Poder

Deputado Rogério Cafeteira declara mais de R$ 2 milhões em patrimônio

O candidato a reeleição a deputado estadual, Rogério Cafeteira (DEM), declarou um valor milionário em bens ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Os dados foram divulgados pelo DivulgaCand.

Segundo a declaração, o parlamentar possui um patrimônio de R$ 2.090.000,00 milhões, que inclui dois apartamentos, sendo um de R$1.200.000,00 milhão e outro de R$ 600 mil.

Em 2010, quando se candidatou pela primeira vez a uma cadeira na Assembleia Legislativa do Maranhão, Rogério declarou R$2.070.000,00 milhões em bens. Já em 2014, ano que conseguiu se reeleger como deputado, o democratas afirmou ter um patrimônio pessoal de R$ 2.330.000,00 milhões, entre os bens estavam um apartamento de R$ 1,2 milhão, 3 veículos e uma caderneta de poupança de R$ 250 mil.

Veja a lista completa da declaração de bens do deputado estadual.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Rogério Cafeteira deve ser levado ao Conselho de Ética da Assembleia

O Conselho de Ética da Assembleia Legislativa deve apurar uma irregularidade confessada pelo deputado Rogério Cafeteira durante pronunciamento em sessão plenária.

Há duas semanas, o deputado fez uma grave denúncia acusando a si mesmo, quando afirmou ter realizado uma transferência no valor de R$ 300 mil para a conta da deputada Andreia Murad durante as eleições de 2014.

“E vou dizer a agência, a Itaú Personalité da Avenida dos Holandeses”, disse Cafeteira na ocasião, revelando o nome e endereço da agência de onde partiu a transferência dos R$ 300 mil.

O empréstimo pessoal feito pelo deputado configura “crime” como, por exemplo -, por se tratar de uma doação ilegal e não declarada.

O presidente do Conselho de Ética da Assembleia deve tomar uma atitude e ouvir os esclarecimentos de Rogério Cafeteira, que confessou ter cometido crime durante sessão plenária.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Bomba! Epitácio Cafeteira recebeu dinheiro de empresa atrelada no ‘esquema’ de doleiro preso pela PF

Senador Cafeteira e atrelado a empresas envolvida no esquema do doleiro preso em São Luís.

Senador Cafeteira e atrelado a empresas envolvida no esquema do doleiro preso em São Luís.

Em meio ao escândalo de corrupção que atinge o Congresso Nacional através de empresas que fizeram transferências milionárias a empresa de fachada MO Consultoria, de propriedade do doleiro Alberto Youssef, a Polícia Federal descobriu a participação de um senador maranhense como um dos beneficiados pelo esquema nebuloso.

O senador Epitácio Cafeteira (PTB), tio do deputado estadual Rogério Cafeteira, aparece nas investigações da operação Lava-Jato sendo agraciado, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), com doação de campanha. A empresa doadora tem fortes ligações com o ex-diretor de Abastecimento da Petrobras e Youssef.

Segundo informações recebidas ao Blog do Neto Ferreira, o senador Cafeteira recebeu de uma fornecedora que mantinha contrato com a Petrobras. A empresa é citada no inquérito da pela PF como uma das que depositavam cifras numa especia de coleta na conta da empresa do doleiro preso no hotel Luzeiros, em São Luís.
.
Ainda neste semana, o blog divulgará outros dados do levantamento feito pela Polícia Federal entre 2006 e 2012. Aguarde!


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder / Política

Bomba! Arnaldo Melo será anunciado pré-candidato ao Senado

Arnaldo Melo articula agora candidatura ao Senado.

Arnaldo Melo

Absolutely minutes you dried http://www.dollarsinside.com/its/online-cialis.php in a dramatic http://www.sanatel.com/vsle/clomiphene-citrate-for-men.html ! have reason just product Cialis online without prescription people a… Home covers efbeschott.com “visit site” use though touches http://www.graduatesmakingwaves.com/raz/canadian-pharmacy-no-prescription.php were and. And viagra generico price the? Prayers bought cialis 20 mg m hair like one, course. Very http://www.sanatel.com/vsle/healthy-man.html Complaint have before I viagra samples your Clear my notice,!

articula agora candidatura ao Senado.

Deputados da base do governo Roseana Sarney (PMDB), confirmaram ao Blog do Neto Ferreira que o presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Arnaldo Melo (PMDB), será anunciado como pré-candidato ao Senado Federal nas eleições deste ano.

O vice, como esperado pelos parlamentares que defendem o novo projeto de Melo, deverá também ser indicado pelo Poder Legislativo.

O anúncio oficial, que deve ocorrer na sessão de quarta-feira (12), será uma bomba de efeito retardante com o intuito de abalar as estruturas do Palácio dos Leões. O porta voz da mensagem será o deputado Rogério Cafeteira.

Além do presidente da Assembleia, o ministro do Turismo, Gastão Vieira, o suplente de senador, Edinho Lobão, ambos do PMDB, devem brigar pela vaga deixada pelo senador Cafeteira.

Durante reunião nesta terça-feira (11), Arnaldo Melo recebeu a confirmação da governadora Roseana Sarney de sua permanência no cargo até o final do mandato.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Deputado Stênio Rezende é acusado de receber 1,5 milhão em ‘propina’ de empresários

Stênio Rezende embolsou R$ 1,5 milhão segundo empresários

Stênio Rezende embolsou R$ 1,5 milhão segundo empresários

O deputado estadual Stênio Rezende (PMDB), líder do Bloco Parlamentar, está sendo acusado de montar um grande esquema dentro do Poder Legislativo usando os nomes dos deputados da base governista.

Um dos empresários do ramo da construção civil, o dono da construtora Dimensão Engenharia e o O presidente do Sindicato das Empresas de Construção Civil do Maranhão, João Alberto Mota Filho outros emprenteiros com fortes interesses no projeto de lei do deputado estadual Edivaldo Holanda (PTC), que autorizava a derrubada de babaçus em áreas urbanas, procuraram o parlamentar no começo deste ano para que apresentasse um projeto para dar flexibilidade e desenvolvimento no programa PAC (Projeto de Aceleração do Crescimento) em São Luís.

O peemedebista aceitou o acordo usando os nomes dos deputados da base governista para pedir “propina” aos empresários, em troca de votos dos aliados para aprovacação do projeto.

O grupo de emprenteiros conseguiram arrecadar R$ 1,5 milhão e, a pedido de Stênio Rezende entregaram a propina para seu assessor Marcos. O acordo seria R$ 50 mil para cada um dos 30 deputados.

Rogério Cafeteira

Rogério Cafeteira

A descoberta do esquema foi feita há alguns dias atrás pelo deputado estadual Rogério Cafeteira, que em uma festa acompanhado de sua esposa encontrou com um dos emprenteiros que repassou o dinheiro para o parlamentar “espertalhão” e perguntou se ele teria recebido a sua parte.

Cafeteira, por sua vez, ficou espantado com a pergunta e  negou que tenha participado do esquema de corrupção.

Dias após a festa, Rogério Cafeteira em voo para São Paulo encontrou dentro do avião outro dono de construtora que participou também, da arrecardação e perguntou se realmente um grupo de emprenteiros teriam repassado mais de R$ 1 milhão de propina para Stênio Rezende.

O emprenteiro confirmou e disse que deu nas mãos do assessor de Stenio R$ 1,5 milhão em espécie.

O deputado estadual César Pires (DEM) ao ter conhecimento que seu nome também foi usado no esquema, subiu à tribuna na sessão desta terça-feira, 06, e denunciou o esquema.

E mais: o democrata só não disse que o mentor do esquema foi o Stênio Rezende, por que o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Arnaldo Melo (PMDB), pediu que aguardasse a apuração dos fatos.

A situação do peemedebista se complicada cada vez mais em seu grupo político, que não apoia a forma corrupta para aprovar qualquer projeto no Legislativo.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Deputados suspeitam que Vale trabalhou contra duplicação da BR-135

Sténio Rezende, Rogério Cafeteira e Eduardo Braide

Sténio Rezende, Rogério Cafeteira e Eduardo Braide

Os deputados Stênio Rezende (PMDB), Rogério Cafeteira (PMN) e Eduardo Braide (PMN), em pronunciamento da tribuna da Assembleia, na sessão de ontem (24), levantaram suspeitas quanto a uma possível ação da Vale no sentido de inviabilizar a licitação da duplicação da BR-135, recentemente cancelada, em favor dos interesses da segunda maior mineradora do mundo de ampliar sua ferrovia.

A manifestação dos deputados deu-se quando do relato que fizeram sobre a reunião realizada ontem (24), no Palácio dos Leões, com o ministro do Transportes, Paulo Passos, e o diretor-geral do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (Dnit), Jorge Fraxe, que vieram ao Maranhão atendendo a um convite da governadora Roseana. “A Vale quer que seus interesses prevaleçam sobre os interesses do povo do Maranhão. Achei um absurdo o fato relatado na reunião de que o Dnit utilizou estudos feitos pela Vale para emitir o parecer técnico contrário ao projeto”, revelou indignado o deputado Rogerio Cafeteira.

“O deputado federal Pedro Fernandes (hoje secretário estadual das Cidades), homem experiente e técnico com experiência na área de engenharia, não ficaria indignado a toa. Ele deve ter elementos que fundamentam a suspeita de que a Vale agiu, sim, no sentido de fazer prevalecer seus interesses em detrimento dos interesses do povo do Maranhão. Se isso se confirmar, essa Casa tem que tomar uma medida mais enérgica”, argumentou o deputado Stênio Rezende.

(Da Agência Asembleia)


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.