Poder

Gestão de Maura Jorge fecha contrato com empresa de fachada por R$ 1,8 milhão

Sede da empresa P Center Papelaria e prefeita de Lago da Pedra, Maura Jorge

Localizada em sala comercial de aproximadamente 20 m² no bairro do Bequimão, em São Luís, a P. Center Papelaria & Informática foi contratada pela Prefeitura de Lago da Pedra, administrada por Maura Jorge, por cifras milionárias.

A contratação ocorreu em meados de março desse ano por meio da Secretaria de Educação e visa o fornecimento de produtos alimentícios para atender a demanda da merenda escolar municipal. O valor que será investido na compra dos produtos será de 1.868.225,00 milhão.

Dois dias antes da assinatura do contrato com a gestão de Maura Jorge, o Blog do Neto Ferreira publicou a matéria “Papelaria de fachada foi usada para favorecer editora Florescer“, onde relata que a empresa em questão é de fachada (reveja aqui).

Segundo Tribunal de Contas da União, a P. C. Ferreira, que é mais conhecida como P. Center Papelaria & Informática, foi usada para favorecer a Editora Florescer em um esquema de fraude em licitações de livros didáticos de diversas Prefeituras do Maranhão.

Entre as empresas envolvidas, estava a P.C Ferreira. Uma papelaria que funciona em uma pequena sala comercial localizada no bairro do Bequimão, em São Luís, sem qualquer capacidade técnica para fornecer produtos para Executivos municipais.

Outro lado

A empresa PC Ferreira emitiu nota negando qualquer tipo de irregularidades e afirmou que possui inquestionável reputação no comércio local, com vasta experiência e incontáveis atestados de capacidade técnica de fornecimento dos mais diversos materiais. Leia abaixo:

1. Tomando conhecimento das matérias veiculadas neste blog, sob os títulos https://www.netoferreira.com.br/poder/2021/07/gestao-de-maura-jorge-fecha-contrato-com-empresa-de-fachada-por-r-18-milhao/ e https://www.netoferreira.com.br/poder/2021/03/papelaria-de-fachada-foi-usada-para-favorecer-editora-florescer/ , esclarecemos que ao contrário do afirmado de forma inverídica e indecorosa por este blog de grande visibilidade no Estado, esta empresa atua no comércio varejista de material de papelaria, limpeza, e gêneros alimentícios, dentre outros, desde 1992, sempre adimplindo rigorosamente com todas as obrigações fiscais, trabalhistas e contratuais advindos de todo o período de sua atividade. Cabe observar, que a matéria em questão se trata da empresa FLORESCER, na qual é citado o nome de nossa empresa como colaboradora em processos com cotações, dos quais temos total desconhecimento.

2. Mister ressaltar que o blog em questão sequer teve a precaução de averiguar a veracidade dos fatos publicados, obrigação esta imposta a todos os jornalistas que detém a mínima responsabilidade com seus leitores, pois esta empresa que atua há 30 anos já participou de mais 100 licitações por todo o Estado do Maranhão e já celebrou mais de 100 contratos de fornecimento com os mais variados entes da União, Estado ou Municípios, sem qualquer inadimplemento ou sanção imposta, conforme simples pesquisa no site do Tribunal de Contas do Estado e Diários Oficiais. (http://www.tce.ma.gov.br/conhecendo_municipio/principal/2684)

3. Ademais, esta empresa possui um rigoroso controle contábil, onde toda mercadoria adquirida e vendida é regularmente contabilizada, com todos os impostos pagos.

4. Diante disso, a empresa P. C. Ferreira possui inquestionável reputação no comércio local, com vasta experiência e incontáveis atestados de capacidade técnica de fornecimento dos mais diversos materiais, que confirmam a capacidade operacional desta empresa.

5. No que tange á pecha de empresa de fachada, isto é, empresa que não existe, que não tem estoque, não tem faturamento, funcionários etc., não condiz com a empresa P.C. Ferreira pelos fatos aqui colacionados.

6. Por fim, o fato de uma empresa estar sediada numa “pequena” sala comercial ou por não ter uma suntuosa estrutura física não a torna “empresa fantasma”, devendo-se levar em consideração seu movimento fiscal e contábil, histórico de compras e vendas, além de seu patrimônio.

7. Diante do exposto, requer-se tão somente que seja publicada no respeitado BLOG NETO FERREIRA a resposta transcrita acima, no qual se esclarece sobre a idoneidade desta Empresa, de maneira proporcional às ofensas perpetradas na citada matéria.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

2 comentários em “Gestão de Maura Jorge fecha contrato com empresa de fachada por R$ 1,8 milhão”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Ainda não viram nada!!!

    É a mesma empresa que vem habitualmente “ganhando” as licitações da Prefeitura Municipal de Arari/MA. GAECO, PF e MP deveriam solicitar as cópias das licitações e analisarem a forma que as outras empresas foram desclassificadas e inabilitadas do certame fraudulento .

  2. Nanda

    Papelaria vencendo licitação de para fornecer alimentos escolar? PF tem que investigar

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários