Poder

Presidente dá a entender que o governo se prepara para substituir ministro do PCdoB

Temer: quando sai um ministro imediatamente se nomeia outro

Michel Temer dá a entender que governo se prapara papra mudança

Michel Temer dá a entender que governo se prapara papra mudança

O presidente da República em exercício Michel Temer deu a entender na noite de ontem, 17, que o governo já está se preparando para a saída do ministro dos Esportes Orlando Silva, que vem sofrendo um bombardeiro nos últimos dias. Conforme Temer, a situação de Silva “não tumultua minimamente o governo: quando sai um ministro imediatamente se nomeia um outro e o governo tem sequência natural”.

Ele deu essas declarações depois de proferir palestra em Salvador na abertura do 15º Congresso de Direito Administrativo. O presidente em exercício se referiu três vezes sobre a possibilidade do ministro dos Esportes cair.

Orlando Silva

Orlando Silva

“O governo não para quando cai um ministro, mas o governo não está contando com isso”, declarou. Logo depois, lembrou que, na saída dos outros ministros de Dilma Rousseff “não houve descontinuidade no governo”. Ponderou, no entanto, ser preciso “aguardar os acontecimentos”.

Casco duro – O governador Jaques Wagner referiu-se ao termo que o ex-presidente Lula usou na última visita a Salvador para aconselhar os ministros de Dilma a terem “casco duro” e não pedir demissão quando começarem a ser atacados.

Indagado se o caso de Orlando Silva não é semelhante aos outros ministros que caíram, Wagner ponderou que não se pode comparar os casos. “Cada denúncia é uma denuncia, cada explicação é uma explicação e aí tem muito de foro íntimo também de quem está se defendendo (…) a decisão é muito dele”, afirmou.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.