda continua o mais pobre das cidades brasileiras. Assistência básica, precariedade na saúde pública e sistema educacional na miséria são fatores preponderantes na realidade da população.

E assim Belágua continua com Dilma reeleita um município com o pior IDH do país.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Roberto Costa reforça postura do PMDB em apoio a Dilma no MA

Na reta final da campanha presidencial, o futuro político do Brasil é assunto que passa, também pelo Legislativo Maranhense. Na sessão desta segunda-feira, 20, o deputado estadual Roberto Costa (PMDB), foi à tribuna para reforçar o posicionamento pró-Dilma do grupo político ao qual pertence.

“O PMDB faz parte dessa grande coligação juntamente com o PT; os números mostram que o governo do presidente Lula, com a presidente Dilma, foram fundamentais para avanços no estado e para o fortalecimento da população em diversos setores”, defendeu Costa, no início do discurso.

Com base em números, Costa demonstrou como os programas federais e as propostas dos programas sociais, desenvolvidos no primeiro mandato da presidenta Dilma, trouxeram melhorias para o Maranhão.

O Bolsa Família, considerado o maior programa popular do atual governo, contempla atualmente, 997.443 famílias maranhenses, de modo que, 2. 280.402 pessoas saíram da considerada extrema pobreza desde 2011, por meio da ampliação do projeto. E de 2011 até aqui, alguns números mostram as ações do governo Dilma Rousseff no Maranhão, a exemplo do Programa Água para Todos, que propôs a construção de 4.295 cisternas no estado e do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar-PRONAF, que no período 2013-2014, fechou 97.470 contratos.

Segundo pesquisa do Datafolha, divulgada nesta segunda-feira, Dilma tem 52% da intenção de votos válidos contra 48% do candidato.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Roseana reúne na casa de Sarney políticos e pede votos para Dilma

A governadora Roseana Sarney(PMDB), reuniu refeitos, vereadores e lideranças para reforçar a campanha pela reeleição da presidenta Dilma Roussef no Maranhão.

Em encontro realizado nesta quinta feira (16) na residência do senador José Sarney no Calhau, em São Luís, Roseana também reuniu deputados estaduais e federais, além dos senadores Lobão Filho e João Alberto e o ministro licenciado de Relações Institucionais, Ricardo Berzoini.

Roseana enfatizou a importância da eleição de Dilma: “jamais o Maranhão e o Nordeste foram tão prestigiados quanto no governo da presidenta Dilma. É por isto que precisamos estar mobilizados e trabalhar unidos para reconduzi-la à Presidência da República”.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Esquema envolvendo Lobão faz Dilma pedir informações à PF

Ministro Edison Lobão.

Ministro Edison Lobão.

A presidente Dilma Rousseff confirmou em entrevista ao Estado de S. Paulo, que pediu à Polícia Federal e ao Ministério Público acesso aos depoimentos que citam nomes de integrantes do governo federal.

Dilma tem enorme interesse em saber da relação do ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, com o esquema de propina da Petrobras.

Prova disso é que ela vai recorrer ao Supremo Tribunal Federal (STF), caso não disponibilizem o depoimento do ex-presidente da Petrobras que citou até o nome da governadora Roseana Sarney na propinagem.

O depoimento bombástico foi revelado ao Ministério Público Federal (MPF), na superintendência da Polícia Federal.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Com Dilma reeleita, Lobão não será mais ministro de Minas e Energia

Ministro Edison Lobão.

Ministro Edison Lobão.

A presidente da Republica, Dilma Rousseff (PT), passou a semana batendo na mesma tecla: vai mudar sua equipe de governo. E o Alvo será o Ministério de Minas e Energia.

Conhecido como ministro do apagão, Edison Lobão pertence à cota do senador José Sarney, que sempre mandou e desmandou nos setores energético do país.

Dilma sempre preferiu técnicos, amigos, pessoas altamente preparadas e não políticas. Mais o ministro maranhense foi posto pelo PMDB nacional, por ordem de Sarney.

As mudanças no ministério de Dilma Rousseff, se reeleita, deve acontecer a partir de janeiro de 2015. Caso não seja vitoriosa agora em outubro a reforma, ainda que por dois meses acontecerá na primeira quinzena de outubro.

Com a exoneração, Lobão reassume o cargo de senador da República e seu filho, se não for eleito governador, voltará as atividades empresariais. E com menos poder de negociação.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder / Política

Dilma tem 34%, Marina, 29% e Aécio, 19%, aponta Ibope

Pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira (26) aponta Dilma Rousseff (PT) com 34% das intenções de voto para presidente da República e Marina Silva (PSB), com 29%. O candidato do PSDB, Aécio Neves, tem 19%, seguido de Pastor Everaldo (PSC) e Luciana Genro (PSOL), com 1% cada. Os outros seis candidatos somados acumulam 1%.

O levantamento indica que, em um eventual segundo turno entre Dilma Rousseff e Marina Silva, a ex-senadora teria 45% e a atual presidente, que tenta a reeleição, 36%.

Encomendada pela TV Globo e pelo jornal “O Estado de S. Paulo”, a pesquisa é a primeira do Ibope com Marina Silva como candidata do PSB. No levantamento anterior do instituto, divulgado no último dia 7, o candidato do partido ainda era Eduardo Campos, que morreu em acidente aéreo no último 13. Naquela pesquisa, Dilma tinha 38%; Aécio Neves (PSDB), 23%; e Eduardo Campos (PSB), 9%.

De acordo com a pesquisa desta terça-feira, 7% dos entrevistados disseram não saber em quem votar e 8% responderam que votarão em branco ou nulo. Na pesquisa anterior, os que responderam não saber eram 13% e brancos e nulos, 11%.

O Ibope ouviu 2.506 eleitores em 175 municípios entre os últimos sábado (23) e segunda-feira (25). O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de dois pontos para mais ou para menos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-00428/2014.

Confira abaixo os números na modalidade estimulada da pesquisa (em que o pesquisador apresenta ao entrevistado um cartão com os nomes de todos os candidatos) – todos os indicados com traço somam 1% das intenções de voto:

– Dilma Rousseff (PT): 34%
– Marina Silva (PSB): 29%
– Aécio Neves (PSDB): 19%
– Luciana Genro (PSOL): 1%
– Pastor Everaldo (PSC): 1%
– José Maria (PSTU): –
– Eduardo Jorge (PV): –
– Rui Costa Pimenta (PCO): –
– Eymael (PSDC): –
– Levy Fidelix (PRTB): –
– Mauro Iasi (PCB): –
– Brancos/nulos/nenhum: 7%
– Não sabe: 8%

Espontânea
Na modalidade espontânea da pesquisa (em que o pesquisador somente pergunta ao eleitor em quem ele pretende votar, sem apresentar a relação de candidatos), o resultado foi o seguinte:

– Dilma Rousseff (PT): 27%
– Marina Silva (PSB): 18%
– Aécio Neves (PSDB): 12%
– Outros: 2%
– Brancos/nulos/nenhum: 12%
– Não sabe: 28%
Segundo turno
O Ibope simulou os seguintes cenários de segundo turno:
– Marina Silva: 45%
– Dilma Rousseff: 36%
– Brancos/nulos/nenhum: 9%
– Não sabe: 11%
– Dilma Rousseff: 41%
– Aécio Neves: 33%
– Brancos/nulos/nenhum: 12%
– Não sabe: 12%

Rejeição
Dentre os 11 candidatos a presidente, Dilma Rousseff tem a maior taxa de rejeição (percentual dos que disseram que não votam em um candidato de jeito nenhum). Veja os números:

– Dilma Roussef: 36%
– Aécio Neves: 18%
– Pastor Everaldo: 14%
– Zé Maria: 11%
– Eymael: 9%
– Levy Fidelix: 9%
– Rui Costa: 7%
– Marina Silva: 10%
– Luciana Genro: 8%
– Mauro Iasi: 6%
– Eduardo Jorge: 7%


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Vídeo pró-Gastão confirma que Dilma não apoia Edinho Lobão

Com três dias de campanha no horário eleitoral na televisão, o candidato a governador apoiado pela oligarquia Sarney, Edinho Lobão (OMDB), não consegui convencer a presente Dilma Rousseff (PT), a gravar uma inserção no seu vídeo.

Até o momento, a presidente que disputa à reeleição, só gravou para os estados em que ela possui apenas um candidato. No Maranhão ela apoia duas candidaturas, a do comunista Flávio Dino – que lidera as pesquisas, e Gastao Vieira candidato ao Senado. Quem apóia Edinho é somente a Executiva Nacional do PT – por imposição da Executiva Nacional do PMDB, que nem aqui vota.

Mas, Dilma Rousseff tem um único candidato a senador pelo Maranhão: Gastão Vieira e, por isso, gravou dois vídeos pedindo votos ao seu ex-ministro do Turismo.

No primeiro vídeo Gastão vem utilizando em todas as inserções que tem direito. É a outra deve ser utilizar a partir da metade da campanha eleitoral no mês de setembro.

A ausência da presidente na campanha do milionário Edinho Lobão não se dará apenas na imagem eletrônica, mas principalmente na presença física. Ela decidiu que não vira ao Maranhão na campanha deste ano.

Tem agendado participação no Piauí, onde seu candidato o senador Welington Dias disputa novamente o mandato de governador.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Brasil

Eduardo Campos é enterrado no Recife

Do G1 PE

Família se despede, momentos antes do caixão de Eduardo Campos descer à cova. (Foto: Reprodução / TV Globo)

Família se despede, momentos antes do caixão de Eduardo Campos descer à cova.
(Foto: Reprodução / TV Globo)

Foi enterrado na noite deste domingo (17), no Cemitério de Santo Amaro, o corpo do ex-governador e candidato à Presidência Eduardo Campos. O sepultamento foi seguido por uma multidão, que acompanhou o cortejo de cerca de dois quilômetros do Palácio do Campo das Princesas até o cemitério, na área central do Recife. De acordo com a Polícia Militar, somando velório, cortejo e sepultamento, participaram das cerimônias fúnebres cerca de 160 mil pessoas.

Ao chegar ao cemitério, o caixão com os restos mortais de Campos foi colocado em um carro elétrico, que enfrentou bastante dificuldade para atravessar o caminho até o túmulo, devido à multidão. A viúva Renata Campos e os filhos foram dentro do veículo. Durante o percurso, as pessoas jogaram flores, aplaudiram, gritaram “Eduardo, guerreiro do povo brasileiro” e cantaram o hino nacional.

Em frente ao túmulo, se acomodaram em cadeiras para assistir à cerimônia Renata, os filhos, a mãe de Eduardo Campos, a ministra do Tribunal de Contas da União Ana Arraes, o irmão Antônio Campos, Marina Silva e outros familiares. Mas o caixão foi rapidamente sepultado, após o toque fúnebre de uma trompeta. Renata e os filhos se despediram com beijos no caixão e aos gritos de “Eduardo, guerreiro do povo brasileiro”. Quando o caixão foi colocado no túmulo, fogos de artifício começaram a estourar e a homenagem durou 20 minutos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Dilma tem 37%; Aécio 20%, e Campos 11%

Uol

Diminuiu a chance de a presidente Dilma Rousseff vencer no primeiro turno a eleição de 5 de outubro. Uma das principais razões foi o crescimento das intenções de voto do pré-candidato do PSDB, o senador Aécio Neves (MG).

Segundo o Datafolha, no cenário mais provável a petista teria hoje 37% das intenções de voto e os outros candidatos estariam com 38%, somados. É uma situação de empate técnico, pois a margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

O levantamento do Datafolha foi feito ontem e anteontem com 2.844 entrevistas, em 174 municípios do país.

Apesar de ter variado na margem de erro, a curva de Dilma não é estável. Ela tem recuado gradualmente nos levantamentos do Datafolha –enquanto seus dois principais rivais estão em ascensão.

No cenário hoje mais provável para a disputa de outubro, liderado por Dilma com 37%, o segundo colocado é Aécio, com 20%. Ele tinha 16% no início de abril. O tucano ganhou quatro pontos e apresentou a maior variação entre todos os candidatos.

O terceiro colocado é Eduardo Campos (PSB), que registrou 11% agora e também apresenta curva ascendente, sempre dentro da margem de erro –tinha 10% em abril e 9% em fevereiro. O pessebista é conhecido muito bem ou um pouco por 25% dos eleitores. Essa taxa é de 86% para Dilma e de 42% para Aécio.

Segundo o Datafolha, 16% dos entrevistados dizem que votariam hoje em branco, nulo ou em nenhum dos candidatos. Outros 8% declaram que ainda estão indecisos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.