Saúde

Maranhão já possui 126 casos de microcefalia

1455221111-585690348

O Governo do Estado, por intermédio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), aponta que, desde o início das investigações, em novembro de 2015, até 28 de maio deste ano, 126 casos de microcefalia foram confirmados no Maranhão. Dos 261 casos notificados, 55 foram descartados e 80 permanecem em investigação.

Quatro novos casos foram notificados na última semana: Bacuri (2), São Luís (2) e São Domingos do Maranhão (1). Segundo a distribuição geográfica, 85 dos 217 municípios maranhenses notificaram casos de microcefalia, sendo que 60 possuem, atualmente, casos confirmados.

Do total de casos, ocorreram nove óbitos, sendo um descartado para microcefalia, em Turiaçu, e oito estão em investigação, aguardando resultado de exames. Entre os municípios com distribuição dos óbitos por microcefalia, em investigação, destacam-se Pedreiras (1), Tutóia (1), Serrano (1), Nova Colinas (1), Imperatriz (1), São Luís (2) e São José de Ribamar (1).

A Secretaria Adjunta da Política de Atenção Primária e Vigilância em Saúde da SES, por meio do Departamento de Atenção à Saúde da Criança e Adolescentes, realiza a busca ativa de casos suspeitos, com o objetivo de esclarecer o diagnóstico dos casos e encaminhar cada criança com microcefalia. A SES disponibiliza serviços para prover a assistência, estimulação precoce e atenção especializada, a exemplo do Centro de Referência em Neurodesenvolvimento, Assistência e Reabilitação de Crianças (Ninar), instalado no Complexo Hospitalar Dr. Juvêncio Matos, em São Luís.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Confirmado 99 casos de microcefalia no Maranhão

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) informa que até esta segunda-feira (25), no Maranhão, de acordo com o Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (Sinasc), o total de casos notificados de microcefalia de 2015 a 2016 é de 242.
Destes, 42 casos de microcefalia foram descartados e 99 casos foram confirmados. Sob investigação estão 101 casos no Maranhão em 79 municípios.

Os municípios com casos confirmados são: Açailândia (2), Alcântara (1), Amarante do Maranhão (1), Anapurus (1), Apicum-Açu (2), Araioses (1), Axixá (1), Barra do Corda (2), Bom Lugar (1), Buritirana (1), Chapadinha (1), Coelho Neto (1), Colinas (1), Coroatá (1), Davinópolis (1), Dom Pedro (2), Fortaleza dos Nogueiras (1), Fortuna (1), Grajaú (2), Governador Edson Lobão (1), Governador Nunes Freire (1), Humberto de Campos (1), Imperatriz (7), João Lisboa (1), Lagoa Grande do Maranhão (1), Lajeado Novo (1), Lima Campos (1), Mata Roma (2), Miranda do Norte (1), Paço do Lumiar (4), Paraibano (1), Pindaré-Mirim (1), Pio XII (1), Porto Franco (2), Presidente Dutra (2), Presidente Vargas (1), Santo Antônio dos Lopes (1), São Benedito do Rio Preto (1), São Domingos do Azeitão (1), São José de Ribamar (2), São Luís (28), Senador La Roque (2), Timbiras (1), Timon (5), Trizidela do Vale (1), Urbano Santos (1) e Vargem Grande (3).

Ocorreram seis óbitos que estão em investigação: São José de Ribamar (1) em dezembro de 2015; Pedreiras (1) em fevereiro de 2016; São Luís (1), Tutóia (1) e Serrano do Maranhão (1) em março de 2016 e Imperatriz (1) em abril de 2016.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Maranhão já possui 90 casos de microcefalia

1458849415-554527536

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) informa que até esta segunda-feira (18), no Maranhão, de acordo com o Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (Sinasc), o total de casos notificados de microcefalia de 2015 a 2016 é de 240.

Destes, 42 casos de microcefalia foram descartados e 90 casos foram confirmados. Sob investigação estão 108 casos no Maranhão em 79 municípios.

