Poder

Nepotismo: prefeita de Presidente Vargas nomeia irmão e cinco parentes

Prefeita Fabiana Mendes e o irmão Júnior Figueiredo.

A prefeita de Presidente Vargas e procuradora federal, Fabiana Mendes, nomeou cerca de seis familiares para cargos no Executivo Municipal, afrontando a Súmula Vinculante do Supremo Tribunal Federal (STF) que veda o nepotismo.

O Blog do Neto Ferreira apurou que um dos nomeados pela gestora é o próprio irmão Sebastião Figueiredo Mendes Júnior, que é chefe de gabinete.

Júnior Figueiredo, como é mais conhecido, é proprietário de uma pousada no bairro Ponta do Farol, em São Luís, um dos metros quadrados mais caros do Maranhão, e também é dono de uma loja de aluguel de veículos. Ele recebe um salário bruto de R$ 2 mil.

Fabiana Mendes também nomeou a sua tia Rouse Meiry Figueiredo Mendes Lago para secretária- adjunto com remuneração bruta de R$ 1.400 mil.

Quem também ganhou um cargo na Prefeitura foi a prima da gestora Fabíola Trabulsi Rodrigues como coordenadora da Saúde da Mulher com salário bruto de R$ 2.850 mil.

A prefeita também nomeou a cunhada Davianne Santos Miranda Selares como psicóloga; Jeová Cantanhede, irmão da vereadora Raimundinha do Jeová; a tia Clea Gonçalves Sousa e a prima de primeiro grau Juliana da Silva Rodrigues.

A Súmula Vinculante 13 é expressa em incluir a nomeação de parentes por afinidade, até o terceiro grau, inclusive, no conceito de nepotismo. Portanto, é vedada lotear o Executivo Municipal com parentes.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

2 comentários em “Nepotismo: prefeita de Presidente Vargas nomeia irmão e cinco parentes”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Rick de Anapurus

    e olha que essa prefeita era procuradora federal, sabe muito bem de lei e agora com o poder nas maõs so ta fazendo merda, subiu pra cabeça foi?

  2. Silva Junior

    Quem diria uma Ex-Procuradora. Logo ela que se dizia uma mulher correta e que seria honesta quando fosse Prefeita. Está seguindo o mesmo passo do seu Pai Sebastião que cometeu as maiores irregularidades quando foi Prefeito. O Ministério Público e a Justiça precisam agir com rigor

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários