Poder

Flávio Dino é alvo do MPF por distribuir kits e convocar pessoas para comício no MA

Flávio Dino (PSB), ex-governador do Maranhão e pré-candidato ao Senado, está na mira do Ministério Público Federal por suposta propaganda eleitoral antecipada.

Para apurar o caso, o procurador Regional Eleitoral, Hilton Melo, instaurou um Procedimento Preparatório Eleitoral (PPE).

Versa o documento, no qual a reportagem do Blog do Neto Ferreira, teve acesso que Flávio Dino teria distribuído de cestas básicas, kits de irrigação, bolas e camisas de futebol, instrumentos musicais, aparelhos de ginástica, barracas de feira, capacetes de motos, entre outros itens.

A distribuição ocorreu em vários eventos da agenda oficial do Governo do Maranhão. Inclusive, várias matérias jornalísticas foram publicadas no site institucional dando visibilidade para tal feito.

Além disso, segundo o procurador, o ex-governador teria convocado a população para realização de comício.

Hilton Melo afirmou que os fatos apontam possível propaganda eleitoral irregular, na medida em que o socialista é pré-candidato ao cargo de Senador da República pelo Maranhão.

Para o representante ministerial, os referidos fatos podem apontar violação à vedação contida no art. 39, § 6º, da Lei nº 9.504/1997.

Melo não informou qual o prazo de conclusão do PPE.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

3 comentários em “Flávio Dino é alvo do MPF por distribuir kits e convocar pessoas para comício no MA”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Natalia

    Se não gastar dinheiro e ajudar o povão nas 217 Cidades vão perder a eleição fácil.
    Brandão e Dino.

    Sem Saúde
    Sem Educação
    Sem Segurança
    Diminuir os impostos.

  2. Rosinha costa

    Isso não é ajuda é comptra de votos,e campanha antes da hora.
    HORA DE FAZER JUSTIÇA . ALÔ,ALÔ MINISTERIO PÚBLICO .VAMOS AGIR.

  3. Dino diz que investigação de propaganda antecipada é “denúncia infudada” - Neto Ferreira – Conteúdo InteligenteNeto Ferreira – Conteúdo Inteligente

    […] O ex-governador Flávio Dino (PSB) negou nesta terça-feira (3), por meio de nota emitida por sua assessoria de imprensa, que tenha cometido crime eleitoral ao participar de ato com distribuição de “cestas básicas, kits de irrigação, bolas e camisas de futebol, instrumentos musicais, aparelhos de ginástica, barracas de feira, capacetes de motos, entre outros itens” (reveja aqui). […]

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários