Poder

Localiza Car se nega a devolver o dinheiro da compra do veículo, diz servidor público

A concessionária Localiza Car está se negando a devolver o valor da compra do carro, segundo informou o servidor público Reginaldo Marques Jansen dos Santos.

Reginaldo denunciou, na semana passada, que tem sido vítima de abuso de consumo na loja, que funciona na Avenida dos Holandenses, em São Luís. Após a divulgação do caso, o gerente da concessionária está se recusando a devolver o valor da compra e de todas as despesas tidas com o veículo.

De acordo com o servidor, a recusa teria sido motivada pela publicação do caso. “O gerente afirmou que a loja não faz a devolução de valores pagos pelo veículo simplesmente porque procurei a imprensa local”

Entenda o caso

Na Delegacia Online, o denunciante relatou que comprou um carro da marca Renault, modelo Captur no dia 1º de Abril de 2021, na concessionária de seminovos.

Após sair da loja, o veículo começou a apresentar sério problemas no motor e na mecânica, ficando completamente inapto para o uso. O caso foi comunicado ao gerente da Localiza, que depois de muita insistência do cliente, disponibilizou um carro reserva. “O gerente sustentava o fato de que não era de responsabilidade da Localiza o surgimento de problemas técnicos a partir do momento que o automóvel sai da loja, mas sim da autorizada cadastrada junto à empresa”, detalhou o servidor público.

Reginaldo dos Santos disse ainda que o carro ficou do dia 1º a 16 de abril na Concessária Renaut Du Norte, localizada na Avenida dos Holandeses para reparos ocultos, os quais nunca foram comunicados ao cliente. “Eu tive acesso após conversa com o consultor da Concessionária, que disponibilizou a lista de equipamentos trocados no veículo. Eu sempre solicitei que a troca do veículo por outro, pois o mesmo apresentava ruídos estranhos na suspensão. O que foi negado pelo gerente, afirmando que não era culpa deles, mas sim da responsável técnica pelo veículo”, revelou.

O servidor afirmou que o carro continua inapto para o uso, mesmo após 3 meses de avaliações e reparos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários