Poder

Módulos sanitários domiciliares vão custar R$ 1 milhão em Fernando Falcão

A implantação de módulos sanitários domiciliares em Fernando Falcão vai custar cerca de R$ 1.010.913,01 (um milhão e dez mil, novecentos e treze reais e um centavo), segundo foi publicado no Diário Oficial.

O contrato milionário foi firmado entre a Prefeitura e a empresa Cristal Serviços e Construtora, que fica localizada em São Luís e pertence à Lindomar Pereira de Sá e Tereza Lúcia Feitosa de Sá.

De acordo com o Diário Oficial, o acordo contratual foi assinado em julho de 2018 e tem validade de 15 meses. O recurso utilizado é proveniente do Convênio Nº 0225/2014, que foi celebrado entre Fundação Nacional de Saúde – FUNASA e a Prefeitura de Fernando Falcão.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Rigo Teles consegue benefícios para o município de Fernando Falcão

Deputado Estadual Rigo Teles (PV)

Deputado Estadual Rigo Teles (PV)

O deputado Rigo Teles (PV) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa na quinta-feira (2), para destacar e agradecer o governador do estado pelos benefícios concedidos à população do Município de Fernando Falcão, por meio dos programas “Mais IDH” e “Escola Digna”, idealizados para melhorar a qualidade de vida da população.

Em nome da população de Fernando Falcão que confiou a maior votação durante cinco mandatos consecutivos (1998, 2002, 2006 e 2010 e 2014), o deputado Rigo Teles agradeceu pela liberação e licitação para a imediata construção de 03(três) poços artesianos, projetados para beneficiar milhares de pessoas dos povoados Sítio dos Arrudas, Muquém e Moxotó com água de boa qualidade.

O parlamentar agradeceu também ao governador Flávio Dino pela liberação, “por meio do Programa mais IDH” de uma cozinha comunitária, de um prédio para abrigar o Centro de Referência e Assistência e Referência Social (CRAS), ambos na sede, e de 30 casas e 30 kits sanitários para o povoado Sítio dos Arrudas, localizado na zona rural do Município de Fernando Falcão.

Escola Digna

No pronunciamento, Rigo Teles agradeceu ainda ao governador Flávio Dino por ter liberado – por meio do programa estadual “Escola Digna” – a imediata construção de 10 escolas, com duas salas de aula cada, para beneficiar os estudantes dos povoados Aroeira, Galheiro, Brejinho do Abílio, Bacabal dos Arrudas, São Pedro, Riacho Fundo, Águas Claras, Canto Bom e Passagem do Lage.

Para o deputado Rigo Teles, estas ações do governador Flávio Dino em Fernando Falcão e nos demais municípios certamente refletirão na minimização da extrema pobreza e na consequente melhoria da qualidade de vida da população, pois a meta do governo é tirar o Estado do Maranhão do ranking dos municípios brasileiros com menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH).

Ao finalizar, Rigo parabenizou o governador pelo Programa “Escola Digna”, que tem com o objetivo beneficiar a população com escolas acolhedoras, democráticas, participativas, inclusivas e geradoras de Educação Cidadã, capaz de transformar e libertar. Pelo programa, todas as escolas de taipa, barro e palha do Maranhão serão substituídas por estruturas de alvenaria.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Pai do prefeito de Fernando Falcão é acusado de grilagem de terras

O pai do prefeito da cidade de Fernando Falcão, Eli Alves Cavalcante, realizou grilagem de terras no ano de 2005, e só agora os novos proprietários chegaram para receber as terras, e a população esta sendo prejudica, pois, as terras sempre foram do município, onde todos criam seu gado e estão vendo forasteiros se apossar de suas terras.

Eli Cavalcante na época vendeu os terrenos de forma irregular, alegando que a área era improdutiva e fez na época um requerimento ao ITERMA solicitando a regularização dos terrenos. Além disso, o mesmo vendeu para grandes latifundiários da região sul do país.

O grande problema e que agora vai ser desapropriadas pelo menos 10 famílias que moram dentro da área denominada Fazenda Bacuri, com área de 13.338.017 hectares.

Os novos donos já estão apossados das terras, cercando e expulsando as famílias de suas verdadeiras propriedades. Confira abaixo documentos que comprovam a irregularidade:


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.