Cidade

Escândalo: IPAM contrata instituição ilegalmente

No último dia 15 de julho, foi anunciada, por meio de chamada pública, a contratação de duas empresas para realizar atividades esportivas, culturais, de lazer ou desenvolvimento institucional para o Instituto de Previdência e Assistência o Município (IPAM), em nome do presidente, Raimundo Penha. As contratadas não podiam ter reputação questionável e nem ter fins lucrativos.

Foram selecionadas a Fundação Sousândrade de Apoio ao Desenvolvimento da UFMA (FSADU), que receberá o valor de R$ 320. 000,00 reais, e o Instituto de Desenvolvimento Expansão Social (IDES), com R$ 467.479,90.

Acontece que a IDES não poderia participar do processo, visto que sua presidente, Marileia Moreno Serejo, está ligada à prefeitura de São Luís, lotada na Secretaria Municipal de Educação, como educadora de participação cidadã.

Dizem que o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, nem sequer tinha conhecimento dos contratos escandalosos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.