Poder

JN repercute situação de Navio que pode afundar em São Luís

Navio poderá afundar em São Luís

Navio poderá afundar em São Luís

Um dos maiores navios do mundo corre o risco de afundar, no Maranhão, carregado de minério de ferro.

O gigante de 371 metros de comprimento está atracado no porto de Ponta da Madeira, em São Luís, um terminal exclusivo para o transporte de minério da companhia Vale.

Não é possível ver a rachadura, que está submersa, mas um dos lados do navio já está mais baixo do que o outro.

“Entra água, mas com as bombas de lastro que eles têm, bombeia para fora esta água que está em excesso. Existe o risco de afundamento”, disse Calmon Bahia, da capitania dos Portos.

“Os impactos gerados são de extrema dificuldade de resgate e com malefícios à flora e à fauna aquáticas”, alertou o engenheiro ambiental Lúcio Macedo.
Do Jornal Nacional


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

PDT mantém apoio ao governo, com ou sem ministério, diz presidente da sigla

Ao sair da reunião da Executiva do PDT, o presidente interino da legenda e deputado federal pelo Ceará, André Figueiredo, afirmou na tarde desta segunda-feira (5) que a saída de Carlos Lupi –presidente licenciado da sigla– do Ministério do Trabalho não altera o apoio dos pedetistas ao governo Dilma Rousseff.

Questionado sobre quem seria a melhor indicação do partido para sucedê-lo, o parlamentar não quis citar nomes, mas frisou que a legenda criou uma comissão composta pelos líderes da Câmara e do Senado, do presidente e vice-presidente do PDT para fazer o papel de “intermediários” nas conversas com o Palácio do Planalto.

Comando do PDT – Na reunião, Lupi informou aos seus colegas de partido a decisão de “tirar férias” até o fim de janeiro, quando retoma ao posto de presidente do PDT. O ex-ministro deixou a reunião do partido por volta das 19h e, ao ser questionado sobre o que faria agora, ele se limitou a dizer que iria “continuar trabalhando”.

Demissão – O ministro do Trabalho pediu demissão do cargo após reunião com a presidente Dilma Rousseff, na tarde deste domingo (4). Em seu lugar, ficará, de forma interina, o secretário-executivo da pasta, Paulo Roberto Pinto

Em nota oficial, Lupi afirmou que sua demissão foi causada pela “perseguição política e pessoal da mídia que venho sofrendo há dois meses sem direito de defesa e sem provas”. Segundo o agora ex-ministro, sua demissão foi necessária “para que o ódio das forças mais reacionárias e conservadoras deste país contra o Trabalhismo não contagie outros setores do Governo”.

( com informações do Uol notícias )


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Ex-prefeito de Davinópolis é condenado por improbidade administrativa

A 3ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), em sessão nesta segunda-feira (5), suspendeu os direitos políticos do ex-prefeito do município de Davinópolis, Daniel Silva Alves, pelo prazo de três anos. A sentença unânime também o proibiu de contratar com o serviço público ou dele receber benefícios e incentivos ou créditos fiscais por igual período, e ainda o condenou a pagar multa de 30 vezes sobre o último vencimento recebido como prefeito.

Alves foi condenado por ato de improbidade administrativa, praticado quando era prefeito do município, por não ter apresentado a prestação de contas do exercício financeiro de 2000 ao Tribunal de Contas do Estado (TCE/MA). A 3ª Câmara Cível reformou sentença de primeira instância que havia julgado improcedente a ação civil movida pelo Ministério Público estadual (MPE) contra o então prefeito.

Na época em que o MPE moveu a ação, Alves apresentou defesa preliminar alegando não ter apresentação as contas em razão de vários problemas existentes no período em que era prefeito. À época pediu prazo de mais 60 dias para normalizar a situação.

A decisão da Justiça de 1º grau foi pela improcedência da ação, por entender que o ato de improbidade só pode ser reconhecido se for demonstrada a prática dolosa (com intenção) de cometer o crime. O juiz considerou que a conduta do prefeito foi de culpa, não de dolo.

O Ministério Público entrou com apelação cível, e o parecer da Procuradoria Geral de Justiça foi pelo provimento do recurso, por entender que há provas robustas de que o prefeito deixou de realizar a prestação de contas com vontade livre e consciente.

Com informações do Tribunal de Justiça


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Promotor denuncia sobrinho de Socorro Waquim por propaganda eleitoral ‘irregular’

Tales Waquim poderá ter pré-candidatura retaliada

Tales Waquim poderá ter pré-candidatura retaliada

Antônio Borges Nunes Junior promotor eleitoral entrou na justiça com uma ação liminar contra Tales Waquim (PMDB) presidente da Câmara de Vereadores de Timon, que estaria utilizando do site da Câmara para fins pessoais em sua pré-candidatura a prefeitura de Timon.

O promotor esclarece na peça que ao tomar conhecimento através de reclamações e denúncias consistentes em propaganda eleitoral antecipada por parte do sobrinho da prefeita de Timon, vereador Tales Waquim.

A justiça eleitoral é dura e severa em crime de propaganda eleitoral em veículo de comunicação. Sendo assim, mesmo que matérias sejam retiradas do site da Câmara, ainda podem ser encontradas na busca do Google com os termos “PSL de Timon oficializa apoio à pré-candidatura de Tales Waquim”, afirma o promotor.

Em ato de improbidade administrativa descarada, o jovem Waquim terá grandes obstáculos e retaliações futuras, se condenado, terá que pagar multa e poderá complicar cada vez mais a sua pré-candidata a prefeito, onde pretende substituir sua tia Socorro Waquim (PMDB).


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Prêmio Tim Lopes de Jornalismo Investigativo

Continuam abertas as inscrições para o Prêmio Tim Lopes de Jornalismo Investigativo.

As inscrições irão até o dia 31 de Dezembro de 2011. Contamos com à participação de todos.

Este prêmio destina-se ao reconhecimento de trabalhos jornalísticos de grande qualidade e ao incentivo da atividade que mais dava satisfação a Tim Lopes, estimulando assim a publicação de reportagens sobre temas de interesse da sociedade.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Assembleia nomeará integrantes da CPI dos R$ 73,3 milhões

Sede da Assembleia Legislativa

Sede da Assembleia Legislativa

As atividades administrativas da Assembleia Legislativa foram retomadas tranquilamente na manhã desta segunda-feira (5), após 10 dias de ocupação do prédio por policiais militares e bombeiros, em greve desde o dia 23 de novembro.  A sessão plenária legislativa será iniciada em horário normal, às 16h, com extensa pauta de votação de projetos e indicações.

Para a sessão de hoje está prevista, também, a oficialização dos nomes, pela Mesa Diretora, dos deputados que vão integrar a Comissão Parlamentar de Inquérito  (CPI) que investigará o destino dado aos R$ 73,3 milhões  repassados pelo Governo do Estado à Prefeitura de São Luís, por meio de convênios, em 2009, durante o governo de Jackson Lago (PDT).

Deverão compor a CPI os deputados Roberto Costa (PMDB), Magno Bacelar (PMDB), Vianey Bringel, Alexandre Almeida, Rogério Cafeteira, Léo Cunha e Marcelo Tavares (PSB).

Os trabalhos da CPI estão previstos para começar na próxima quarta-feira (7), ocasião em que deverão ser escolhidos o presidente e o relator, com a definição das datas das audiências públicas. A Comissão terá 120 dias para investigar a destinação dos recursos.

Da Agência Assembleia


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Luis Fernando e Gil Cutrim assinam convênio para construção do distrito industrial

A primeira etapa da implantação do Distrito Industrial de São José de Ribamar foi efetivada nesta sexta-feira, dia 02, no Palácio dos Leões, com a assinatura do Convênio do Governo do Estado, destinando R$ 5 milhões à prefeitura de São José de Ribamar para a realização de estudos topográficos e elaboração do Plano Diretor do pólo.

Assinaram o convênio o secretário Luis Fernando Silva (Casa Civil), representando a governadora Roseana Sarney, o secretário Maurício Macedo (Indústria e Comércio) e o prefeito do município Gil Cutrim. Veja abaixo:

 


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

PDT deve perder comando do Ministério do Trabalho

A executiva do PDT vai ser reunir na tarde desta segunda-feira (5) em Brasília. O encontro, que já estava previsto, acontece um dia depois de Carlos Lupi pedir demissão do Ministério do Trabalho.

A comentarista de política Cristiana Lôbo diz que a situação de Lupi foi se agravando dia após dia. “A presidente Dilma Rousseff tentou segurar Lupi pelo ponto de vista político e também porque não queria engordar a estatística de seis ministros saindo do governo por denúncias de corrupção. Mas não houve como”, aponta a comentarista.

Segundo Cristiana, a forma como Dilma está lidando com o problema indica que o PDT deve perder o comando do Ministério do Trabalho. “Colocar como sucessor o secretário-executivo da pasta, que já foi anunciado como interino, é uma indicação de que o Ministério do Trabalho vai trocar de bandeira ano que vem. Deixará de ser do PDT para ser de outro partido”, afirma a comentarista.

Cristiana Lôbo lembra também que há uma intenção do governo de enxugar a máquina administrativa. “Se isso acontecer, o Ministério do Trabalho seria fundido com o da Previdência,  ficando sob o comando do PMDB”, aposta Cristiana.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.