Política

Wellington solicita ao MP providências em relação ao aumento da tarifa dos coletivos

Para o deputado Wellington, um novo aumento só evidencia, mais uma vez, que a população é quem paga pela incompetência da Prefeitura e, assim, submete-se às cobranças excessivas.

IMG-20160328-WA0035

Deputado Wellington do Curso e Promotora do Consumidor, Lítia Cavalcante.

Na tentativa de defender os interesses da população, o deputado estadual Wellington do Curso direcionou-se, na manhã desta segunda-feira (28), ao Ministério Público Estadual, solicitando que providências quanto ao aumento abusivo das tarifas do transporte público fossem adotadas.

O pedido do deputado Wellington faz referência ao exorbitante aumento das passagens de transporte coletivo em São Luís que foi anunciado na última quarta-feira (23) pelo secretário Municipal de Trânsito e Transporte de São Luís, Canindé Barros, e já está em vigor desde às 0h de sexta-feira (25).

Para o deputado Wellington, um novo aumento só evidencia, mais uma vez, que a população é quem paga pela incompetência da Prefeitura e, assim, submete-se às cobranças excessivas.

“É evidente, sob qualquer prisma, a debilidade do serviço de transporte na nossa cidade. Estamos diante de ônibus velhos, sucateados, que demonstram o desrespeito com o qual o trabalhador ludovicense é tratado. Como se tais mazelas por si só não fossem suficientes, a gestão municipal nos surpreendeu com um repentino aumento. Agora, além de ter ônibus velhos como regra, a população terá que arcar com uma tarifa que afronta um princípio básico das concessões públicas: a modicidade. A tarifa tem que ser acessível e, ainda, proporcional à qualidade do serviço prestado (se existisse em nosso sistema público de transporte urbano). Foi por compreendermos que esse reajuste não está adequado à realidade econômico financeira do povo da capital que solicitamos ao Ministério Público posicionamento em defesa da população. Já que para nosso povo a incompetência e insensibilidade social do atual gestor é visível, esperamos, ao menos, que o Direito impeça a concretude dessa maldade com os mais humildes.”, declarou.

Ao que parece, a história se repete. Há, aproximadamente, 01 ano (no dia 30 de março de 2015), o deputado Wellington deu entrada em uma Ação Popular, no Fórum Desembargador Sarney Costa, pela anulação do Decreto Nº 46.841, assinado pelo prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), que autorizou o aumento das passagens de transporte coletivo em São Luís.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

2 comentários em “Wellington solicita ao MP providências em relação ao aumento da tarifa dos coletivos”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. soca soca

    Pergunta pra esse deputado idiota quem vai bancar o aumento do salário mínimo, o aumento no preço do combustível,das peças dos ônibus.Tudo nesse país miserável aumentou demais nos ultimos meses.

  2. Arnaldo

    A licitação está vindo para melhorar o serviço dos ônibus. Agora tem até ar-condicionado.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários