Poder

Contrato de R$ 14 milhões entre Transporter e Prefeitura de Paço é alvo de investigação

A Transporter Segurança Privada está no bojo de uma investigação instaurada no âmbito do Ministério Público que apura indícios de irregularidades em contrato milionário da Prefeitura de Paço do Lumiar, administrada por Paula da Pindoba.

O inquérito foi aberto pela titular a 1ª Promotoria de Justiça da cidade, Gabriela Brandão da Costa Tavernard, após uma Representação protocolada junto a Ouvidoria do MP, cujo teor era referente às suspeitas de ilegalidade na contratação da empresa de segurança pelo Executivo Municipal.

Com base nas informações, a promotora abriu uma investigação preliminar, que depois foi convertida em inquérito civil devido à necessidade do aprofundamento dos fatos. Caso sejam comprovada as irregularidades, a Transporter e a gestão de Paula da Pindoba poderão ser alvo de Ação Civil Pública proposta pelo MP.

A reportagem do Blog do Neto Ferreira apurou que a Prefeitura de Paço do Lumiar contratou a empresa pelo montante R$ 14.873.010,00 milhões para para prestar serviços de vigilância. O contrato foi celebrado em maio de 2021 por meio da Adesão à Ata de Registro de Preços nº 339/2020, oriunda do Pregão Eletrônico nº 213/2020-CPL, da Prefeitura Municipal de São Luís.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

2 comentários em “Contrato de R$ 14 milhões entre Transporter e Prefeitura de Paço é alvo de investigação”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Reynaldo Pinto Filho

    Se alguém encontrar um Jaboti em cima de uma árvore ,saiba que alguém a colocou.

  2. Fubica

    Empresa que não tem nenhum segurança, cabide de emprego de lideranças de slz. Luana Peixoto e seu ex marido Marlon operando junto com a Paula

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários