Poder

Agentes e inspetores penitenciários fazem paralisação de 48 horas

2016-06-10-photo-00000010

Os agentes e inspetores penitenciários do Estado iniciaram, às 7h da manhã de hoje (17), uma paralisação de advertência de 48 horas. A categoria reivindica melhores condições de trabalho e salário.

Entre as exigências estão: subsídios equivalentes entre inspetor penitenciário e comissário de Policia Civil, assim como agente penitenciário e investigador de Policia Civil; aposentadoria especial; redução da escala de trabalho; a não retirada das gratificações durante as férias ou licença; e outras.

O movimento está sendo coordenado pelo Sindicato dos Servidores dos Agentes Penitenciários do Estado do Maranhão (Sindispen). Os trabalhadores se concentram em frente ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Pedrinhas.

Será realizada uma assembleia ao fim de cada dia para avaliar os rumos da paralisação. Homens da Polícia Militar (PM-MA) acompanham o ato dos agentes penitenciários.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Agentes penitenciários rejeitam proposta do governo

O Sindicato dos Servidores do Sistema Penitenciário do Maranhão (SINDSPEM) encaminhou ao secretário de Administração Penitenciária (SEAP), Murilo Andrade, a resposta e a contraproposta de reajuste salarial para a categoria de Agentes e Inspetores Penitenciário do estado.

No dia 9 de junho, em assembleia, os profissionais, por unanimidade, rejeitaram a proposta do governo e decretaram dois dias de paralisação, entre os 17 e 18 de junho, caso a categoria não obtenha uma reposta plausível do estado que contemple as reivindicações desejadas.

Entre as mudanças requeridas pelo Sindicato estão: subsídios equivalentes entre Inspetor Penitenciário e Comissário da Polícia Civil, assim como Agente Penitenciário e Investigador da Polícia Civil; implantação da aposentadoria especial e mudança da escala de trabalho de 24 x 72 para 24 x 96.

O governo do Maranhão ainda não se pronunciou.

IMG-20160613-WA0189

IMG-20160613-WA0191

IMG-20160613-WA0190


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Agentes penitenciários decretam paralisação por dois dias

IMG-20160610-WA0032

Os agentes penitenciários não conseguiram obter sucesso durante as negociações com o Governo do estado, e por isso, decretaram paralisação por dois dias, 17 e 18 de junho.

De acordo com a categoria, as negociações não andam boas e a insatisfação só aumenta. A proposta oferecida pelo governo não foi aceita e para o presidente do sindicato é uma indecência e total falta de respeito para com os trabalhadores.

Eles alegam o não recebimento da gratificação de nível superior, sendo a única classe a não receber o benefício. Mais além da reposição salarial, a principal reivindicação é para que o governo cumpra a promessa em equiparar os salários do agentes penitenciários com o o de investigador de policia e o de inspetor penitenciário com o comissionário de policia, fora outros pedidos.

thumbnail_IMG-20160610-WA0033


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Cidade

Agentes penitenciários fazem protesto em São Luís nesta terça-feira

20140128105333149325iAgentes penitenciários de São Luís fazem um protesto na manhã desta terça-feira (28). Os profissionais pedem que o governo reveja a portaria da Secretaria de Justiça e Administração Penitenciária (Sejap), que limita a atuação dos agentes concursados à escolta prisional.

A mobilização, que foi inicada próximo à sede da Sejap, segiu até a sede da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/MA), onde os agentes entregaram um documento com suas reivindicações ao órgão. O protesto é realizado pelo Sindicato dos Servidores do Sistema Penitenciário do Maranhão (Sindspem)

Segundo a agente penitenciária, que se identificou apenas como Juracema, o protesto é contra a portaria sancionada, no dia 13 de janeiro, que limita as atividades dos agentes penitenciários nos presídios do estado. E também, “contra as denúncias da SEJAP de que o caos instalado no sistema penitenciário maranhense é culpa de agentes corruptos”. (Oimparcial)


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.