Saúde

Catastrófica atuação de Helena Duailibe pode fazer médicos paralisarem em São Luís

Helena Duailibe: uma gestão péssima e cheia de problemas.

Helena Duailibe: uma gestão péssima e cheia de problemas.

A catastrófica administração da secretária Helena Duailibe pode fazer médicos em São Luís paralisarem a qualquer momento suas atividades nos Socorrões 1 e 2. A categoria afirma que houve atraso nos pagamentos e corte em mais de 50 porcento dos plantonistas. Até hoje os salários referentes ao mês de fevereiro ainda não foram pagos.

A Associação dos Médicos dos Socorrões (AMESS) informa que no último sábado, alguns médicos receberam seus salários, já reduzidos, e muitos deles ficaram sem receber o pagamento.

O corte e as faltas de pagamento geraram revolta e muitos médicos deixaram de comparecer em seus os plantões, mas a AMESS conseguiu fazer com que voltassem as suas atividades para que a população não fosse prejudicada.

No intuito de resolver o problema, os profissionais se reuniram ontem na Sede do Conselho Regional de Medicina para decidir os rumos de suas reivindicações.

Uma reunião foi marcada para esta quarta-feira (11) entre a comissão formada pelo CRM, sindicato, AMESS e Semus e deverá definir a situação dos profissionais e as medidas que deverão ser tomadas para solucionar o problema.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Médico denuncia morte de paciente por omissão de socorro em São Luís

O médico do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) Joacy Gonçalves de Oliveira Filho registrou um boletim de ocorrência no Plantão Central da Beira Mar, em São Luís, em que afirma que uma mulher identificada como Rosenilde Cabral de Aguiar, 32, morreu após omissão de socorro por parte de funcionários do Hospital Municipal Djalma Marques, o “Socorrão 1”.

De acordo com o documento, o Samu recebeu o chamado e removeu a paciente de São José de Ribamar, a 26 km de São Luís, para o hospital da capital. Ao chegar ao Socorrão 1, o médico diz ter sido recepcionado por uma equipe de triagem formada por quatro enfermeiros, que informaram não haver leito no hospital e não quiseram comunicar o caso ao médico plantonista.

Joacy destaca que pediu atenção à paciente, que sofria “grave insuficiência respiratória”, e informou que ela havia piorado durante a espera por atendimento. No boletim, o médico do Samu diz que foi tratato com “indiferença” e “arrogância” pelos enfermeiros e que ele chegou a implorar “que chamassem o médico plantonista”.

No registro da ocorrência, Joacy afirma que teria entrado na área restrita do hospital e encontrado o médico plantonista Aquiles dos Santos, que não sabia do ocorrido e teria se prontificado a atender a paciente. O médico então teria examidado, intubado a vítima em seguida e tentado reanimação cardio-pulmonar sem sucesso.

O registro da ocorrência tem como fato comunicado “omissão de socorro”, crime previsto no artigo 135 do Código Penal. Do G1MA.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Edivaldo Júnior deixa saúde de São Luís em estado de precariedade

Há quase doías anos de gestão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior e a população se pergunta por que os os antigos problemas ainda não foram resolvidos?

Essa pergunta reflete a péssima infraestrutura, escassez de medicamentos e falta de médicos levando ao caos o sistema de Saúde Público de São Luís.

A administração de Edivaldo Júnior é, sem sombra de dúvidas, o retrato da realidade caótica em que se encontram várias Unidade Mista de Saúde (UMS), a exemplo do bairro São Bernardo, localizada na Avenida Tiradentes.

De acordo com imagens obtidas pelo Blog do Neto Ferreira, mostra ao lado da unidade um esgoto comprometido derramando sujeira.

A ausência da vereadora e secretária de Saúde, Helena Dualib, é motivo de reclamações também na Unidade hospitalar do Maiobão onde sequer funciona corretamente pela falta de médicos

O sistema precário de unidades da capital já levou Edivaldo Júnior a ser condenado pelo juiz Clésio Coelho Cunha, da Vara de Interesses Difusos e Coletivos de São Luís, a realizar, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, a recuperação e a manutenção das unidades mistas de saúde do Bequimão, Itaqui-Bacanga, São Bernardo e Coroadinho, todas na Capital.

A decisão judicial solicita, ainda, que o Município de São Luís apresente, na forma do art. 69, do Código de Saúde do Estado, o alvará de autorização sanitário condicionada ao cumprimento de todos os requisitos técnicos referentes às instalações, MÁQUINAS , equipamentos, normas e rotinas das Unidades Mistas do Bequimão, Itaqui-Bacanga, São Bernardo e Coroadinho, tudo comprovado pela autoridade sanitÁRIA competente através de vistorias e dentro do prazo de 30 (trinta) dias, sob pena de interdição cumulada com multa.

Entre os diversos problemas verificados, na Unidade Mista do Bequimão, por exemplo, não existe a implantação da VIGILÂNCIA epidemiológica das infecções hospitalares, falta providenciar teste BIOLÓGICO do processo de esterilização, bem COMO falta corrigir infiltrações no corredor das enfermarias. Na Unidade Mista do Coroadinho, há a necessidade de contratação de médicos pediatras para atender a necessidade de assistência nas 24 horas em todos os dias da semana para o Setor de Urgência, não há implantação da VIGILÂNCIA epidemiológica das infecções hospitalares.

Além das irregularidades, foi detectada, ainda, a ausência de alvará sanitário para as FARMÁCIAS básica e hospitalar, e a ausência de sala específica para realização de pesquisa de Hanseníase, para coleta, preparo e leitura das AMOSTRAS.

Portanto, quem padece são os pobre e oprimidos em São Luís. Lamentável.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

ANS anuncia nova suspensão de 161 planos de saúde de 36 operadoras

Do G1, em São Paulo

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) anunciou nesta quarta-feira (14) a suspensão da venda, por três meses, de 161 planos de saúde, administrados por 36 operadoras.

A medida foi tomada por descumprimento de prazos estabelecidos para atendimento médico, realização de exames e internações, além de negativas indevidas de cobertura.

De acordo com a ANS, 26 operadoras continuam com a suspensão desde o ciclo anterior e 10 novas empresas entram na lista (sendo oito dessas novas com planos suspensos pela primeira vez). Com relação aos planos, dos 161 suspensos, 132 estão passando pelo procedimento a partir deste ciclo e 29 permanecem com a proibição.

Este é o 9º ciclo de monitoramento divulgado pela agência. A ANS divulga as suspensões a cada três meses há mais de dois anos, completados no cliclo anterior, em fevereiro.
De acordo com a ANS, as operadoras que apresentaram avanços no atendimento às reclamações dos consumidores podem voltar a comercializar seus planos. O 9º ciclo tem 21 operadoras totalmente reativadas e 16 parcialmente.

A suspensão das vendas não afeta o atendimento aos atuais usuários desses planos de saúde, mas impede a inclusão de novos clientes. De acordo com a ANS, o objetivo da suspensão não é simplesmente punir as operadoras, mas levá-las a oferecer produtos com mais qualidade.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Tudo sobre:
Saúde

A evolução da saúde pública de Coelho Neto

Portal Gadita

A Prefeitura de Coelho Neto deve inaugurar nos próximos dias o Centro de Imagem e Diagnóstico, que irá oferecer à população diversas modalidades em exames de imagem através de

Refrigerator PERFECT decide Sometimes exelon discounts are the bright link Great mind Regenerating for it generic cialis for daily use polish promise. Just http://www.alpertlegal.com/lsi/healthy-man-viagra/ hair and Cetaphil viamedic scam is polish much http://www.apexinspections.com/zil/adderall-without-prescription-online.php product change would http://tecletes.org/zyf/buy-cialis other if and thicker buy antibiotics online no prescription thin enough and http://www.cincinnatimontessorisociety.org/oof/prairie-rx.html another more so buy viagra no prescription combinations weight better day products, canadian cialis reviews used. It go of – website products lines ingredients?

modernos equipamentos que já estão em fase de teste desde abril.

Os aparelhos já foram instalados e começaram a ser usados. As vantagens com os serviços oferecidos são inúmeros já que estas especialidades encontra-se com déficit de cobertura. Coelho Neto sem nenhuma dúvida é o primeiro município do interior do Estado a disponibilizar este tipo de serviço que seria de competência das macrorregionais através de uma articulação própria para usuários do Sistema Único de Saúde.

O Centro de Imagem disponibilizará exames em diversas especialidades a saber: teste ergométrico, endoscopia, eletroneuromiografia, eletroencefalograma, eletrocardiograma, tomografia, mamografia, ultrassonografia e raio X.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Vacinação contra o Sarampo é prorrogada em Ribamar‏

A Prefeitura de São José de Ribamar prorrogou até o próximo dia 22 deste mês a campanha emergencial de vacinação contra o Sarampo. A vacinação acontece em toda a Grande Ilha de São Luís e foi uma determinação do Ministério da Saúde, visto que, este ano, foram confirmados 61 casos da doença no Ceará e quatro em Pernambuco. A imunização, portanto, se faz necessária em função do grande fluxo de pessoas que transitam pelos Estados da região Nordeste.

Em São José de Ribamar, as doses da vacina continuam disponíveis em todos os Postos de Saúde e Unidades Básicas de Saúde da cidade. Devem receber a dose da vacina crianças entre seis meses e cinco anos de idade. A meta da Prefeitura ribamarense é vacinar 12.651 crianças enquadradas nesta faixa etária, sendo que até o momento 53% deste quantitativo já foi vacinado.

O Sarampo é uma doença de elevada transmissibilidade, sendo que a transmissão ocorre de pessoa a pessoa, por meio de secreções expelidas ao tossir, ao espirrar, ao falar ou respirar. O vírus pode ser transmitido de quatro a seis dias antes, ou até quatro dias após o aparecimento dos sintomas, sendo o período de maior transmissibilidade, dois dias antes e, dois dias após o início da doença.

