Notícias

Inquérito apura suposto enriquecimento ilícito do prefeito de Rosário

O prefeito de Rosário, Calvet Filho, está no bojo de um inquérito instaurado no âmbito do Ministério Público que apura suposto enriquecimento ilícito. Os seus irmãos Lícia do Rosário Carvalho Calvet e Jonathas Carvalho Calvet, que ocupam os cargos de secretária municipal de Educação e assessor-chefe de Assunsto Institucionais, também estão sendo investigados pelo mesmo fato.

Sob o comando da promotora de Justiça de Rosário, Maria Cristina Lima Lobato Murillo, as investigações preliminares apontaram que o gestor e sua família teriam supostamente acumulado um grande patrimônio após terem assumido os cargos que ocupam.

“A lei nº 8429/92 estabelece que: Art. 9º Constitui ato de improbidade administrativa importando em enriquecimento ilícito auferir, mediante a prática de ato doloso, qualquer tipo de vantagem patrimonial indevida em razão do exercício de cargo, de mandato, de função, de emprego ou de atividade nas entidades referidas no art. 1º desta Lei, e notadamente VII – adquirir, para si ou para outrem, no exercício de mandato, de cargo, de emprego ou de função pública, e em razão deles, bens de qualquer natureza, decorrentes dos atos descritos no caput deste artigo, cujo valor seja desproporcional à evolução do patrimônio ou à renda do agente público, assegurada a demonstração pelo agente da licitude da origem dessa evolução”, destacou a represente ministerial.

O inquérito vai tramitar em sigilo, mas diligências já estão em fase bem avançada no intuito de coletar mais provas para fundamentar uma eventual Ação contra Calvet Filha e sua família.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *