Notícias

Flávio Dino toma posse e destaca que Justiça será um “Ministério da Paz”

Crédito: Ed Alves/CB/DA.Press

O ministro de Justiça e Segurança Pública (MJSP), Flávio Dino (PSB), foi empossado no cargo na tarde desta segunda-feira (2), em cerimônia no Salão Negro do Palácio da Justiça.

A solenidade reuniu lideranças do governo, parlamentares e autoridades, como o governador eleito do Maranhão, Carlos Brandão, a presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, o novo diretor-geral da Polícia Federal (PF), Andrei Passos, a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Rosa Weber, e do ministro Ricardo Lewandowski, além de membros  da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Federal (PF), e da Força Nacional.

Em seu discurso de posse, Dino enfatizou que a pasta da Justiça ‘será um ministério da paz, da pacificação nacional, da busca da paz verdadeira que é fruto da Justiça… Paz, contudo, com conteúdo”, acrescentou.

O novo ministro também exaltou a atuação do poder judiciário. “Minhas primeiras palavras são de saudação à senhora chefa do poder Judiciário do Brasil, ministra Rosa Weber. Saúdo o poder do Estado sem o qual este momento não estaria ocorrendo, posto que foi o Judiciário brasileiro que garantiu o Estado Democrático de Direito numa hora tão difícil”, afirmou Dino.

Caso Marielle

Flávio Dino pontuou como uma das prioridades, a elucidação do assassinato da vereadora Marielle Franco, morta em 2018. A família da vereadora estava presente na posse. “É uma questão de honra do Estado brasileiro empreender todos os esforços possíveis e cabíveis, e a PF assim atuará, para que nós saibamos quem matou Marielle e quem mandou matar Marielle Franco naquele dia no Rio de Janeiro. Eu sei o que é perder um filho”, se comprometeu o socialista.

Na oportunidade, o ministro anunciou os membros do segundo escalão do MJSP, que também foram empossados nesta segunda-feira (2). Confira:

  • Ricardo Garcia Capelo, Secretário-Executivo
  • Diego Galdino de Araújo, Secretário-Executivo adjunto
  • Augusto Botelho, Secretário Nacional de Justiça
  • Tadeu Alencar, Secretário Nacional de Segurança Pública
  • Marta Rodrigues de Assis Machado, Secretária Nacional de Políticas sobre Drogas
  • Marivaldo de Castro Pereira, Secretário Nacional de Acesso à Justiça
  • Rafael de Castro, Secretário Nacional de Políticas Penais
  • Elias Vaz, Secretário Nacional de Assuntos Legislativos
  • Andrei Augusto Passos Rodrigues, Diretor-Geral da Polícia Federal
  • Antônio Fernando Souza Oliveira, Diretor-Geral da Polícia Rodoviária Federal
  • Tamires Gomes Sampaio, coordenadora do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci)
  • Estela Aranha, coordenadora de Direitos Digitais
  • Sheila Santana de Carvalho, presidente do Comitê Nacional para os Refugiados
  • Rafaela Vieira Vidigal, chefe de gabinete
  • Lorena Nascimento Lima Ribeiro, chefe da Assessoria de Comunicação
  • Telma Moura de Oliveira, chefe do Cerimonial

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *