Crime

Polícia apreende 200 kg de maconha em São José de Ribamar

A Polícia Civil, por intermédio da Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (Senarc), apreendeu 200 kg de maconha prensada na quinta-feira (19) que estava armazenada em uma residência em São José de Ribamar, situada na Região Metropolitana de São Luís.

Segundo informações da polícia, durante a apreensão da droga foram presos também Alecio Jordane Costa Barros, Elinaldo Barbosa Rodrigues e Giselly dos Anjos Formigosa.

A operação deflagrada foi decorrente de um trabalho investigativo realizado durante cerca de quinze dias. O trio estava armazenando a droga em uma residência, localizada na rua da Piçarreira, na cidade de São José de Ribamar.

Os três criminosos foram autuados por prática dos crimes de tráfico ilícito de drogas e associação para o tráfico. Eles foram encaminhados ao Centro de Triagem de Pedrinhas, onde ficarão à disposição da Justiça.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Polícia deflagra operação para combater a pedofilia em São Luís e Rosário

A Polícia Civil do Maranhão através do Departamento de Combate a Crimes Tecnológicos (DCCT) da Superintendência Estadual de Investigação Criminal (SEIC), Laboratório de Lavagem de Dinheiro( LAB) e em parceria com a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), deflagrou no início da manhã desta sexta-feira (20), a operação integrada Luz na Infância.

Com o objetivo de apurar crimes de exploração sexual contra crianças, estão sendo cumpridos 04 mandados de busca e apreensão nos municípios de São Luís e Rosário.

Os alvos da operação Luz na Infância foram identificados através de um levantamento de informações pela Senasp e a Embaixada dos Estados Unidos da América no Brasil. Com base em informações e evidências coletadas em ambientes virtuais, a Polícia Civil instaurou inquérito policial e representou pela busca e apreensão junto ao Poder Judiciário, visando apreender computadores e dispositivos informáticos onde estão armazenados os conteúdos de pedofilia, indiciar e prender os criminosos.

As investigações que resultaram na operação Luz na Infância vêm sendo feitas há seis meses e resultam do aprimoramento do trabalho de inteligência de segurança pública e atuação em modelo de força tarefa, que reúne em um mesmo ambiente de trabalho policiais com expertise e capacitação na repressão aos crimes virtuais e de pedofilia. Um cenário ideal para coletar e preservar evidências criminosas, garantindo, como consequência, a identificação e posterior condenação dos criminosos pela Justiça.

A pedofilia é classificada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como uma doença de transtorno da preferência sexual. Pedófilos normalmente são pessoas adultas que tem preferência sexual por crianças pré-púberes ou no início da puberdade. O complexo ambiente da internet e a ausência de fronteiras no mundo virtual são elementos que propiciam terreno fértil à atuação desses criminosos.

Maiores informações e um balanço parcial da operação serão divulgados até às 11h.

Luz na Infância

A operação foi intitulada Luz na Infância por serem bárbaros e nefastos os crimes contra a dignidade sexual de crianças e adolescentes. A internet facilita esse tipo de conduta criminosa e, via de regra, os criminosos agem nas sombras e guetos da rede mundial de computadores.

Luz na Infância significa propiciar as crianças e adolescentes vítimas de abuso e violência sexual, o resgate da dignidade, bem como, tirar esses criminosos da escuridão, para que sejam julgados à luz da Justiça.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Homens são presos em São Luís após assaltar agência dos Correios em Chapadinha

A Superintendência Estadual de Investigações Criminais -SEIC e Delegacia de Chapadinha, prenderam em flagrante delito Edivaldo Reis vulgo “Tapo”, de 32 anos, e Júlio César Araújo Braga, vulgo “Bombado”, 33 anos, suspeito de participar do roubo à agência dos Correios, Chapadinha.

A dupla foi detida nesta manhã (20) no Maracanã, zona rural de São Luís.

Segundo a Seic, Edivaldo e Júlio fazem parte da quadrilha que assaltou os Correios de Chapadinha na última quarta-feira (18).

Com os indivíduos, foram encontrados R$15 mil em espécie, parte do dinheiro subtraído da agência, munição de arma de fogo de calibre ponto 40 e um veículo modelo celta de cor prata utilizado no transporte das armas e no resgate.

Edivaldo, responde criminalmente a processos pelos crimes de roubo e homicídio qualificado e encontrava-se em prisão domiciliar. E Júlio está sendo processado pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo, furto qualificado e lesão corporal.

Após análise técnico jurídico dos fatos realizada pela Autoridade Policial, ambos foram autuado em flagrante pelo crime de roubo majorado pelo emprego de arma e concurso de pessoas e porte ilegal de munição de calibre restrito.

A dupla de assaltantes foi encaminhada ao Centro de Observação Criminológica e Triagem de São Luís-MA, onde permanecerão à disposição da Justiça.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Homem rouba celular em loja do Monumental Shopping, em São Luís

Um homem, cuja identidade não foi divulgada, foi flagrado roubando um aparelho celular na loja Bling, localizada no Monumental Shopping, no bairro do Renascença, em São Luís.

Segundo o vídeo abaixo, o criminoso vai para o caixa, e enquanto a atendente está ocupada procurando roupas, ele aproveita e rouba o celular.

Para disfarçar a ação criminosa, o homem passeia pela loja e depois vai embora.

Até o momento, o indivíduo não foi preso.

Assista:


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Polícia prende professor acusado de aliciar adolescente em Davinópolis

Um professor identificado como José Arivan Moura Sousa foi preso, ontem (16), por aliciar uma adolescente de 14 anos, em Davinópolis. A denúncia foi feita pelo pai da jovem.

Segundo informações policiais, o professor enviava fotos e vídeos sexuais para a vítima pelo aplicativo de mensagens WhatsApp.

Em uma das conversas, o pai da adolescente se passou pela jovem e marcou um encontro com José. No momento do encontro, a polícia chegou e deu voz de prisão para o professor.

José Arivan foi encaminhado para o Plantão Central de Imperatriz, onde foram tomadas as medidas cabíveis.

Aliciamento

O aliciamento de crianças é também tipificado como crime pelo artigo 241-D do Estatuto da Criança e do Adolescente, e abarca as condutas de (i) aliciar, (ii) assediar, (iii) instigar ou (iv) constranger, por qualquer meio de comunicação, criança, com fim de com ela praticar ato libidinoso e a internet é frequentemente utilizada como meio para consecução desse tipo de crime.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Homem é preso em São Luís acusado de pistolagem no Piauí

A Superintendência Estadual de Investigações Criminais-SEIC prendeu, nesta terça-feira (17), Marcus Vinicius Feitosa de Castro, acusado de crimes de pistolagem na região de Pio XII e Fronteiras, ambas no Piauí.

Ele foi preso no bairro Cohab-Anil, em São Luís, em cumprimento ao mandado de prisão expedido pela Primeira Vara do Tribunal do Júri de Teresina-PI e na posse de armas de fogo.

Segundo informações da SEIC, no dia 29 de abril de 2002, Marcus executou o servidor da Secretaria da Fazenda do Piauí, Antônio Gernasio de Alencar, quando deixava os três filhos no Colégio mérito D’martone, localizado em Teresina.

À época o serviço de Inteligência da Polícia Civil do Piauí também descobriu um plano de morte contra o Delegado da Polícia Civil-PI, Bonfim Filho, que investigava o crime organizado.

Após as formalidades legais, Marcus foi encaminhado ao Centro de Observação Criminológica e Triagem de São Luís onde permanecerá a disposição do Poder Judiciário.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Policial civil se entrega depois de matar funcionário do Ibama na Avenida Litorânea

Um policial civil (que não teve o nome divulgado) se entregou nesta segunda-feira (16) na delegacia de homicídios de São Luís dois dias após a morte de um funcionário do IBAMA na noite do último sábado (14).

Ademar Moreira Gonçalves, de 37 anos, foi morto com um tiro nas costas enquanto dirigia na Avenida Litorânea, em São Luís. A Superintendência de Homicídios e Proteção a Pessoa (SHPP) trabalhava com as hipóteses de briga de bar, reação a assalto e execução até a confissão do assassinato pelo policial civil.

O policial informou na delegacia que estava em um bar quando soube que o seu carro estava sendo roubado. Ao encontrar um homem no volante saindo de uma vaga próximo de onde ele havia estacionado, sacou a arma para atirar nos pneus, segundo ele. O motorista (Ademar) arrancou com o carro depois que viu o homem armado, mas foi atingido com o tiro nas costas que o matou. O policial acrescentou ainda que o carro de Ademar era idêntico ao dele.

Testemunhas informaram que o policial retirou Ademar de dentro do carro e impediu as pessoas de se aproximar até a chegada do SAMU, mas fugiu do local depois que viu que havia se enganado.

“Pela declaração dele (o policial que confessou o assassinato), ele interpretou erroneamente porque o carro dele estava estacionado praticamente ao lado. E quando o indivíduo saía do carro, o policial que estava de pronto aviso para uma missão no interior lembrou que tinha equipamentos da polícia civil nesse veículo. Então ele temendo além do roubo do veículo, o roubo desses equipamentos, tentou evitar a saída do indivíduo”, informou o Superintendente da Delegacia de Homicídios, Lúcio Rogério Reis.

O policial que efetuou o tiro, segundo a polícia, trabalhava no núcleo de combate ao crime organizado e tinha 15 anos de corporação com ótima conduta profissional. Já Ademar era formado em direito e nunca teve passagem pela polícia. A família de Ademar, que veio do Tocantins para o velório dele, está inconformada com o caso.

“Despreparo total, né? Uma pessoa ouvir de outra pessoa que seu carro foi roubado e a pessoa já sair com uma arma em punho? Ele não deu nem a oportunidade do meu irmão falar nada”, declarou Vera Lúcia, irmã de Ademar.
Como não houve o flagrante, o policial civil vai responder ao processo em liberdade.

Do G1,MA


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Bandidos fazem motorista de Uber refém e praticam assaltos em São Luís

Cinco bandidos praticaram um assalto a um Uber e mantiveram o motorista como refém na madrugada desta sexta-feira (13) em São Luís. Após a abordagem, os bandidos usaram o veículo e fizeram mais dois assaltos em uma residência no bairro Cohama e a um bar, localizado na Lagoa da Jansen em São Luís. Dois bandidos foram presos em flagrante logo na manhã desta sexta.

De acordo com o delegado da Polícia Civil, Sebastião Uchôa, os cinco assaltantes solicitaram a viagem pelo aplicativo do Uber e quando o veículo chegou ao local, os quatro homens e uma mulher anunciaram o assalto. O motorista, que não foi identificado, foi feito de refém pelos bandidos.

Em seguida, eles abordaram outro homem que estava chegando de carro em sua residência no bairro da Cohama. Os bandidos anunciaram o assalto e fizeram um arrastão no local, do qual foram levados vários pertences dentre televisões, aparelhos de DVD, joias, roupas e o veículo da família. Após o incidente, os criminosos seguiram para a Lagoa da Jansen onde praticaram um novo assalto a um bar. Sete pessoas que estavam local tiveram seus pertences levados e em seguida, os bandidos fugiram novamente.

Dois bandidos foram abordados e presos pela polícia logo pela manhã desta sexta-feira (13). Com eles foi aprendido um dos veículos que foi roubado, alguns pertences e uma arma de fogo. Com passagens pela polícia, ambos foram atuados em flagrante por roubo qualificado e segundo o delegado Uchôa, sua prisão preventiva deve ser pedida logo, em virtude da quantidade de provas que foram encontradas com eles. Um deles estava uma tornozeleira eletrônica.

A polícia afirmou que os outros três assaltantes já foram identificados. O caso segue para a 4º Delegacia de Polícia do bairro Vinhais em São Luís, onde deverá ser investigado.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Dupla é presa por envolvimento em latrocínio contra um adolescente em São Luís

Dois homens identificados como Vilk Roger Vieira e Ilk Rui Vieira Paiva, mais conhecido como “Smilk” foram presos, na quarta-feira (11), suspeitos de envolvimento em um latrocínio (roubo seguido de morte) contra um adolescente em 16 de junho desse ano.

A dupla foi detida por meio de dois mandados de prisão preventiva, que foram cumpridos pelos policiais do 18º Distrito Policial, localizado na Cidade de Operária, em São Luís.

No mesmo contexto fático, os autores praticaram roubo contra cinco vítimas. Os investigados portavam arma de fogo no momento da execução dos crimes. Ambos já foram presos em flagrante por tráfico de drogas e roubo majorado.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Polícia estoura casa de bingo em Santa Rita

A Polícia Civil estourou uma casa de bingo na cidade de Santa Rita, onde foram apreendidas quatro máquinas caça-níqueis, além de baralhos e dominó.

O estabelecimento funcionava do lado da Câmara de Vereadores, e na frente funcionava um bar simples de responsabilidade de Antônio Guimarães Silva Filho, que abandonou o local antes da chegada da polícia. Os investigadores entraram no estabelecimento e em um cômodo reservado encontraram as máquinas, que estavam ligadas e em funcionamento.

No local, foram apreendidos materiais de controle contábil e depósitos bancários, que depois de analisados fornecerão uma noção da contabilidade do jogo de azar.

O delegado Márcio de Moraes afirmou que tomou conhecimento do cassino clandestino por meio de denúncia anônima e prontamente se deslocou ao endereço fornecido.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.