Crime

Direito de resposta: Falso assessor tira o dele da reta e culpa funcionário da SMTT

Jaderson Pires tira o dele da reta e culpa funcionário da SMTT

Jaderson Pires diz que também foi enganado

A respeito do post ‘Falso assessor de vereador da capital é preso por estelionato ‘, o falso assessor do vereador Francisco Carvalho (PSL), Jaderson de Jesus Matos Pires, enviou através de comentário o direito de resposta ao blog na tarde de hoje.

Leia Abaixo, o direito de resposta do “falso assessor de vereador da capital”.

Quero deixar bem claro quem em nenhum momento citei o nome de algum vereador. Fui saber que era golpe somente no dia em que o policial do GTA Wendel me abordou. Quando fomos atrás do Gustavo o tal funcionário da SMTT.

Quando chegamos ao local o mesmo já tinha se mudado de endereço e levando todo o dinheiro das vitimas. E eu sem saber de nada… Em nenhum momento falei o nome de algum parlamentar… Só me resta agora esperar, pois a policia esta atrás do verdadeiro culpado.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Falso assessor de vereador da capital é preso por estelionato

Jaderson Pires, o falso assessor

Jaderson Pires, o falso assessor

Foi preso na tarde de quinta-feira, 25, deste mês, o estelionatário, Jaderson de Jesus Matos Pires, que se passava por assessor parlamentar do vereador de São Luís Francisco Carvalho (PSL).

Segundo informações da policia, Jaderson de Jesus Matos Pires que reside na Rua 34, do Bairro Cohab IV, se passava por assessor de vereador da capital, alegava que, “o parlamentar tinha direito a placas de táxis”.

Durante o acordo, o estelionatário pedia a carteira de identidade das vitimas, e apresentava um falso oficio da prefeitura de São Luís onde segundo ele permitia a venda das placas.

No inicio, as placas foram vendidas pelo valor de R$ 6 mil, depois baixando para R$ 4 mil, e por último, Jaderson facilitava vendendo em parcelas iguais às lojas Insinuantes e Gabriela. Assistia ao vídeo abaixo divulgado pelo programa “Bandeira 2”.

O estelionatário foi preso em flagrante por um policial cível, e conduzido para delegacia de roubos e furtos de veículo para ser interrogado, e depois encaminhado para delegacia de defraudações no centro da capital.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.