Os municípios com casos confirmados são: Açailândia (2), Alcântara (1), Amarante do Maranhão (1), Anapurus (1), Apicum-Açu (2), Axixá (1), Barra do Corda (2), Bom Lugar (1), Buritirana (1), Chapadinha (1), Coelho Neto (1), Colinas (1), Coroatá (1), Davinópolis (1), Dom Pedro (2), Fortaleza dos Nogueiras (1), Grajaú (2), Governador Edson Lobão (1), Humberto de Campos (1), Imperatriz (7), João Lisboa (1), Lagoa Grande do Maranhão (1), Lima Campos (1), Mata Roma (2), Miranda do Norte (1), Paço do Lumiar (4), Paraibano (1), Pindaré-Mirim (1), Pio XII (1), Porto Franco (2), Presidente Dutra (2), Presidente Vargas (1), Santo Antônio dos Lopes (1), São Benedito do Rio Preto (1), São Domingos do Azeitão (1), São José de Ribamar (1), São Luís (25), Senador La Roque (2), Timon (5), Trizidela do Vale (1), Urbano Santos (1) e Vargem Grande (3).
Ocorreram seis óbitos que estão em investigação: São José de Ribamar (1) em dezembro de 2015; Pedreiras (1) em fevereiro de 2016; São Luís (1), Tutóia (1) e Serrano do Maranhão (1) em março de 2016 e Imperatriz (1) em abril de 2016.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Maranhão tem 84 casos confirmados de microcefalia

1458849415-554527536

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) atualizou nesta segunda-feira (11) o total de casos notificados de microcefalia de 2015 a 2016 no Maranhão, segundo o Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (Sinasc). Ao todo, são 238 notificações. Do total, 42 casos foram descartados e 84 confirmados. Outros 112 casos em 79 municípios seguem em investigação.

Os municípios com casos confirmados são: Alcântara (1), Amarante do Maranhão (1), Anapurus (1), Apicum-Açu (2), Axixá (1), Barra do Corda (2), Bom Lugar (1), Buritirana (1), Chapadinha (1), Coelho Neto (1), Colinas (1), Coroatá (1), Davinópolis (1), Dom Pedro (1), Fortaleza dos Nogueiras (1), Grajaú (2), Governador Edson Lobão (1), Humberto de Campos (1), Imperatriz (5), João Lisboa (1), Lagoa Grande do Maranhão (1), Lima Campos (1), Mata Roma (2), Miranda do Norte (1), Paço do Lumiar (4), Paraibano (1), Pindaré-Mirim (1), Pio XII (1), Porto Franco (1), Presidente Dutra (2), Presidente Vargas (1), Santo Antônio dos Lopes (1), São Benedito do Rio Preto (1), São Domingos do Azeitão (1), São José de Ribamar (1), São Luís (25), Senador La Roque (2), Timon (5), Trizidela do Vale (1), Urbano Santos (1) e Vargem Grande (3).

Cinco mortes estão em investigação, em São José de Ribamar (1) em dezembro de 2015; Pedreiras (1) em fevereiro de 2016; São Luís (1), Tutóia (1) e Serrano do Maranhão (1) em março de 2016.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Maranhão já possui 66 casos de microcefalia

1458636535-126954695

De acordo com boletim epidemiológico divulgado nesta segunda­feira (4), 36,40% do municípios maranhenses já registram notificações de microcefalia. Os dados são da Secretaria de Estado de Saúde (SES), com base no Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (Sinasc).,

Segundo o boletim, o total de casos notificados de microcefalia de 2015 a 2016 é de 235. Destes, 34 casos de microcefalia foram descartados e 66 casos foram confirmados. Sob investigação estão 135 casos no Maranhão em 79 municípios.

Os municípios com casos confirmados são: Anapurus (1), Apicum­Açu (2), Axixá (1), Barra do Corda (2), Chapadinha (1), Coelho Neto (1), Colinas
(1), Coroatá (1), Dom Pedro (1), Fortaleza dos Nogueiras (1), Grajaú (2), Lagoa Grande do Maranhão (1), Lima Campos (1), Mata Roma (2), Miranda do Norte (1), Paço do Lumiar (4), Paraibano (1), Pindaré­Mirim (1), Presidente Dutra (2), Presidente Vargas (1), Santo Antônio dos Lopes (1), São Benedito do Rio Preto (1), São Domingos do Azeitão (1), São José de Ribamar (1), São Luís (24), Timon (5), Trizidela do Vale (1), Urbano
Santos (1) e Vargem Grande (3).

Ocorreram cinco óbitos que estão em investigação: São José de Ribamar (1) em dezembro de 2015; Pedreiras (1) em fevereiro de 2016; São Luís (1),
Tutóia (1) e Serrano do Maranhão (1) em março de 2016.

Conforme informou a SES, após a notificação de cada criança nascida com perímetro cefálico abaixo do estipulado, uma equipe revisa os prontuários
do pré­natal de todas as mães e realiza entrevistas para saber se durante a gravidez houve algum sintoma do Zika Vírus. Depois, é necessário a
realização de exames de imagens da criança para a confirmação, que podem ser a ultrassonografia transfontanela até os três meses de idade ou a
tomografia computadorizada.

Os hospitais que integram a rede de assistência à microcefalia em São Luís são: o Hospital Infantil Dr. Juvêncio Matos (estadual), a Maternidade
Estadual Marly Sarney (estadual) o Hospital Odorico Amaral de Matos (municipal) e o Hospital Universitário Materno Infantil (HUUFMA). No interior, atualmente, dois hospitais integram a rede de assistência à microcefalia: o Hospital Materno Infantil de Imperatriz (estadual) e a Maternidade Carmosina Coutinho em Caxias (municipal).

Após a notificação de microcefalia, de acordo com a secretaria, a família passa a receber apoio de uma equipe multidisciplinar, que conta, entre
outros profissionais, com assistentes sociais e psicólogos que ajudam e orientam as famílias a lidarem com a nova realidade.
Lista de cidades maranhenses com casos da doença

1459783071-331281359


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Maranhão possui 55 casos de microcefalia confirmados

20160203093833732680u

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) informa que até esta segunda-feira (28), no Maranhão, de acordo com o Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (Sinasc), o total de casos notificados de microcefalia de 2015 a 2016 é de 233.

Destes, 30 casos de microcefalia foram descartados e 55 casos foram confirmados. Sob investigação estão 148 casos no Maranhão em 79 municípios.
Os municípios com casos confirmados são: Anapurus (1), Apicum-Açu (1), Axixá (1), Barra do Corda (2), Chapadinha (1), Coelho Neto (1), Colinas (1), Coroatá (1), Dom Pedro (1), Fortaleza dos Nogueiras (1), Grajaú (2), Lagoa Grande do Maranhão (1), Mata Roma (2), Miranda do Norte (1), Paço do Lumiar (4), Paraibano (1), Pindaré-Mirim (1), Presidente Dutra (2), Presidente Vargas (1), Santo Antônio dos Lopes (1), São Domingos do Azeitão (1), São José de Ribamar (1), São Luís (16), Timon (5), Trizidela do Vale (1), Urbano Santos (1) e Vargem Grande (3).

Ocorreram cinco óbitos que estão em investigação: São José de Ribamar (1) em dezembro de 2015; Pedreiras (1) em fevereiro de 2016; São Luís (1), Tutóia (1) e Serrano do Maranhão (1) em março de 2016.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Maranhão tem 53 casos confirmados de microcefalia

20160127092249101485u

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) divulgou nesta segunda-feira (21) novos dados sobre a microcefalia no Maranhão.
Segundo relatório baseado no Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (Sinasc), o número de casos notificados de microcefalia associado ao Vírus da Zica subiu para 230, sendo que 53 já foram confirmados em todo o estado.

Destes números, 31 casos de microcefalia foram descartados, e 146 seguem em investigação em 79 municípios.

Ainda conforme o relatório ocorreu óbitos nos municípios de São José de Ribamar (1), Pedreiras (1), São Luís (1), Tutóia (1) e Serrano do Maranhão (1).

São Luís lidera o ranking de municípios maranhenses com maior número de casos confirmados. Até agora, foram 15 confirmações. O município de Timon, a 450 km da capital, segue em segundo lugar, com cinco casos, e Paço do Lumiar em terceiro, com quatro. Veja na lista abaixo:

Anapurus (1), Apicum-Açu (1), Axixá (1), Barra do Corda (2), Chapadinha (1), Coelho Neto (1), Colinas (1), Coroatá (1), Dom Pedro (1), Fortaleza dos Nogueiras (1), Grajaú (2), Lagoa Grande do Maranhão (1), Mata Roma (2), Miranda do Norte (1), Paço do Lumiar (4), Paraibano (1), Pindaré-Mirim (1), Presidente Dutra (2), Presidente Vargas (1), Santo Antônio dos Lopes (1), São Domingos do Azeitão (1), São José de Ribamar (1), São Luís (15), Timon (5), Trizidela do Vale (1), Urbano Santos (1) e Vargem Grande (2).


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Chega a 150 casos de bebê com microcefalia no MA

20160127092249101485u
A Secretaria de Estado de Saúde (SES) informa que, até esta quinta-feira (11), no Maranhão, de acordo com o Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (Sinasc), já foram notificados 150 casos de bebês com microcefalia em 59 municípios. Dos casos apresentados, 47 mães tiveram sintomas do Zika Vírus em algum período da gestação.

Os casos ocorreram nos municípios de Açailândia (1), Aldeia Altas (1), Amarante do Maranhão (1), Apicum-Açu (4), Axixá (1), Barra do Corda (3), Bom Lugar (1), Balsas (3), Buriticupu (8), Buritinara (1), Campestre (2), Carolina (1), Caxias (1), Chapadinha (1), Codó (1), Coroatá (3), Cururupu (1), Davinópolis (1), Dom Pedro (2), Esperantinópolis (1), Fortuna (1), Governador Edson Lobão (1), Governador Nunes Freire (1), Grajaú (2), Humberto de Campos (1), Imperatriz (8), João Lisboa (1), Lajeado Novo (1).

Lagoa Grande (1), Lima Campos (1), Loreto (2), Mata Roma (2), Miranda (1), Paço do Lumiar (3), Paraibano (3), Pinheiro (1), Pedreiras (1), Pio XII (1), Presidente Dutra (2), Porto Franco (2), Presidente Vargas (1), Rosário (1), Santa Inês (4), Santa Rita (1), Santa Luzia (3), Santo Amaro (1), Santo Antônio dos Lopes (1), São Domingos do Azeitão (1), São Francisco do Brejão (1), São João dos Patos (2), São José de Ribamar (5), São Luís (44), Senador La Roque (2), Timon (2), Timbira (1), Trizidela do Vale (2), Turiaçu (2), Urbano Santos (1) e Viana (1).

Dentre os casos apresentados, um óbito ocorreu em São José de Ribamar em 2015.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Sobe para 132 o número de casos de microcefalia no MA

20160127092249101485u

O número de casos registrados de microcefalia associada ao Zika Vírus subiu para 132 no Maranhão, segundo relatório baseado no Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (Sinasc), divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) na tarde desta terça-feira (02). No último boletim divulgado no dia 11 de janeiro, o Maranhão registrou 112 casos da doença.

Segundo o relatório, os casos estão distribuídos em 59 municípios. Dos registros apresentados, 47 mães tiveram sintomas do Zika Vírus em algum período da gestação.

Dentre os municípios que tiveram maior incidência de casos de microcefalia, São Luís encabeça a lista, com 40 registros da doença. Também foi confirmado em São José de Ribamar, situado na região metropolitana da capital, o óbito de um bebê. Veja a lista de ocorrências por município:

Açailândia (1), Aldeia Altas (1), Amarante do Maranhão (1), Apicum-Açu (4), Axixá (1), Barra do Corda (3), Balsas (1), Buriticupu (7), Buritinara (1), Campestre do Maranhão (2), Carolina (1), Caxias (1), Chapadinha (1), Codó (1), Coroatá (3), Cururupu (1), Davinópolis (1), Dom Pedro (2), Esperantinópolis (1), Fortuna (1), Governador Edson Lobão (1), Governador Nunes Freire (1), Grajaú (1), Humberto de Campos (1), Imperatriz (7), João Lisboa (1), Lajeado Novo (1), Lagoa Grande (1), Lima Campos (1), Loreto (1), Mata Roma (1), Miranda (1), Paço do Lumiar (1).

Paraibano (3), Pedreiras (1), Pio XII (1), Presidente Dutra (2), Porto Franco (2), Presidente Vargas (1), Rosário (1), Santa Inês (4), Santa Rita (1), Santa Luzia (3), Santo Amaro (1), Santo Antônio dos Lopes (1), São Domingos do Azeitão (1), São Francisco do Brejão (1), São João dos Patos (2), São José de Ribamar (4), São Luís (40), Senador La Roque (2), Timon (2), Trizidela do Vale (1), Turiaçu (2), Urbano Santos (1) e Viana (1).


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Governo dará salário mínimo a crianças com microcefalia

Do Estadão

20160127092249101485u

Bebês diagnosticados com microcefalia em todo o país vão ter direito a receber um salário mínimo por mês, uma espécie de aposentadoria, desde que pertençam a famílias com renda mensal de até R$ 220 (um quarto do salário mínimo) por pessoa. A medida deve ser anunciada nos próximos dias pelo governo como forma de proteção às famílias pobres com crianças portadoras da má-formação.

A reportagem apurou que o Ministério da Saúde já repassou a lista com os municípios onde foram registrados casos de microcefalia para que o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) faça um cruzamento com o cadastro único do governo de benefícios sociais. Em nota, o MDS confirmou que está em diálogo com os técnicos do Ministério da Saúde.

O Benefício de Proteção Continuada (BPC), instituído pela Constituição de 1998 e regulamentado pela Lei Orgânica da Assistência Social (Loas), garante 1 salário mínimo mensal a idosos com mais de 65 anos e a pessoas com deficiência que não tenham meios para se sustentar nem podem ser sustentadas pela família, independentemente da idade. Atualmente, 4,2 milhões de pessoas são beneficiadas. O orçamento deste ano, sem incluir os casos de microcefalia, estima pagamentos de R$ 48,3 bilhões.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.