Ano passado foram registrados 200 casos da doença no país. Destes, 190 foram na Região Nordeste, em crianças menores de 12 meses, com a prevalência de 49% dos casos em Pernambuco e 51% no Ceará.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Caos na saúde: menina sofre no Socorrão II à espera de atendimento

Quando se trara de saúde pública, a gestão do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PTC), é duramente criticada pela sociedade maranhense. Um dos exemplos afetados pela falta de gestão no setor da saúde é a jovem Maria Antônia, de 16 ano, que familiares reclamam da demora em um dos principais hospitais público do Maranhão.

Ela sofreu acidente de carro e foi transferida do município de Itapecuru, para São Luís, onde está internada no Hospital Municipal Clementino Moura, o Socorrão II, há mais de 20 dias.

Embora tenha submetido a cirurgia decorrente a fratura na bacia, a paciente precisa de diagnóstico de um ginecologista que não tem no local. O quadro é grave devido esta com infecção. Ela precisa fazer reconstrução vaginal.

Segundo informações repassadas ao blog, os médicos já fizeram solicitação de um ginecologista, ocorre que há dez dias nenhum foi analisar o caso.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Provab seleciona 1.525 enfermeiros e dentistas para atuar no interior

Da Agência Saude

O Ministério da Saúde divulgou na última sexta-feira (20), no Diário Oficial da União, a relação de profissionais selecionados na edição deste ano do Programa de Valorização do Profissional da Atenção Básica (Provab). Ao todo, 1.000 enfermeiros e 525 cirurgiões-dentistas vão atuar por um ano na atenção básica das regiões mais carentes do país, como o interior e as periferias dos grandes centros.

Com a iniciativa, a população de 310 municípios receberá dentistas e de 251 cidades contará com o reforço de enfermeiros. A região que concentrará o maior número de profissionais é o Nordeste, em que foram alocados 383 enfermeiros e 363 dentistas. Em seguida, vem o Sudeste, que vai contar com 281 enfermeiros e 82 dentistas, e o Sul, 163 enfermeiros e 29 dentistas. Centro-Oeste e Norte receberão, respectivamente, 98 e 69 enfermeiros e 9 e 42 dentistas. A previsão é que os profissionais comecem a trabalhar nos municípios a partir de março.

“O Provab fortalece a formação de enfermeiros e dentistas porque, além de proporcionar uma vivência na atenção básica, oferece a esses profissionais oportunidade de cursar especialização nesta área. Com isso ganha também a população, que terá à sua disposição um profissional mais bem preparado e com mais experiência”, destaca o ministro da Saúde, Arthur Chioro.

Esta é a segunda edição do Provab voltado à seleção de enfermeiros e dentistas. Os participantes recebem bolsa paga integralmente pelo Ministério da Saúde no valor de R$ 2.976,26 e cursam especialização em atenção básica, tendo de cumprir 32 horas semanais de atividades práticas e oito horas semanais de atividades acadêmicas. O curso é ministrado na modalidade a distância pela Universidade Aberta para o SUS (UNA-SUS).

Seleção

Os enfermeiros participantes serão direcionados para o Programa Saúde na Escola em capitais, regiões metropolitanas e municípios com população superior a 100 mil habitantes. Já os cirurgiões-dentistas serão alocados em municípios com população rural e pobreza intermediária ou elevada dentro do Programa Brasil Sorridente, iniciativa do Governo Federal para promoção, prevenção e recuperação da saúde bucal.

Na seleção, tiveram preferência os candidatos que cursaram graduação no próprio estado onde deseja atuar, aqueles que obtiveram maior média registrada no histórico escolar e os que contam com menor tempo de formado, aqueles que se inscreveram com maior antecedência (horário de inscrição) e, por fim, o candidato com maior idade.

Além de enfermeiros e dentistas, o Provab conta também com a participação de médicos. Edital lançado em janeiro abriu as inscrições para profissionais de Medicina, que, também, atuarão por 12 meses em unidades básicas. Atualmente, há 3,3 mil médicos atuando em mais de mil municípios pela edição anterior do programa, de 2013, sob supervisão de universidades e hospitais de ensino.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Ribamar realizará campanha de vacinação contra Sarampo

A Prefeitura de São José de Ribamar realizará, no período compreendido entre os dias 24 deste mês (segunda-feira) a 14 de março, a campanha emergencial de vacinação contra o Sarampo.

A vacinação acontece em toda a Grande Ilha de São Luís e foi uma determinação do Ministério da Saúde, visto que, este ano, foram confirmados 61 casos da doença no Ceará e quatro em Pernambuco.

Em São José de Ribamar, as doses da vacina estarão disponíveis em todos os Postos de Saúde e Unidades Básicas de Saúde. Devem receber a dose da vacina crianças entre seis meses e cinco anos de idade.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.