Poder

Jovem é torturado e agredido por PMs à chineladas em Vargem Grande

Um jovem foi torturado e agredido com chineladas por policiais militares por suspeita de roubar uma motocicleta em Vargem Grande, cidade localizada a 178 km de São Luís. A vítima, identificada como Marcos Vinicius da Conceição, nega que tenha envolvimento com o crime. A Polícia Militar do Maranhão (PM-MA) abriu um inquérito administrativo para apurar se houve excessos no caso.

As fotos da agressão sofrida pela vítima circularam nas redes sociais nessa sexta-feira (11). Segundo Marcos Vinicius, que é mecânico, uma pessoa foi até a oficina onde ele trabalha e pediu o conserto da motocicleta.

Minutos após ter deixado a motocicleta no local, uma guarnição da Polícia Militar do Maranhão (PM-MA) foi até ao local e questionou a procedência da moto, que segundo os PMs, seria roubada.

Marcos Vinicius afirmou aos policiais que não sabia da origem da motocicleta e que havia recebido ela de um desconhecido. Os PMs desconfiaram da versão do jovem, prenderam o mecânico e o levaram para o quartel da PM em Vargem Grande.

Segundo Marcos Vinicius, ele foi torturado e agredido com chineladas pelos policiais. Por não conseguirem a confissão do jovem, ele foi liberado e voltou para casa.

O Ministério Público do Maranhão (MP-MA) abriu um procedimento para investigar a conduta dos policiais. A Polícia Civil do Maranhão (PC-MA) informou que já abriu investigação sobre o caso e afirmou que os PMs ainda não foram identificados.

Em nota, a Polícia Militar do Maranhão (PM-MA) informou que abriu um inquérito administrativo para apurar se houve excessos durante a abordagem.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

2 comentários em “Jovem é torturado e agredido por PMs à chineladas em Vargem Grande”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Brasil, casa da mãe Joana

    Como de costume a polícia militar comete o crime de tortura e ainda por cima coloca a culta nas vítimas, até quando o abuso das autoridades irão prevalecer, a polícia militar se comporta como uma máquina de moer pobre, mesmo se essa vítima das tortura fosse o ladrão, a constituição federal proíbe tratamento Créu.

  2. Policial Civil

    Secretário de INsegurança Pública do Maranhão, Jeferson Portela, mente e não tem coragem de dizer que ele junto com o governo comunista de Flávio Dino desconstruiram completamente a Polícia Civil maranhense e portanto o trabalho preventivo para não haver roubo a banco parou (o Sistema de Inteligência que fazia o monitoramento das quadrilhas foi todo desmantelado) e o trabalho de repressão criminal também parou porque a policia investigativa não funciona e isso explica essa onda gigantesca de assaltos de todo tipo em todo o estado. Roubo, seja a banco, a comércios ou a pessoas não faz parte da democracia – respeite o cidadão, secretário. Fato é que o Maranhão não merece ter gestores públicos incompetentes desse jeito e agora esse irresponsável é candidato a deputado federal. Você daria seu voto ao pior secretário de segurança da história do Maranhão ??? Meu voto ele não terá NUNCA …
    Compartilhe ao máximo para o maior número possível de pessoas que isso sim é cidadania !!!

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários