Poder

Secretário de Saúde de Timon na corda bamba…

Blog do Ademar Sousa

Em menos de 60 dias ocupando o cargo de secretário Municipal de Saúde de Timon, Antônio Lisboa, vem sendo considerado pela maioria da alta cúpula do governo municipal do prefeito Luciano Leitoa (PSB), como um sujeito burocrata importado da iniciativa privada e, sobretudo, insensível aos problemas encontrados na área de saúde deixados pela gestão passada.

Secretário de Saúde de Timon.

Secretário de Saúde de Timon.

Neste caso, Antônio Lisboa tem dado demonstração de profundo desconhecimento da realidade “nua e crua” que vive o setor da saúde pública, considerado um dos mais importantes de qualquer governo seja municipal, estadual ou federal. Diante disso, há informações contundentes de que ele poderá ser exonerado a qualquer momento em razão do fraco desempenho na função, causando assim, desconforto na base governista socialista com reflexos negativos, comprometendo metas e resultados da gestão atual. Inclusive, comenta-se nos bastidores de que estariam preparando uma pessoa para substituí-lo.

Para alguns membros do governo municipal e outros críticos do Poder Legislativo, a única pessoa para quem Antônio Lisboa dá bom dia ou boa noite é para o prefeito Luciano Leitoa, que foi quem articulou sua indicação no tal cargo de secretário de Saúde, substituindo o então secretário Danísio Marabuco, que é vice-prefeito e ficou apenas dois dias no cargo. Clique aqui e continue lendo a reportagem.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Luciano Leitoa denuncia dívida de R$ 150 milhões de Socorro Waquim

Tribuna do Maranhão

Em reunião realizada no Centro de Treinamento Professor Wall Ferraz, na quinta-feira, dia  07 de fevereiro de 2013, o prefeito Luciano Leitoa (PSB) discutiu com representantes do magistério municipal, com a presença da imprensa, a situação das finanças do município, as dívidas herdadas da gestão anterior e a forma de pagamento dos salários atrasados dos professores.

Durante a reunião, o prefeito falou sobre os recursos complementares recebidos e disponíveis na conta da prefeitura, num total de R$ 3,8 milhões, dos quais R$ 1,4 milhões do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) de 2012 e R$ 2,3 milhões do complemento do Fundeb de janeiro de 2013.

“Dispomos, portanto, de R$ 1,4 milhão para pagar os atrasados da educação, o que representa 50% do total da dívida, que será integralmente utilizado no pagamento do magistério”, disse Luciano, destacando que ainda assim restará uma dívida de R$ 1,1 milhão.

Ele disse que o restante da dívida será pago com recursos do Fundo de Participação do Município (FPM), de forma parcelada. Pela proposta da prefeitura, o saldo de R$ 1,1 milhão serão pagos em 5 parcelas de R$ 238.651,43 até o mês de junho.

Sobre as dívidas herdadas da administração anterior, Luciano Leitoa informou que só na área da previdência as contas chegam a R$ 110 milhões, sendo R$ 53 milhões do IPMT e R$ 57 milhões do INSS. A prefeitura deve ainda R$ 8 milhões, dos quais R$ 1,4 milhões são dívidas do Serviço Autônomo de Águas e Esgotos, o que está colocando em risco o abastecimento de água de Timon.

A folha de pagamento da prefeitura, incluídos ai contratados e efetivos, soma R$ 24 milhões. No total as dívidas do município somam R$ 142 milhões. “Agora em janeiro, só para o pagamento do INSS, foram retidos R$ 854.739,11”, revela o prefeito, acrescentando que o parcelamento do IPMT, aprovado no final de dezembro, somados a outras dívidas não pagas,  chegou a R$ 838.044,00. “Tudo isso junto representa 18% da capacidade de investimento do município. No setor de saúde a situação é igualmente grave, conforme o relatório da prefeitura, com uma dívida de R$ 1 milhão 417 mil.

Luciano Leitoa acrescentou que os médicos do PSF não queriam mais trabalhar porque estavam há três meses sem receber pagamento. “Estamos pagando hoje 50% dos médicos referente a novembro de 2012”, acentuou ontraproposta Depois de ouvir atentamente as colocações do prefeito, as lideranças do magistério se reuniram para analisar a proposta da prefeitura e resolveram apresentar uma contraproposta de pagamento de 70% do salário de novembro no dia primeiro dia útil após o carnaval, ficando 1/3 de férias mais os 30% restante de novembro para ser pagos em cinco parcelas. A proposta foi aceita pelo prefeito que agora aguarda a realização da Assembleia Geral da categoria que acontece na próxima sexta-feira (8). “Nossa preocupação é encontrar uma solução que contemple a maior parte da categoria e a brevidade do pagamento”, comentou Francisca Paiva, presidente do SINTERPUM.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Candidato a vereador de Timon vende flanelas em semáforos

Leste em Off 

Jorge de Carvalho Lima, 29 anos de idade, deficiente visual desde os 14 anos, casado, pai de dois filhos, ganha a vida vendendo flanelas em vários cruzamentos da Avenida Miguel Rosa, em Teresina, correndo risco de vida.

Timonense, residente no bairro Cidade Nova II, na Rua 20, Jorge Carvalho, desempregado, há mais de três anos se dedica à venda de flanelas ganhando R$ 0,70 por cada peça vendida. “Chego a vender 24 flanelas por dia”, diz, lembrando, porém, que nem todo o dia as vendas são boas.

Jorge de Carvalho foi candidato a vereador

Jorge de Carvalho foi candidato a vereador

Ele foi candidato a vereador em Timon pelo PSB, nas eleições de 2012, pela coligação “Unidos por Timon”, obteve 58 votos, e acredita que ainda será lembrado pelo prefeito Luciano Leitoa, do mesmo partido.

Enquanto aguarda o apoio do correligionário, Jorge Carvalho segue desafiando a morte no violento trânsito de Teresina e conta que já foi acidentado várias vezes. “Ainda bem que foram acidentes de menor gravidade”, acentua.

Segundo ele, durante a campanha eleitoral, o prefeito Luciano Leitoa assegurou a participação dos candidatos a vereador em sua administração. “Confio na palavra do prefeito e estou aguardando a minha vez”, revela.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Prefeitura de Timon recebeu mais de R$ 12 milhões em janeiro

Prefeito de Timon, Luciano Leitoa.

Prefeito de Timon, Luciano Leitoa.

O prefeito Luciano Leitoa já pode começar a trabalhar. Somente no mês de janeiro, caiu nos cofres da prefeitura mais de R$ 12 milhões de recursos federais, FPM, FUNDEb, além dos recursos de menor capitalização.

O rombo deixado na prefeitura de Timon pela ex-gestão deixou a cidade abandonada e esquecida. O maior problema enfrentado pela nova gestão foi o salário dos servidores em atraso ,além do não pagamento de algumas empresas prestadoras de serviços.

Somente no dia 30 de janeiro  foram disponibilizados 2.267.611,13 C de FPM. De FUNDEB, acrescido os valores que já estão em cofre foram adicionados mais 771.041,72.

Os demonstrativos do Banco do Brasil mostra os recebimentos deste mês.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Deputado federal repudia tentativa de homicído contra Luciano Leitoa

Simplício Araújo.

Simplício Araújo.

O deputado federal, Simplício Araújo (PPS), repudiou na manhã desta terça-feira (22), o atentado contra o prefeito de Timon, Luciano Leitoa (PSB).

Leitoa que estava no véiculo de sua esposa, quando presenciou um carro Siena de cor vermelha com dois elementos – ainda não identificados, disparando contra seu carro que estava sendo dirigido pelo motorista, um Golf preto.

Leia abaixo a nota do deputado federal Simplício Araújo.

NOTA DE REPUDIO

O Deputado Federal Simplício Araújo vêm, por meio desta nota pública, repudiar o atentado contra o Prefeito da cidade de Timon, Luciano Leitoa.

O Parlamentar também manifesta solidariedade à família do Prefeito, assim como de seu motorista, Marcinho, que fora atingido no atentado.

O Deputado Simplício Araújo cobra rigor na apuração do caso e anunciam que envidará todos os esforços no sentido de exigir e auxiliar os órgãos competentes na elucidação dos fatos e responsabilização dos culpados na maior brevidade possível.

O ato é um atentado à Família, uma ameaça contra a liberdade de expressão e contra o Estado Democrático de Direito e deve ser repudiado com veemência por todos os Timonenses e Maranhenses, independente de sua bandeira partidária.

SIMPLÍCIO ARAÚJO
DEPUTADO FEDERAL


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Tentaram matar Luciano Leitoa, prefeito de Timon

Luciano Leitoa chegando a delegacia

Luciano Leitoa chegando a delegacia

Por volta das 20h de ontem, dia 22, o motorista e o segurança de Luciano Leitoa no veiculo Golf de cor preta e placa NIL-0216, se dirigiam para o sítio o “BG”, de propriedade de Chico Leitoa, pai do prefeito.

Ao chegarem na MA-040, um veiculo Siena de cor vermelha com dois elementos – ainda não identificados, trancou o Golf e um deles desceu com uma arma e mandou que o carro parasse.

O motorista do prefeito não atendeu e arrancou com o carro. O bandido começou a disparar e atingiu o condutor com um tiro nas costas.

Luciano Leitoa, que iria para o sítio do pai junto com o motorista e o segurança, acabou aceitando o convite da sua esposa, a assistente social Aldeneide Carvalho Lima de Sousa, em jantar no restaurante em Teresina, no Piauí, cidade vizinha de Timon.

Por causa do jantar, o prefeito acabou escapando da ação criminosa dos bandidos.

Prefeito falou sobre o atentado em sua página pessoal na internet

 


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.