Poder

Prefeito Eric entrega pacote de grandes obras em Barra do Corda

Eric Costa.

Eric Costa.

O prefeito de Barra do Corda, Eric Costa (PSC), juntamente com sua esposa e deputados estaduais, convidam a população cordina nesta sexta-feira (03) para comemoração de aniversário da cidade. Além disto, o gestor entregará as primeiras 20 obras de sua gestão.

O governo de Costa que já ultrapassou os 120 dias, lançou pacote de obras no município da qual ele destacou entre os aspectos positivos de sua nova gestão: pintura da Concha Aústica; pintura dos semáforos; pintura do Centro de Convivência do Idoso; pintura do meio fio da avenida Lulu Rodrigues; construção de quebra molas da avenida governadora Roseana Sarney e contrução de quebra molas da avenida Cohab.

Entre as obras anunciadas, Eric Costa deve destacar a pinutra do meio fio da avenida Reginaldo Gomes de Sousa e a distribuição de 400kg de peixe as entidades filantropicas.

O blog do Neto Ferreira abre espaço para os leitores avaliarem através de comentários o governo do 20.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Guerra Santa em Barra do Corda deixa população revoltada com Eric Costa

Do Blog do Luis Cardoso

De um lado a Prefeitura Municipal de Barra do Corda e os evangélicos. Do outro, a igreja católica e mais de 80% da população que preferem rezar ao orar.

A guerra santa teve início desde a posse do prefeito Eric Costa. Ele promoveu um carnaval ralado e ainda assim começou a ser cobrado pela igreja evangélica.

A pressão, aliás, vem mais forte de dentro de casa. Os pais do prefeito são evangélicos da Assembleia de Deus. A igreja monitora as ações de Eric Costa e, por último, inventou que o capeta vem rondando sua casa e a sede da prefeitura

Precavida, a família do prefeito passou a seguir orientações do pastor da AD, Silvestre, que orientou o prefeito a se cercar de evangélicos por todos os lados. Por isso, tem pastor fazendo vigília na residência dele para não permitir a entrada do “futi”.

Mas a briga tomou proporções maiores agora quando se aproxima o festejo de aniversário da cidade, dia 3 de maio. O prefeito, orientado pelo pai, contratou o cantor gospel Davi Sacer para um show na principal praça.

Os católicos reagiram e ameaçam boicotar o espetáculo. Irredutível, o pai de Eric Costa topou a parada e se os católicos querem festa profana, que o padre banque o evento.

Assim como em Barra do Corda, em São Luís o prefeito Edivaldo Holanda, também evangélico, tem no pai quase pastor sua régua e compasso. H Júnior não liberou um centavo para a festa das escolas de samba e, feito o H Pai, sumiu no período pecaminoso.

Mas aqui tem uma diferença. H Júnior não entregou dinheiro para as escolas de samba, porém, liberou R$ 5 milhões para gastar com publicidade, sendo que a maioria da verba vai para os cofres do Sistema Mirante de Comunicação, da governadora Roseana Sarney.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Atenção, MP! Prefeitura de Barra do Corda estaria forjando licitação

O caso deve chegar a Promotoria Pública de Barra do Corda através de proprietários de empresas que não conseguem participar das licitações anunciadas pela Comissão Permanente de Licitação da Prefeitura Municipal de Barra do Corda.

Ocorre que empresários que foram obter o edital de licitação do qual possibilita concorrer ao certame, ficaram abismados ao perceberem que o pregoeiro e o presidente da Comissão sumiram da cidade para evitar a participação de interessados nas licitações.

Na Prefeitura, empresários fizeram inúmeras tentativas para obtenção do documento, mas não conseguiram de jeito algum localizar o responsável pela liberação.

Ao Blog do Neto Ferreira relataram que se comenta na cidade um espécie de aval do cunhado do prefeito Eric Costa, Fernando Pessoa, para autorizar a liberação do edital. Ou seja, algo parecido com esquema para forjar a licitação.
A equipe de reportagem tentou contato com o prefeito Eric Costa para saber sobre a possível existência, mas não obteve êxito.

A gravidade do caso é tão grande que pode levar a condenação de detenção em regime inicialmente aberto e pagamento de multa caso seja constatado a influência no resultado de processo licitatório em favor de empresas que sejam ligadas a amigos e parentes.

Quando um gestor público se utiliza de expedientes para reduzir o caráter competitivo da licitação, com a intenção de afastar competidores indesejáveis e dirigir o resultado em favor de alguém, acaba restringido a publicidade do processo licitatório, deixando de cumprir a Lei nº 8.666/93, uma vez que a tomada de preços não teve sua publicação em jornal de grande circulação do Estado ou Município.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Gestão de Eric Costa é desmentida pela APAE de Barra do Corda

A crise é grande após declarações do secretário de Meio Ambiente de Barra do Corda, Aderoldo Cunha – ex-aliado e carregador de malas da familia teles -, serem desmentidas por importantes representações do município.

O fato que gera crise e intriga a população começou no dia 21 com a apreensão de mais de 300kg de pescados no Rio Mearim, data proibida pela Lei da Piracema que é considerada como pesca predatória.

Até aí, tudo bem, tudo bacana, nada mal. Ocorre, porém, o secretário Aderoldo foi desmoralizado ao ser desmentido pelo Centro de Emaús ( Entidade Filantrópica Mantida pela Igreja Católica), APAE e Associacao da Igreja Gianna Beretta, da qual negaram o recebimento de peixes que, segundo Aderoldo, foi doado pela Prefeitura.

Em contato com o Blog do Neto Ferreira, o prefeito confessou que houve um equívoco do secretário e afirmou que o pescado foi doado apenas para Igreja Gianna Beretta.

Mas, segundo apurou o blog, representantes da Igreja também desmentiram a informação repassada pela gestão de Eric Costa.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Prefeito de Barra do Corda é motivo de descontentamento dos aliados

Eric Costa e sua esposa.

Eric Costa e sua esposa.

São fortes as queixas nos bastidores da Câmara Municipal de Barra do Corda e Secretarias que apontam para uma possível crise na base aliada do prefeito Eric Costa (PSC).

Há rumores de insatisfação entre alguns vereadores, secretários e cabos eleitorais, por conta do isolamento que sofrem oriundo do executivo municipal.

A reclamação é tanta que uma fonte do Blog do Neto Ferreira informou que os familiares do gestor coordenam, mandam e desmandam na administração, o que gera situação de descontentamento e desgaste entre os aliados como – por exemplo -, na Câmara de Vereadores que será local para aprovação de projetos do interesse de Costa.

Resta saber se os leitores acreditam ou não nessa hipótese…


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Prefeito diz que Barra do Corda possui 19 médicos para atender

Prefeito de Barra do Corda.

Prefeito de Barra do Corda.

Após inúmeras críticas do Blog do Neto Ferreira, sendo elas recentemente voltadas ao setor da saúde pública, onde uma paciente relata que aguarda há meses e não é operada por falta de material hospitalar (reveja), além do caso do garoto Rafael Lira Viana de 7 anos, que morreu de diarreia após não ser assistido no Hospital Edison Lobão (reveja), o prefeito de Barra do Corda Eric Costa (PSC), entrou em contato com o Blog do Neto Ferreira para esclarecer questionamentos sobre sua administração.

Indagado sobre a morte de Rafaela Viana, Costa disse que existia médico para proceder o atendimento no Hospital Edison Lobão. Ocorre, porém, no relato feito em vídeo de parentes da vítima (reveja), o médico olhou a criança, mas não deu atenção e pediu que encaminhassem o garoto ao hospital regional de Presidente Dutra, que no meio do percurso, infelizmente Rafael chegou a óbito.

Na época, o deputado Rigo Teles (PV) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa, para denunciar e pedir providências das autoridades competentes contra o caos que tomou conta do sistema de saúde pública de Barra do Corda, e está provocando a morte de crianças por falta de médicos (reveja).

Em virtude da denúncia do parlamentar, o prefeito informou ao Blog não ter realizado demissões de médicos, e afirmou que Barra do Corda possui 19 médicos, com especialização em clínico geral, ginecologista/obstetra, cirurgião, gastroenterologista, ortopedista, pediatra e anestesista.

Confira abaixo a lista contendo nomes dos médicos contratados pelo Município de Barra do Corda:

1- Dr.João Alfredo (clínico geral)
2- Dr. José Ailton (ginecologista/obstetra)
3- Dr. Rogério (cirurgião)
4- Dr. Gabriel (cirurgião)
5- Dr. Jerônimo (cirurgião)
6- Dr. Matias (obstetra)
7- Dr. Léo Primeiro (ginecologista)
8- Dr. Alexandre Volta (obstetra)
9- Dr. Helton ( Clínico geral)
10- Dr. Armando (clínico geral)
11- Dr. Assis (clínico geral)
12- Dr. Iran (clínico geral)
13- Dr. Paulo Falcão (ginecologista/obstetra)
14- Dr. Alexandre Costa (ortopedista)
15- Dra. Débora (gastroenterologista)
16- Dr. Marcelo (psiquiatra)
17- Dra. Ebenézer (pediatra)
18- Dr. Celso
19- Dr. Davi (anestesista)


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Barra do Corda recebeu R$ 2,2 milhões em repasses para saúde

Prefeito de Barra do Corda.

Prefeito de Barra do Corda.

Apesar da alegação de ter recebido uma herança maldita, o prefeito de Barra do Corda, Eric Costa (PSC), realmente não tem do que reclamar dos recursos oriundos da saúde destinados ao município.

De janeiro ao dia (09) de março, a Prefeitura de Barra do Corda já recebeu mais de R$ 2 milhões em repasses do Fundo a Fundo além de outros recursos federais.

A falta de gestão pública é um dos principais fatores que afetam municípios do Maranhão como – por exemplo -, em Barra do Corda onde a paciente denunciou que o Hospital Edison Lobão não tem material hospitalar para realizar procedimentos cirurgicos.

Caso não mude o quadro da problemática saúde, Eric Costa deverá ser alvo de fortes críticas não só pela oposição, mas sim por toda população que acreditou no discurso da mudança e renovação pregado durante campanha.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Em Barra do Corda, paciente não é operada por falta de material hospitalar

Esta semana, pelo menos várias cirurgias já tiveram de ser canceladas, e o hospital não descarta a possibilidade de novos cancelamentos, por falta de material para utilizar nas operações.

Maria Gomes denuncia caos na saúde de Barra o Corda.

Maria Gomes denuncia caos na saúde de Barra o Corda.

O problema está se arrastando e foi denunciado por uma paciente, que apontava que a administração do prefeito Eric Costa (PSC), sequer teve interesse em comprar material hospitalar básico como agulhas, algodão e gazes como luvas, seringas ou mesmo sabonetes para fazer a higiene das mãos antes dos procedimentos médicos no Hospital Edison Lobão, referência em Barra do Corda por executar diversos procedimentos em diferentes áreas da medicina.

O hospital, que funciona no bairro Altamira e atende boa parte da população, tinha inúmeras cirurgias agendadas. Porém, até o momento nenhuma foi realizada. Mas a situação se agravou ainda mais esta semana.

Os cancelamentos das cirurgias foram confirmados a paciente pelo diretor da unidade. “O diretor falou que não tem material hospitalar para fazer de imediato a minha cirurgia”, disse a paciente.

Ainda segundo ela, o diretor foi mais além ao dizer que não seria um caso de urgência e que ela poderia aguardar por mais um tempo. “Já fez dois meses que eu uso muleta aguardando fazer uma cirurgia porque quebrei a perna. O diretor do hospital disse que não seria caso de urgência”, relatou.

As cirurgias canceladas ainda não tem data prevista para ocorrer. Os procedimentos emergenciais por enquanto não foram afetados e estão sendo realizados.

Com isso, Maria Gomes espera uma cirurgia há dois meses. Quando conseguiu agendar na esperança de ser realizado o procedimento, ela recebeu a confirmação no dia que tinha sido cancelado a cirurgia.

Apesar da alegação de ter recebido uma herança maldita, o prefeito Eric Costa deixa claro, diante da atual situação, não ter o menor interesse em tentar resolver a problemática da saúde pública no município, bem como deixa evidente sua falta de preparo para a gestão pública.

Uma vergonha para um povo que esperava tanto por mudança.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Prefeito de Barra do Corda continua em silêncio…

Eric Costa, prefeito de Barra do Corda.

Eric Costa, prefeito de Barra do Corda.

Além do problema da falta de água, os moradores da cidade de Barra do Corda estão sofrendo com a falta de atendimento médico, nos postos de saúde.

Uma moradora da cidade, explica que sofre de pressão alta e padece diante da falta de médicos no local. Ela relata que já foi até a principal unidade de saúde, mas sempre o atendimento é negado.

O prefeito Eric Costa, enganou a milhares de pessoas em Barra do Corda que acreditaram nas promessas de mudança como – por exemplo -, a família de Rafaela Lira Viana e a família de outra criança de 11 anos, que procurou o Hospital Materno Infantil no bairro do Incra, que teve atendimento negado, alegando que não era caso pediátrico e recomendaram o retorno ao Hospital Edison Lobão, onde não tinha médico para atendê-la. Ao retornar ao Hospital Materno Infantil, a criança faleceu.

Não só este blog como toda população cordina torce para que o prefeito não faça uma má administração. Porém, não podemos deixar de observar a falta de gestão na saúde pública.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Rigo Teles denuncia caos na saúde pública de Barra do Corda

O deputado Rigo Teles (PV) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa na quinta-feira (21), para denunciar e pedir providências das autoridades competentes contra o caos que tomou conta do sistema de saúde pública de Barra do Corda, e está provocando a morte de crianças por falta de médicos equipamentos essenciais aos procedimentos mais elementares.

Rigo Teles rebate afirmações de Antônio Pereira.

Rigo Teles rebate afirmações de Antônio Pereira.

O parlamentar lamentou que em menos de dois meses de gestão do prefeito Eric Costa (PSC) duas crianças morreram por falta de atendimento nos hospitais públicos de Barra do Corda. O deputado deixou claro que jamais denunciou atos administrativos de prefeitos, mas as mortes comoveram e revoltaram a população e chamaram atenção até da imprensa nacional.

Rigo relatou que no domingo (17) estava em Barra do Corda e, por volta de 8h, foi surpreendido os gritos do garoto Rafael Lira Viana de 7 anos, seu vizinho no Bairro da Altamira, e filho de Redson Viana e Sâmia Lira Viana. O casal alegava que o filho estava com diarréia e vômito e sofrera com o problema durante a noite inteira.

Rafaela Lira Viana.

Rafaela Lira Viana.

De acordo com Rigo, por volta das 6 horas, Sâmia Viana procurou atendimento para a criança no Hospital Municipal Edison Lobão, que fica a 200 metros de sua residência, mas lá não havia médico para proceder o atendimento. Então, Sâmia procurou um hospital particular, o Florêncio Brandes, onde o médico chegou logo, mas a criança já estava praticamente agonizando.

O médico tentou de todas as maneiras salvar a criança, mas não conseguiu localizar nenhuma veia, alegando que o hospital particular não tinha de cateter. Então, o médico pediu que a mãe da criança voltasse ao hospital municipal Edison Lobão conseguir o cateter, que ele faria o que pudesse para salvar a vida do garoto Rafael. O médico não conseguiu localizar a veia, porque a criança estava altamente desidratada, por causa da diarréia e vômito durante a noite.

Chegando ao hospital Edison Lobão, o médico olhou a criança, mas não deu atenção e pediu que encaminhassem o garoto ao hospital regional de Presidente Dutra, localizado acerca de 100 quilômetros de Barra do Corda. Os pais pegaram a ambulância e imediatamente transportaram a criança. A menos de 20 quilômetros, infelizmente Rafael chegou a óbito.

OUTRA VÍTIMA

No pronunciamento, RIgo Teles disse que é lamentável usar a tribuna para falar de um assunto tão delicado, mas foi triste se deparar com tal situação. Segundo ele, mais tristeza ainda foi o clamor e a revolta da população, quando chegou o corpo da criança para ser velado. O pai de Rafael se encontrava trabalhando em outro município distante de Barra do Corda.

“A maioria do povo de Barra do Corda elegeu o prefeito Eric Costa, acreditando que nas promessas que tudo iria melhorar. Há cerca 15 dias faleceu outra uma criança de 11 anos, depois de procurar o Hospital Materno Infantil no bairro do Incra, que negou ao atendimento, alegando que não era caso um pediátrico e recomendaram o retorno ao Hospital Edison Lobão, onde não tinha médico para atendê-la. Ao retornar ao Hospital Materno Infantil, a criança faleceu”, lamenta o deputado.

Para Rigo, é inadimissível que em pleno século XXI uma criança saudável que teria um futuro brilhante, morrer de diarréia e vômito por falta de médico. “ Não estou torcendo para que o prefeito não faça uma má administração ou para a saúde piorar. Sou de Barra do Corda, tenho dois filhos que passaram 12 dias lá, antes e depois do carnaval. O que aconteceu com Rafael pode acontecer com um filho meu ou com um filho de qualquer cidadão do município de Barra do Corda”, disse.

No final do pronunciamento, Rigo rebateu críticas ao ex-prefeito Manoel Mariano de Souza. Segundo ele, “Nenzim” deixou a rede de saúde pública de Barra do Corda funcionando em toda sua plenitude e atendendo a população. “Desafio o deputado Antônio Pereira, o prefeito Eric Costa e o secretário municipal de saúde a declinar os nomes e as especialidades dos médicos que hoje trabalham nos hospitais do município de Barra do Corda”, afirmou.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.