Poder

Sem aulas, Prefeitura de Coroatá usou verba pública para pagar transporte escolar

Sem aulas presenciais, que foram suspensas pela pandemia da Covid-19, a Prefeitura de Coroatá pagou mais de meio milhão de reais por transporte escolar em 2020.

A reportagem do Blog do Neto Ferreira apurou que foram feitos repasses de R$ 612.720 mil entre os meses de fevereiro e agosto do ano pandêmico para a empresa Zurique Locações Ltda, que fica localizada na zona rural de São José de Ribamar, região metropolitana de São Luís.

Por mês, o Executivo municipal pagou o valor de R$ 102.120 mil à locadora mesmo com as aulas presenciais suspensas. .

Não houve a contraprestação dos serviços de transporte escolar, uma vez que não havia alunos se deslocando para as escolas, mas os pagamentos foram realizados.

Em 2021, a Zurique Locações voltou a receber pelos serviços cifras altíssimas. Foram repassados R$ 546.500,00 mil dos cofres públicos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

2 comentários em “Sem aulas, Prefeitura de Coroatá usou verba pública para pagar transporte escolar”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Prefeito de Coroatá pagou transporte escolar quando aulas presenciais estavam suspensas - Blog do Minard

    […] Do Blog do Net Ferreira […]

  2. Sem aulas, prefeitura de Coroatá usou verba pública para pagar transporte escolar - Blog do Bigode

    […] Do Blog do Neto Ferreira […]

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários