Poder

Membro de CPI, vereador de Coroatá já se envolveu em escândalo e foi preso

Integrando a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Previdência em Coroatá, o vereador Ricardo Teixeira da Silva já foi preso suspeito de fraudar o INSS com documentos falsos e cartões bancários em nome de terceiros.

A prisão ocorreu em fevereiro de 2020 e foi realizada pela Polícia Militar da cidade.

Segundo informações, o vereador, que na época era candidato ao cargo, estava dentro de uma agência bancária tentando sacar mais de R$ 1 mil em benefício da Previdência com carteira de identidade falsa. Com ele, foram apreendidos cédulas de identidades pertencentes à terceiros, cartões e objetos de valores.

Após a prisão, o Ministério Público ofereceu denúncia contra Ricardo Teixeira por tentar obter vantagem ilícita de benefício da Previdência Social utilizando documento falso. Ele chegou a ser encaminhado para o Centro de Ressocialização de Presidente Dutra.

Atualmente, o vereador integra uma Comissão na Câmara Municipal que investiga possíveis desvios de recursos do Instituto de Previdência de Coroatá.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

2 comentários em “Membro de CPI, vereador de Coroatá já se envolveu em escândalo e foi preso”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Márcia Oliveira

    Essa CPI tá bem servida.

    O Presidente Ver. Cássio já esteve envolvido com carro roubado.
    Esse carro passou muitos anos na Delgacia de COROATA.

    http://idalgolacerda.blogspot.com/2015/06/cade-o-carrao-preto.html?m=1

    O Relator Ver. Diogo na época de Secretário emitia Documentos de Arrecadação Municipal (DAMs), em seu próprio nome e CPF, como se o município de Coroatá.

    http://idalgolacerda.blogspot.com/2013/08/diogo-o-corrupto.html?m=1

  2. Casa da mãe Joana

    Esse nosso Brasil…….em especial, esse nosso Maranhão, é uma vergonha nacional.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários