Saúde

Maranhão chega a 119 casos de microcefalia

Criança com microcefalia.

Criança com microcefalia.

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) informa que, nesta terça-feira (26), no Maranhão, de acordo com o Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (Sinasc), já foram notificados 119 casos de bebês com microcefalia em 56 municípios. Dos casos apresentados, 44 mães apresentaram sintomas do Zika Vírus em algum período da gestação.

Dos 119 bebês que nasceram com microcefalia, um faleceu no município de São José de Ribamar.

Os casos ocorreram nos municípios de Açailândia (1), Aldeia Altas (1), Amarante do Maranhão (1), Apicum-Açu (1), Axixá (1), Barra do Corda (3), Barreirinhas (1), Buriticupu (7), Buritinara (1), Campestre (1), Carolina (1), Caxias (1), Chapadinha (1), Codó (1), Coroatá (3), Cururupu (1), Davinópolis (1), Dom Pedro (2), Esperantinópolis (1), Fortuna (1), Governador Edson Lobão (1), Grajaú (1), Humberto de Campos (1), Imperatriz (7), João Lisboa (1), Lajeado Novo (1), Lagoa Grande (1).

Houve casos também em Lima Campos (1), Loreto (1), Mata Roma (1), Miranda (1), Paço do Lumiar (1), Paraibano (3), Pedreiras (1), Pio XII (1), Presidente Dutra (2), Presidente Vargas (1), Rosário (1), Santa Inês (2), Santa Rita (1), Santa Luzia (1), Santo Amaro (1), Santo Antônio dos Lopes (1), São Domingos do Azeitão (1), São Francisco do Brejão (1), São João dos Patos (2), São José de Ribamar (4), São Luís (39), Senador La Roque (2), Timon (2), Trizidela do Vale (1), Turiaçu (1), Urbano Santos (1) e Viana (1).


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Maranhão já possui 115 caso de microcefalia

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) informa que, nesta quarta-feira (13), no Maranhão, de acordo com o Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (Sinasc), já foram confirmados 115 casos de bebês com microcefalia em 52 municípios. Dos casos apresentados, 37 mães apresentaram sintomas do Zika Vírus em algum período da gestação.

Os casos ocorreram nos municípios de Açailândia (1), Aldeia Altas (1), Amarante do Maranhão (1), Apicum-Açu (1), Axixá (1), Barra do Corda (3), Barreirinhas (1), Buriticupu (7), Buritinara (1), Campestre (1), Carolina (1), Caxias (1), Chapadinha (1), Codó (1), Coroatá (3), Cururupu (1), Davinópolis (1), Dom Pedro (2), Esperantinópolis (1), Fortuna (1), Governador Edson Lobão (1), Grajaú (1), Humberto de Campos (1), Imperatriz (7), João Lisboa (1), Lajeado Novo (01), Lagoa Grande (01), Lima Campos (1), Loreto (1), Mata Roma (1), Miranda (1), Paço do Lumiar (1), Paraibano (2), Pedreiras (1), Pio XII (2), Presidente Dutra (2), Presidente Vargas (1), Rosário (1), Santa Inês (2), Santa Rita (1), Santo Antônio dos Lopes (1), São Domingos do Azeitão (1), São Francisco do Brejão (1), São João dos Patos (2), São José de Ribamar (9), São Luís (32), Senador La Roque (2), Timon (2), Trizidela do Vale (1), Turiaçu (1), Urbano Santos (1) e Viana (1).

Dentre os casos apresentados, um óbito ocorreu em São José de Ribamar.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Maranhão

Maranhão chega a 112 casos de bebês com microcefalia

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) informa que, nesta segunda-feira (11), no Maranhão, de acordo com o Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (Sinasc), já foram confirmados 112 casos de bebês com microcefalia em 50 municípios.

Criança com microcefalia.

Criança com microcefalia.

Dos casos apresentados, 36 mães apresentaram sintomas do Zika Vírus em algum período da gestação.
Os casos ocorreram nos municípios de Açailândia (1), Aldeia Altas (1), Amarante do Maranhão (1), Apicum-Açu (1), Axixá (1), Barra do Corda (3), Barreirinhas (1), Buriticupu (7), Buritinara (1), Campestre (1), Carolina (1), Caxias (1), Chapadinha (1), Codó (1), Coroatá (3), Cururupu (1), Davinópolis (1) e Dom Pedro (2).

Além desses municípios, também aparecem casos de microcefalia em Esperantinópolis (1), Fortuna (1), Governador Edson Lobão (1), Grajaú (1), Humberto de Campos (1), Imperatriz (7), João Lisboa (1), Lima Campos (1), Loreto (1), Mata Roma (1), Miranda (1), Paço do Lumiar (1), Paraibano (2), Pedreiras (1), Pio XII (2), Presidente Dutra (2), Presidente Vargas (1), Rosário (1), Santa Inês (2), Santa Rita (1), Santo Antônio dos Lopes (1), São Domingos do Azeitão (1), São Francisco do Brejão (1), São João dos Patos (2), São José de Ribamar (9), São Luís (32), Senador La Roque (1), Timon (2), Trizidela do Vale (1), Turiaçu (1), Urbano Santos (1) e Viana (1).
Dentre os casos apresentados, um óbito ocorreu em São José de Ribamar.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

MA é o 8º estado com mais registros de casos de microcefalia do Brasil

O Maranhão é o oitavo estado do Brasil que mais registrou casos de suspeitas de para microcefalia relacionada ao Zika vírus em 2015, com 88 notificações em 30 cidades maranhenses. Os dados são do novo boletim do Ministério da Saúde, divulgado nesta terça-feira (22), que apontam ainda 2.782 casos em 618 cidades de 19 Estados e do Distrito Federal.

Conforme os dados do Ministério da Saúde, o estado, que até a última semana havia registrado apenas 56 casos suspeitos, superou o Rio de Janeiro, que registrou 82 casos. O boletim confirma que uma morte de bebê possivelmente relacionada ao vírus, em São José de Ribamar, cidade que compõe a região metropolitana de São Luís (MA).

No entanto, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) contesta os dados do governo federal e esclarece que foram registrados apenas 83 casos em 40 cidades, segundo nova atualização do governo do Maranhão sobre número de casos de microcefalia no estado.

Em nota enviada ao G1 (veja abaixo), a SES informou que o boletim do Ministério da Saúde levou em consideração um caso do município de Dom Eliseu no Estado do Pará, que ainda configurava nos dados do Maranhão, assim como sete casos que já foram descartados.

Em relação à quantidade de municípios informados, a SES destaca que foi um erro de digitação do Ministério da Saúde, já que a secretaria informou a quantidade de 40 municípios. Ainda de acordo com a nota, o Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (Cievs) da SES enviou uma nova atualização ao MS.
Além do Maranhão, os estados com maior incidência de microcefalia são Pernambuco (1031), Paraíba (429), Bahia (271), Rio Grande do Norte (154), Sergipe (136), Ceará (127), Alagoas (114), Maranhão (83) Rio de Janeiro (82) e Mato Grosso (78). Completam a lista de estados: Tocantins (58), Minas Gerais (52), Piauí (51), Goiás (40), Pará (32), Espírito Santo (18), Distrito Federal (11), São Paulo (6), Mato Grosso do Sul (3) e Rio Grande do Sul (1).

NOTA

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) informa que o Maranhão possui neste momento 83 casos de microcefalia confirmados. O Ministério da Saúde (MS) divulgou 88 pelas seguintes razões:

O Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (Cievs) da SES repassou os números para o MS ontem (21). No levantamento um caso do município de Dom Eliseu no Estado do Pará ainda configurava nos dados do Maranhão, pois a criança nasceu aqui no Estado, mas era da cidade paraense e ontem ficou decidido junto ao MS que esse caso deveria constar apenas nas estatísticas do Pará.

Para o MS, o Cievs informa até os casos descartados, que aqui no Estado são sete. Para a imprensa são informados apenas os casos confirmados.

Dessa forma, tem-se: 88 casos informados ontem (21), menos um caso de Dom Eliseu (PA) e menos sete que já foram descartados, chegando a um total de 80 que foram informados no boletim de ontem. Hoje mais três casos entraram na estatística. Portanto hoje (22) são 83 casos de microcefalia.

Já em relação à quantidade de municípios informados, a SES destaca que foi um erro de digitação do MS, já que a secretaria informou a quantidade de 40 municípios.

Capital lidera casos
São Luís teve registro de 21 casos (26,25% do total do estado). Em Buriticupu (região oeste do estado) seis casos foram confirmados. Imperatriz e São José de Ribamar, município da região metropolitana de São Luís, cinco crianças tiveram confirmação de microcefalia.

O relatório aponta ainda ocorrências nas cidades de Coroatá (três casos), Santa Inês (dois casos), São João dos Patos (dois casos), Timon (dois casos), Dom Pedro (dois casos), Presidente Dutra (dois casos), Paraibano (dois casos) e Barra do Corda (três casos).

Fazem parte dos municípios com registros de casos de microcefalia as cidades de: Açailândia, Aldeia Altas, Axixá, Buritinara, Campestre, Caxias, Chapadinha, Codó, Davinópolis, Esperantinópolis, Grajaú, Humberto de Campos, João Lisboa, Loreto, Mata Roma, Miranda, Pedreiras, Pio XII, Santa Rita, Santo Antônio dos Lopes, São Domingos do Azeitão, São Francisco do Brejão, Senador La Roque, Trizidela do Vale, Turiaçu, Urbano Santos e Viana.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Brasil

Maranhão registra 80 casos de microcefalia

Bebê com microcefalia (foto: internet).

Bebê com microcefalia (foto: internet).

Os números aumentam a cada dia de bebês que nascem, infelizmente, com microcefalia no Maranhão, conforme revelado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), que acompanha o emblemático vírus originada pelo mosquito Aedes aegypti.

No Maranhão, foi registado até na noite desta segunda-feira (21), de acordo com o Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (Sinasc), 80 casos de bebês com microcefalia em 38 municípios.

O zika vírus é uma infecção causada pelo vírus zikv, transmitida pelo mosquito Aedes aegypti, mesmo transmissor da dengue da febre chikungunya.

De acordo com a Secretaria de Saúde, foram afetados os municípios de Açailândia (1), Aldeia Altas (1), Axixá (1), Barra do Corda (3), Buriticupu (6), Buritinara (1), Campestre (1), Caxias (1), Chapadinha (1), Codó (1), Coroatá (2), Davinópolis (1), Dom Pedro (2), Esperantinópolis (1), Grajaú (1), Humberto de Campos (1), Imperatriz (5), João Lisboa (1), Loreto (1), Mata Roma (1), Miranda (1), Paraibano (1), Pedreiras (1), Pio XII (1), Presidente Dutra (2), Santa Inês (2), Santa Rita (1), Santo Antônio dos Lopes (1), São Domingos do Azeitão (1), São Francisco do Brejão (1), São João dos Patos (2), São José de Ribamar (5), São Luís (21), Senador La Roque (1), Timon (2), Trizidela do Vale (1), Turiaçu (1), Urbano Santos (1) e Viana (1).

Dentre os casos apresentados, um óbito ocorreu em São José de Ribamar.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.