Poder

Reunião termina sem resultado e greve dos motoristas deve continuar em São Luís

Depois de mais de três horas, a reunião realizada nesta sexta-feira (22) terminou sem resultado e a greve dos motoristas em São Luís vai continuar por tempo indeterminado.

Foram mais de três horas de negociações na reunião, que envolveu o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários no Estado do Maranhão (STTREMA), o Sindicato das Empresas de Transporte (SET), a Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT) e a Procuradoria Geral do Município de São Luís.

No entanto, não houve acordo entre as partes e uma nova audiência de mediação foi marcada para este sábado (23), às 18h, na sede do Ministério Público do Trabalho no Maranhão (MPT-MA), em São Luís.

Na reunião desta sexta (22), o Sindicato dos Rodoviários apresentou nova proposta, que será analisada pelo SET em assembleia geral. Ficou acertado que os empresários darão uma resposta aos rodoviários na audiência de sábado.

Greve chega ao segundo dia

Pelo segundo dia consecutivo, os rodoviários de São Luís continuam com a paralisação da frota do transporte público coletivo, mesmo após decisão da Justiça que determinou o retorno imediato de 90% dos coletivos da capital.

A categoria afirma que os donos das empresas não cumprem com uma Convenção Coletiva de Trabalho que prevê uma série de direitos aos motoristas, como reajuste nos salários em 13%, jornada de trabalho de seis horas, ticket-alimentação no valor de R$ 800, manutenção do plano de saúde e a inclusão de um dependente, e concessão do auxílio-creche para trabalhadores com filhos pequenos.

Do G1,MA


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários