Poder

Flávio Dino volta a atacar Sérgio Moro: “caso grave e inédito de ‘juizite’ prolongada”

O governador do Maranhão, Fávio Dino (PSB), usou as redes sociais para atacar novamente o ex-juiz e pré-candidato à Presidência da República, Sergio Moro (Podemos).

“‘O Supremo está errado; o TCU está abusando; advogados são bandidos. Não debato com Ciro Gomes.’ Trata-se de um caso grave e inédito de “juizite” prolongada, cujo maior sintoma é uma esquisita prepotência. Sem escusas”, twittou o chefe do Palácio dos Leões.

O ataque de Flávio Dino foi direcionado a Moro após o presidenciável afirmar que o ex-presidente Lula mandou o PT desistir de requerer uma CPI no Congresso Nacional contra ele.

“Com medo das verdades incômodas que iriam surgir, Lula manda o partido desistir da CPI contra mim. Lula arregou.”


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários