Poder

Promotoria Eleitoral pede que Edivaldo Júnior explique uso indevido da Assembleia

1

A 15ª Promotoria de Justiça Especializada com atuação Eleitoral instaurou Procedimento Preparatório Eleitoral para apurar a utilização indevida do auditório da Assembleia Legislativa do Maranhão, durante o lançamento da pré-candidatura de Edivaldo Holanda Júnior.

Segundo a promotora Marinete Avelar, que é a responsável pelo procedimento, no dia 24 de junho foi distribuída a Notícia de Fato que informava do uso indevido do local pelo prefeito de São Luís. A promotora pede para que Edivaldo Holanda Júnior explique o uso da Assembleia em ato extremamente político.

“Considerando que, em tese, os fatos podem configurar a conduta prevista no art. 73, I, da Lei nº 9.504/97, foi instaurado Procedimento Preparatório Eleitoral expedindo-se ofícios ao Prefeito Edivaldo Holanda Júnior e ao Presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão para apresentar manifestação, os quais ainda se encontram dentro do prazo para resposta”, afirmou Marinete Avelar.

A Promotoria deverá também abrir procedimento para apurar a utilização de duas ambulâncias durante ato político do prefeito, que foi denunciado em matéria do Blog do Neto Ferreira (relembre aqui e aqui)


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.