Poder / Política

Deputado Fábio Macedo e Neto Evangelista trocam farpas

Após a discussão entre o governador Flávio Dino e a prefeita Maura Jorge, em um evento em Lago da Pedra, o deputado estadual e secretário de Desenvolvimento Social do Maranhão (Sedes), Neto Evangelista e o também deputado da base aliada do governo, Fábio Macedo (PDT), trocaram farpas sobre o ocorrido.

Neto Evangelista saiu em defesa da chefe do executivo de Lago da Pedra, de quem também é genro, em sua página no Facebook, afirmando que Macedo perdeu a chance de ficar calado ao insinuar que não é primeira vez que Maura Jorge faz esse tipo de coisa, em seu discurso na Assembleia Legislativa.

O gestor da Sedes disse também que “Poderia se preocupar com o próprio município do Lago da Pedra, onde obteve mais de 3 mil votos, mas não. Nem presente no evento estava, aliás não é presente em momento algum no município, algo até já esperado, típico do modus operandi de quem o apoiou lá, apenas venda de voto, com o compromisso somente nos 90 dias de campanha eleitoral”.

Em seguida a divulgação de Neto Evangelista, o parlamentar Fábio Macedo publicou uma nota, onde diz que achou estranho a reação do secretário para com a sua declaração.

Veja a nota na íntegra:


Muito estranhei a declaração do Secretário Estadual de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista , em relação à crítica que fiz da postura da prefeita Maura Jorge durante solenidade em Lago da Pedra com a presença do governador Flávio Dino. Em nenhum momento me referi ao secretário Neto Evangelista.

Componho a base de apoio do Governo na Assembleia Legislativa, o mesmo governo integrado por Neto Evangelista como secretário. Acredito que agi com coerência, de acordo com minhas convicções e conhecimento da política na cidade.

Em nenhum momento, repito, tratei de algo relacionado com o referido Secretário, por crer que fazemos parte de um mesmo governo e devemos seguir na mesma direção, defendendo a justiça, democracia e o bem estar da nossa sociedade. Para finalizar reitero meu compromisso com os cidadãos de Lago de Pedra, onde tenho feito pleitos junto ao Governador Flávio Dino, para levar desenvolvimento e justiça social para cidade, assim como todas as outras que me elegeram deputado estadual.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Neto Evangelista pode deixar governo Flávio Dino

Neto Evangelista

Neto Evangelista

Problemas de saúde podem levar o secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista, a optar por sua retirada do governo Flávio Dino. Evangelista tem passado por momentos difíceis.

Recentemente, ele sentiu fortes dores na cabeça e submeteu-se imediatamente a um check-up. O pai, ex-presidente da Assembléia Legislativa, João Evangelista, faleceu, em 2010, vítima de um tumor na cabeça.

Neto Evangelista chegou a confirmar para o presidente do PSDB e vice-governador, Carlos Brandão, que vai entregar a pasta e retornar para Assembleia Legislativa. Brandão não aceitou.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Neto Evangelista se prepara para assumir secretaria no governo Flávio Dino

O deputado estadual Neto Evangelista (PSDB) reuniu-se na tarde de quarta-feira (12) com o atual secretário de Estado do Desenvolvimento Social e Agricultura Familiar (Sedes), Fernando Fialho, e gestores da pasta. A reunião faz parte de uma série de ações do deputado que deve, a partir de janeiro, assumir o cargo.

Na reunião o deputado assistiu a treze apresentações que mostraram a atual situação da secretaria. Fernando Fialho abriu a reunião colocando toda a equipe da Sedes à disposição do futuro secretário. O deputado ficou feliz com o que viu e fez elogios aos membros da equipe.

“Podemos perceber que existe uma preocupação em dar ênfase nas ações finalísticas, que beneficiam a população diretamente. Tudo isso em detrimento do mar burocrático que às vezes interfere na qualidade dos serviços públicos”, afirmou.

Nos próximos dias Evangelista deve ter reuniões com cada setor da secretaria em separado para colher mais detalhes.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Flávio Dino puxa Evangelista e abre vaga a família Leitoa na Assembleia

A Assembleia Legislativa do Maranhão vai concedeu posse no cargo de deputado estadual, ao primeiro suplemente da coligação, Rafael Leitoa (PDT), parente do prefeito de Timon Luciano Leitoa. Ele teve 25.077 votos.

A posse deve acontecer em sessão plenária após o deputado Neto Evangelista ser nomeado no inicio do próximo ano como secretário de Flávio Dino.

Rafael Leitoa assumirá pela primeira vez o mandato de deputado estadual, onde estará substituindo o deputado do PSDB, que se licenciará de acordo com Regimento Interno.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Flávio anuncia Neto Evangelista no Desenvolvimento Social e Telma Moura como chefe do Cerimonial

image

O deputado Neto Evangelista (PSDB) foi anunciado há pouco como próximo secretário de Desenvolvimento Social do Maranhão. A informação foi dada pelo governador eleito, Flávio Dino (PCdoB), por meio das redes sociais.

Com o desafio de diminuir as desigualdades sociais no Estado, o novo secretário será responsável pela gestão de políticas públicas relacionadas ao combate à pobreza e inserção produtiva das famílias maranhenses. O trabalho será feito com interlocução com o setor empresarial e a sociedade civil.

Conheça o perfil do próximo gestor da pasta:

NETO EVANGELISTA – Secretaria de Desenvolvimento Social

Formado em Direito, Neto Evangelista é deputado estadual reeleito (dois mandatos) e servidor do Poder Judiciário aprovado em seletivo por três anos. Faz parte da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Maranhão como 2º vice-presidente.

Com militância em movimento estudantil, Neto Evangelista foi um dos deputados mais novos do país. Ao ocupar a presidência interina da Assembleia Legislativa em 2012, foi o mais novo presidente de Poder Legislativo das Américas, com 23 anos.

Durante seu mandato, teve como destaque o diálogo com movimentos sociais e defesa das classes trabalhadoras, com especial atenção aos servidores públicos.

Flávio Dino também anunciou mais um nome de sua equipe de governo. A cerimonialista Telma Moura de Oliveira será a Chefe de Cerimonial do Governo a partir do dia 1º de janeiro de 2015, sob a administração de Flávio Dino.

Conheça o perfil da próxima chefe de cerimonial:

TELMA MOURA DE OLIVEIRA – Chefe de Cerimonial

Com experiência em vários ramos da comunicação, Telma Moura é formada em Comunicação Social – Relações Públicas há 20 anos. Dedicou maior parte de sua atividade profissional a conduzir a Chefia de Cerimonial em órgãos públicos. Desde 2006, ocupa a chefia de cerimonial da Prefeitura de Caxias – MA.

Com experiência em redação de jornal impresso, rádio e televisão, Telma Moura é maranhense e pós-graduada em Assessoria de Imprensa e também foi responsável pela condução da assessoria de comunicação da Gerência Regional de Caxias, órgão representante do Governo Estadual.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Maranhão

E agora Edivaldo Jr? Neto Evangelista garante que há projeto para implantar VLT em São Luís

Candidato a Vice Neto Evangelista.

Neto Evangelista.

O deputado Neto Evangelista (PSDB) ocupou a tribuna, na manhã desta quarta-feira (11), para informar que o ex-prefeito João Castelo, ao anunciar a implantação em São Luís do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), o fez com base em um projeto técnico elaborado por sua equipe de governo.

“O VLT foi um projeto planejado, feito e trabalhado na gestão do PSDB, na gestão do então prefeito João Castelo, que durante a campanha eleitoral de 2012, foi propagado como um projeto viável para São Luís”, enfatizou Neto Evangelista.

Ele forneceu informações pormenorizadas sobre o projeto, durante seu discurso, e fez um apelo para que o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PTC), venha a público explicar o porquê da não continuidade do projeto de implantação do VLT na capital maranhense.

“Esta obra é de fundamental importância, de relevância inquestionável para a mobilidade urbana de uma cidade de mais de um milhão de habitantes”, declarou Neto Evangelista, lembrando que o então candidato Edivaldo Holanda Júnior, durante a campanha eleitoral, assumiu o compromisso com a população de São Luís de que iria dar continuidade à implantação do VLT.

Neto Evangelista frisou ainda que o prefeito Edivaldo, ao assumir a Prefeitura, disse que não havia projeto para viabilizar o VLT: “Eu quero lamentar pela incoerência do senhor prefeito Edivaldo Holanda Júnior de inicialmente ter dito à população de São Luís que iria continuar o projeto do VLT e ao assumir a Prefeitura falta com a verdade para com os ludovicenses alegando que não há projeto”, afirmou Neto Evangelista. Ele fez, na tribuna, uma detalhada explanação sobre o projeto executivo do VLT, ressaltando a importância da implantação deste projeto em São Luís.

APARTES

Os deputados Rubens Pereira Júnior (PCdoB), Gardênia Castelo (PSDB), Magno Bacelar (PV), Bira do Pindaré (PSB), Eduardo Braide (PMN) e Max Barros (PMDB) fizeram apartes ao discurso do deputado Neto Evangelista, manifestando seus pontos de vista em relação ao projeto para implantação do VLT em São Luís.

A deputada Gardênia Castelo fez um apelo para que o prefeito Edivaldo trabalhe no sentido de implantar o VLT, frisando que se trata de um meio de transporte já utilizado em muitas cidades.

“São Luís é uma cidade que tem mais de um milhão de habitantes, portanto jamais poderá contar apenas com o transporte convencional de ônibus, mas lamentavelmente, durante a campanha eleitoral, nosso adversário inclusive usando de artifícios escusos, colocando candidatos laranjas, diziam que o VLT era alugado, que o VLT era sucata, enfim fizeram assim, desconstruíram exatamente esse belíssimo projeto que qualquer cidade do tamanho de São Luís quer e precisa ter”, acentuou Gardênia Castelo.

O líder da Oposição na Assembleia Legislativa, deputado Rubens Pereira Júnior, fez questão de dizer que tem a informação de que a Prefeitura de São Luís está buscando viabilizar o projeto mediante parcerias tanto com o governo do Estado quanto com o governo federal: “A Prefeitura se move, se mexe para garantir a viabilidade do projeto do VLT. Pelo menos a informação que tive pela imprensa foi que está sendo tentada, buscada uma parceria com o governo federal, inclusive o governo do estado tentou intermediar para garantir que o VLT seja direcionado para a área Itaqui/Bacanga, ligando o Terminal da Integração à área Itaqui-Bacanga. Se isso der certo já será um grande avanço”, declarou Rubens Júnior.

O deputado Othelino Neto (PC do B) destacou, primeiramente, a importância de levar um tema relevante, como a mobilidade urbana, à Assembleia Legislativa, especialmente porque, em 2012, foi criada uma expectativa na cidade de São Luís com relação ao VLT. Segundo Othelino, existe uma divergência de ordem técnica entre a equipe da atual administração sobre o modelo. “Não estou discutindo qual é o modelo mais correto ou menos correto, mas existe uma divergência técnica quanto ao andamento do projeto do VLT”, disse. Othelino garantiu que procuraria informações junto à prefeitura sobre o andamento do projeto.

Os deputados Magno Bacelar, Eduardo Braide e Max Barros parabenizaram o deputado Neto Evangelista pela explanação sobre o projeto executivo do VLT, também fazendo apelo para que o prefeito Edivaldo Holanda Júnior lute pela implantação do projeto, para a melhoria da mobilidade urbana em São Luís.

AUSÊNCIA DE PROJETO TÉCNICO

O deputado Othelino Neto disse, após o pronunciamento de Neto Evangelista (PSDB), que o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Jr, nunca recebeu nenhum projeto técnico relativo ao Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) e que, se ele existe, não foi disponibilizado para a atual gestão.

Segundo Othelino, para viabilizar o projeto do VLT, a Prefeitura de São Luís teria que investir algo em torno de R$ 200 milhões.

Em contato por telefone com o deputado, Edivaldo Holanda Jr disse que está em Brasília, justamente, tentando viabilizar recursos do PAC da Mobilidade Urbana para o projeto do VLT.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Cúpula do PSDB decidirá amanhã o destino do partido em 2014

Neto Evangelista, Castelo e Carlos Brandão já confirmaram presença na reunião do partido

Neto Evangelista, Castelo e Carlos Brandão já confirmaram presença na reunião do partido

O secretário geral do PSDB no Maranhão, Neto Evangelista, informou que a executiva estadual  do seu partido, irá se reunir nesta sexta-feira (23) para decidir qual destino o mesmo irá seguir em 2014.

São presenças confirmadas no encontro, o ex-prefeito João Castelo, os deputados federais Carlos Brandão e Pinto Itamaraty e os estaduais Neto Evangelista e Gardênia Castelo.

Juntos eles pretendem começar a desenhar o melhor caminho a ser seguido pelos tucanos no Maranhão, alguns defendem a candidatura própria da sigla ao governo do estado, outros são a favor da união com o projeto do PCdoB, que tem Flávio Dino como candidato a governador e outros poucos querem que o partido siga junto ao governo do estado apoiando a candidatura do ex-prefeito de São José de Ribamar, Luis Fernando que é do PMDB.

Recentemente houve também a ideia de que o PSDB se juntasse com o PPS, assunto que também será discutido na reunião desta semana. Vamos aguardar.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Maura Jorge deve retirar apoio ao genro para lançar o filho em 2014

Filho da prefeita Maura Jorge

Filho da prefeita Maura Jorge

Blog do Marcelo Vieira

O deputado Neto Evangelista (PSDB) colocou a “barba” de molho. Sua sogra, a prefeita de Lago da Pedra, Maura Jorge (DEM), não está muito contente com o genro e pensa seriamente em não apoiá-lo em 2014. Em seu lugar, a prefeita planeja lançar o filho, o também jovem, Waldir Neto.

Durante as prévias de carnaval, o nome do jovem andou sendo divulgado em carros de som como patrocinador de blocos carnavalescos na cidade. Uma exposição repentina para quem até então nunca teve pretensões políticas.

Os rumores em Lago da Pedra é que Maura Jorge anda incomodada com a postura política do genro, que faz oposição ao governo Roseana. Neto já foi bem mais ferrenho na oposição, e há algum tempo ele praticamente não ataca o governo. Mesmo assim, a relação política dentro de casa não é confortável.

Maura Jorge já teria feito de tudo para convencer o genro a trocar a oposição pelo governo. Neto argumenta que não pode trair a memória de seu pai, o ex-presidente da Assembleia Legislativa, João Evangelista, expoente da oposição no Maranhão.

Caso o deputado tucano perca mesmo o apoio da prefeitura Maura Jorge, sua reeleição ficará complicada. Neto recebeu quase nove mil votos em Lago da Pedra.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Após quebrar empresa maranhense com ‘calote’ de R$ 30 milhões, presidente da Vale diz estar otimista

Parece piada mais o presidente da Vale, Murilo Ferreira, disse que está otimista com o crescimento das operações da empresa em 2013, principalmente por causa da recuperação da economia asiática, o que deve aumentar a demanda por minério de ferro.

Preocupado apenas com sua imagem à frente da Vale, Murilo Ferreira esquece que a Companhia tem uma dívida com a WO Engenharia – empresa que atua na engenharia e construção -, de R$ 30 milhões, que resultou numa demissão de 2500 funcionários.

O calote aplicado pela Vale quebrou a empreiteira a deixando totalmente fora do mercado de trabalho. A empresa prestava serviços no Maranhão e Pará. Além da WO, a Covap [Construtora Vale do Paraíba] também cobrava por uma dívida deixada pela multinacional.

Na época, a WO que pertence ao prefeito de Lago do Junco, Osmar Fonseca (PT), firmou contrato ao valor de R$ 63 milhões para atuar na expansão da mineradora. Segundo Osmar, o serviço foi concluído, porém, a mineradora não pagou sequer 50%.

Protesto dos funcionários da WO.

Protesto dos funcionários da WO.

Mas, na avaliação do presidente da Vale, houve uma recuperação nos equipamentos pesados, na construção civil, e isso permite ter um otimismo. É mole?

Ao que parece, não foi esse ‘otimismo’ que levou o dono da WO engenharia a quebrar após vender bens móveis e imóveis para pagar os trabalhadores que protestaram interditando a Ferrovia Carajás.

O assunto gerou tanta repercussão que, o deputado Neto Evangelista, apresentou requerimento à Mesa Diretora da Assembleia, a fim de que os representantes das partes acima mencionadas esclareçam o que de fato está acontecendo.

“O que não pode é uma empresa do tamanho da Vale, segunda maior mineradora do planeta, está dando calote em empresas maranhenses como foi colocado por vários empresários”, disse Evangelista.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.