Poder

Abandono no CIRETRAN de Bacabal

A sala do diretor do CIRETRAN

A sala do diretor do CIRETRAN

Há pouco mais de um ano, o CIRETRAN de  Bacabal é comandado por Hélio Santos, apadrinhado político do senador João Alberto (PMBD).

O diretor do órgão que foi delegado da cidade de Bacabal na década de 70, não tem nenhuma experiência na área de trânsito e transporte.

Na sua gestão a frente do CIRETRAN, acontece diariamente casos inusitados, por exemplo: foi comercializada a venda dos abadas de um evento privado em homenagem ao dia dos pais.

Abadá sendo comercializada dentro do orgão

Abadá sendo comercializada dentro do orgão

CIRETRAN – Os equipamentos e as instalações do prédio estão em decadência, são “infiltrações, portas sem fechaduras, cadeiras extraviadas, ar condicionados antigos, banheiros sem higienização e falta de bebedouro no local”.

Os veículos que foram apreendidos estão no pátio em uma área sem cobertura, exposto ao sol e chuva.

A situação é precária, os próprios funcionários alegam que estão impossibilitados de trabalhar por falta de computadores e materiais de expediente além do risco por conta da estrutura física do órgão que esta tomada de rachaduras. Veja abaixo:

A estrutura do teto esta toda comprometida.   O computador não funciona e dificulta o serviço que tem que ser feito manualmente

A estrutura do teto esta toda comprometida. O computador não funciona e dificulta o serviço que tem que ser feito manualmente


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.