Política

Deputado pede concurso para administrativo da Polícia

Júnior Verde na Tribuna da Assembleia.

Júnior Verde na Tribuna da Assembleia.

Durante pronunciamento na tribuna da Assembleia Legislativa, o deputado estadual Júnior Verde (PRB) fez um apelo à Secretaria de Segurança do Estado para que realize imediatamente concurso público para as áreas administrativas. O parlamentar é president da Frente de Segurança Pública e Privada, e já apresentou várias proposições de melhorias como a legalização dos conselhos comunitários e a convocação de mais policiais militares, bombeiros e civis.

“Existem muitos policiais, investigadores de polícia, bombeiros e militares que realizam no dia a dia trabalhos administrativos, tarefas que não são inerentes ao exercício das suas atividades. A verdade é que nunca houve concurso para o administrativo da segurança pública e a situação desta área também se agrava, pois os policiais que poderiam estar nas ruas, estão fazendo trabalhos burocráticos”, alertou Júnior Verde.

O deputado reforçcou que tem concentrado esforços para melhorar a situação através da Frente Parlamentar de Segurança Pública, da qual é presidente. “Temos apresentado projetos e não ficamos só nisso. Estamos cobrando respostas todos os dias. A luta é árdua, mas, jamais desanimaremos”, concluiu.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Instalado Grupo de Limites Territoriais solicitado por Verde

O deputado estadual Júnior Verde (PRB) teve seu Requerimento atendido e conseguiu a instalação do Grupo de Trabalho de Estudos dos Limites Territoriais da Região durante reunião da Comissão de Assuntos Municipais, presidida pelo deputado Fábio Braga (PT do B). O próximo encontro acontecerá na terça-feira (13), na Sala de Comissões da Assembleia Legislativa. A região Metropolitana é integrada pelos municípios de São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa.

O Grupo é formado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (IMESC), Secretária Extraordinária de Articulação e Desenvolvimento Metropolitano de São Luís, Superintendência do Patrimônio da União (SPU), Instituto de Terras do Maranhão (ITERMA) e Secretarias Municipais de Fazenda.

O ponto de partida será o Memorial Descritivo dos Limites dos Munícipios de São Luís e São José de Ribamar, que contém as coordenadas, azimutes e distâncias, elaborado por intermédio de uma metodologia consolidada num trabalho realizado em parceria entre o IBGE e o IMESC, para a realização do Censo Demográfico de 2010.

“Esse trabalho foi realizado, por meio de audiências públicas, levando em conta o sentimento de pertencimento da população e dos aparelhos públicos existentes. O que falta é transformar o produto desse trabalho em lei”, esclareceu o Chefe da Unidade Estadual do IBGE, Marcelo Virginio de Melo.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Júnior Verde acompanha projetos para assentamentos no Maranhão

O deputado estadual Júnior Verde (PRB) participou de reunião com o superintendente do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA), Davyson Franklin de Sousa, e o secretário adjunto de Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Maranhão, José Edjahilson, visando beneficiar áreas de assentamento em municípios maranhenses como Açailândia, Alcântara e Araguanã.

As localidades serão beneficiadas com a construção de poços artesianos através do Projeto Água para Todos. Serão três em Alcântara, três em Araguanã e dois em Açailância.

A Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Maranhão (SAGRIMA) também viabilizará, através do Programa Mais Sementes, matéria prima para o plantio de feijão, hortaliças, frutas, arroz e milho em todos os 217 municípios do Estado.

“Estou acompanhando as ações destes dois importantes órgãos para o desenvolvimento do Maranhão, e fiquei satisfeito em saber que o Programa Mais Sementes vai atingir todo o Estado, bem como o INCRA tem projetos que beneficiarão com poços artesianos assentamentos de municípios que muito necessitam dessas obras”, destacou Júnior Verde.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Júnior Verde pedirá criação de grupo de trabalho para limites territoriais

O deputado estadual Júnior Verde (PRB) vai requerer à Comissão de Assuntos Municipais da Assembleia Legislativa que seja criado um grupo de trabalho com o objetivo de definir os limites territoriais dos municípios que compreendem a Ilha de São Luís. Na última quinta, o parlamentar recebeu a visita do secretário municipal de Articulação e Desenvolvimento Metropolitano, Julio César, para discutir o assunto.

Segundo o deputado, a definição dos limites territoriais é importante no sentido em que definirá as responsabilidades de cada município. “Com isso, a execução dos serviços referentes a cada região beneficiará à população daquele limite, sem falar que se trata de uma antiga demanda e que precisa ser resolvida pelo poder público”, explicou.

Para definir as primeiras ações que levarão à definição dos limites, Júnior Verde e o secretário municipal de Articulação e Desenvolvimento Metropolitano, Julio César, reuniram-se na Assembleia, oportunidade em que anunciaram a solicitação da criação de um grupo de trabalho na Comissão de Assuntos Municipais da Casa para determinação de uma agenda de compromissos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Deputado avança na Lei que criará os Conselhos Comuitários de Segurança no Maranhão

Reunião da Frente Parlamentar de Segurança Pública e Privada

Reunião da Frente Parlamentar de Segurança Pública e Privada

O deputado estadual Júnior Verde (PRB) presidiu a terceira reunião da Frente Parlamentar de Segurança Pública e Privada que busca criar os Conselhos Comunitários de Segurança no Estado.

Os participantes discutiram os aspectos da Lei que regulará a estrutura, composição e funcionamento do órgão colegiado, que terá natureza consultiva e deliberativa.
“A criação de uma Lei de controle e execução desses Conselhos será o primeiro passo para concretizarmos esse projeto, que cria conselhos de segurança nos bairros, certamente um reforço no combate à criminalidade”, explicou o deputado.

O texto da Lei está praticamente finalizado, e quando estiver concluído, será votado para aprovação no plenário da Assembleia Legislativa. “Essa lei servirá para as pessoas que estão desacreditadas com segurança, voltem a acreditar pois essa iniciativa tem um objetivo sério e eficiente. Vale a pena investirmos nos conselhos comunitários, pois segurança é dever do estado, mas direito e responsabilidade de todos nós”, destacou o Coronel Odair dos Santos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Júnior Verde discute criação dos Conselhos Comunitários de Segurança

Acões Integradas Comunitárias

Acões Integradas Comunitárias

A segunda reunião do programa de Ações Integradas de Fortalecimento da Segurança Comunitária do Estado, realizada pela Frente Parlamentar em Defesa da Segurança Pública e Privada nesta quarta (18), deu início à elaboração da Lei Estadual que cria os Conselhos Comunitários e pretende implantar um modelo de integração entre as forças militares e a atuação das comunidades nos bairros.

O presidente da Frente, deputado Júnior Verde, avaliou a reunião como um grande avanço. “Começamos a deliberar os aspectos da Lei que vai regular as atividades desta importante política pública. que certamente contribuirá para a redução da violência e da criminalidade em todas as regiões do Maranhão”, destacou o parlamentar.

O próximo encontro acontecerá no dia 1 de setembro, quando representantes da Segurança Pública levarão suas contribuições. Para o coronel Odair dos Santos Ferreira, comandante da Segurança Comunitária, a integração da Polícia com a comunidade para o enfrentamento dos problemas mais críticos da área da Segurança Pública é um caminho viável e eficaz. “Ações integradas já existem e estão sendo ampliadas em nossa capital. A criação dos Conselhos vai expandir nossa capacidade de atuação e dar respostas mais rápidas e efetivas à população”, garantiu o coronel.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Deputado Júnior Verde quer jovens de volta ao parlamento estadual

Júnior Verde na Tribuna, em julho

Júnior Verde na Tribuna, em julho

O deputado Júnior Verde (PRB) quer trazer de volta os jovens para dentro do parlamento estadual. Nesta terça (18), apresentou Indicação que solicita a reabertura do Programa Parlamento Estudantil. Tal experiência já mostrou-se exitosa na Assembleia em legislaturas passadas, quando os participantes interagiam e conheciam todas as etapas do processo legislativo.

Segundo a proposição, no Maranhão a Juventude representa 30 por cento da população, e sua participação tem sido cada vez maior nas áreas educacional e econômica. A proposta é permitir a participação dos jovens e o acesso às informações por meio da vivência em sessões solenes. “Quero chamá-lo de Parlamento Jovem e trazer a juventude do Maranhão, das escolas municipais e estaduais, para debater políticas nesta Casa”, destacou o parlamentar.

As sessões destinadas ao público jovem aconteceriam às sextas-feiras, dias em que não são realizadas sessões ordinárias. “Vamos ocupar essas cadeiras com nobres, doutos parlamentares juvenis estudantis, e vamos aprender com eles. Essa é a condição precípua de uma sociedade que quer ver o seu amadurecimento. E estaremos resgatando, assim, os nossos jovens da marginalidade, da criminalidade, oportunizando caminhos para a formação de lideranças”, concluiu Verde.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

PRB movimenta cenário político no Maranhão

O deputado estadual Júnior Verde destacou neste sábado (15) o sucesso do Encontro Estadual do Partido Republicano Brasileiro (PRB), que sai fortalecido após reunir centenas de lideranças políticas de todo o Maranhão. O encontro aconteceu durante toda a tarde no Rio Poty Hotel.

Prefeitos, vice prefeitos, vereadores, filiados e presidentes de provisórias contribuíram para as discussões em torno do fortalecimento do partido. Também participaram lideranças nacionais como o Ministro dos Esportes, Jorge Hilton, o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda, o presidente nacional do PRB, Marcos Pereira, o deputado federal Cleber Verde, a deputada federal Rosângela Gomes, além da deputada estadual Ana do Gás.

Para Júnior Verde, “a cada dia o PRB vem alcançando espaços políticos importantes, o que aumenta a nossa responsabilidade com o povo maranhense”. O parlamentar prestou contas dos seis primeiros meses de mandato e foi bastante aplaudido pelos presentes.

O presidente estadual do PRB, deputado federal Cleber Verde, agradeceu a presença de todos, comemorou os resultados e afirmou que o compromisso dos participantes reflete a importância da legenda para Maranhão, “que já é a terceira em prefeitos”.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Cidade

Deputado Júnior Verde integrou comissão que ajudou na suspensão da greve de policiais

Assembleia Policia Civil

Assembleia Policia Civil

A greve dos policiais civis do Maranhão está suspensa até o dia 4 de setembro, quando o Governo definirá a proposta apresentada pela categoria. Será mantido o estado de greve. A decisão foi tomada ontem (10) durante Assembleia Geral realizada pela categoria, oportunidade em que o deputado estadual Júnior Verde (PRB) reforçou a permanència de um diálogo entre a categoria e o Governo Estadual.

O grupo que faz parte do movimento grevista se reuniu em frente à REFESA, onde funcionava o Plantão Central da Polícia Civil, no centro de Sao Luís. A suspensão foi definida por uma diferença mínima. Para Júnior Verde, convidado para participar da reunião, “o mais importante é que o diálogo prevaleceu”.

Na semana passada, uma comissão de deputados recebeu um grupo de policiais civis para negociar o fim do movimento. A comissão composta por Júnior verde, Eduardo Braide, Valéria Marcelo, Cabo Campos, Dr. Levi e Wellington do Curso ajudou nas negociações entre membros da diretoria do Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol) e o secretário de Articulação Política do Estado, Márcio Jerry.

O Governo vai avaliar o reajuste escalonado, que vai de 2016 a 2018, recompondo assim, as questões salariais, objeto de reivindicação da categoria. Através de um entedimento com o presidente da Assembleia, Humberto Coutinho, o Legislativo Estadual não votará a Lei Orçamentária enquanto não forem encaminhadas as tabelas de reajuste, dentro dos valores propostos pelo governo.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Júnior Verde busca estratégias para acabar com a greve da polícia

 

Deputado Júnior Verde em reunião com representantes da Polícia Civil

Deputado Júnior Verde em reunião com representantes da Polícia Civil

Na tentativa de estabelecer um diálogo entre o Governo do Estado e os policiais civis, que estão em greve desde segunda, o deputado estadual Júnior Verde (PRB), acompanhado do deputado Wellington do Curso (PPS), reuniu-se ontem (04) com membros do Sindicato da categoria, no Plenarinho da Assembleia Legislativa. Nesta quarta, o movimento se reunirá para decidir se cumpre a decisão judicial que determinou o retorno das atividades, julgando a greve ilegal.

A reunião foi solicitada por Júnior Verde, que ouviu representantes da categoria sobre as reivindicações que motivaram o movimento. Segundo os policiais, as remunerações estabelecidas na Lei Estadual 10.266 são baixas e discrepantes.

O presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Estado do Maranhão (Sinpol), Heleudo Moreira, lamentou a greve. “Infelizmente chegamos ao limite, e não temos mais condições  de exercer nossas atividades sem o devido reconhecimento”, desabafou, acrescentando que o Executivo Estadual não tem cumprido as decisões judiciais que determinam o pagamento de gratificações retroativas.

Segundo Júnior Verde, “estamos buscando uma solução para acabar com a greve, que afeta toda a sociedade. Acredito na força do diálogo, do entendimento, e é o que o Governo também partilha, como fez com os policiais militares e com os delegados. Embora não possamos resolver questões do executivo, vamos mediar e tentar resolver essa crise”.

O deputado Wellington do Curso contribuiu com as discussões. “Estamos aqui em favor do policial civil, do povo do Maranhão. Sou da base do Governo, mas não faço parte do Governo e toda e qualquer proposta que vá de encontro ao povo maranhense, sou contra”, afirmou.

O Maranhão possui hoje 2.166 policiais civis na ativa, entre delegados, investigadores, escrivães e peritos. Há, porém, 743 cargos vagos que deveriam ser preenchidos, como estabelece a Lei Estadual.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.