Poder

Capitania dos Portos rebate MOB e confirma reprovação de ferryboat

A Marinha do Brasil, por meio da Capitania dos Portos, confirmou, por meio de nota, que o ferryboat José Humberto foi reprovado para navegação rebatendo a versão apresentada pela Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB) do governo Brandão.

O documento informou que foi realizada a vistoria inicial para verificar a regularidade documental e as condições estruturais da embarcação. Na ocasião, foram constatadas tais irregularidades em desacordo com normas da Autoridade Marítima.

A Capitania dos Portos afirmou que a liberação do ferry só será feita após sanadas as discrepâncias e passar por nova inspeção do órgão.

O caso do transporte aquaviário maranhense gerou uma crise entre o governo do Maranhão e o Ministério Público.

Na quinta-feira (9), a Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB) do governo Carlos Brandão (PSB) emitiu nota informando que não procedia a reprovação do ferryboat José Humberto pela Marinha negando as informações passadas pela promotora da Defesa do Consumidor, Lítia Cavalcanti (reveja aqui).

A MOB garantiu que todas as pendências apontadas já foram sanadas e que não houve restrição de navegação da embarcação.

Em contrapartida, Lítia Cavalcanti disse que uma análise inicial da Capitania dos Portos tinha restringindo o transporte aquaviário, impedindo assim de operar no Maranhão (relembre aqui).

“Eles estão querendo contratar um ferry que passou o final de semana passando por serviço. Eu tenho informações concretas de que o ferry não foi aprovado pela Marinha e ela já tem o ofício para responder. Mas, também, os serviços foram feitos porque o ferry não é adequado para a baía, ele não tem motor de propulsão. Ele tem a metade da velocidade dos nossos ferry, ele é inadequado à Baía de São Marcos. Fora isso, é um ferry de rio, então, vão colocar a população em um ferry desses que, inclusive está apresentando problemas graves e tanto que a Marinha não aprovou para população ir e fazer esse trajeto. Enfim, a gente está fazendo o que tem que ser feito. Agora, gestor nós não somos, o que a gente pode fazer é ajuizar, entrar com as ações devidas, investigar, mas quem tem a gestão é o Estado do Maranhão”, informou.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “Capitania dos Portos rebate MOB e confirma reprovação de ferryboat”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. carlos costa

    BEM A MOB PENSOU QUE IRIA INTIMIDAR A CAPITANIA DOS PORTOS. ACOSTUMADA A MANDA EM ALGUNS ORGÃO SUPERIORES. LASCOU-SE

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários