Poder

Ex-prefeita de Cururupu, profª Rosinha afirma que prestou contas ao TCE

A ex-prefeita de Cururupu, professora Rosinha Chaves, afirma que prestou contas ao Tribunal de Contas e que ocorreu dentro do prazo legal.

A ex-gestora se manifestou sobre o caso, após a Corte de Contas declará-la inadimplente (reveja aqui)

Leia a nota abaixo:

Senhor Jornalista, em respeito aos seus leitores e em especial à população cururupuense, venho por meio desta esclarecer que, é inverídica a informação de que eu não apresentei as prestações ou tomadas de contas anual relativas ao exercício financeiro de 2020.

Informo que as contas foram devidamente prestadas no prazo legal conforme faço prova pelos recibos anexos, os quais solicito que sejam disponibilizados juntamente com a presente Nota.

A inclusão do meu nome na Resolução que declara os gestores inadimplentes fora feita de forma equivocada pelo Tribunal de Contas do Estado do Maranhão, razão pela qual já apresentei os recibos e solicitei a exclusão do meu nome da referida lista.

O cumprimento da lei e a probidade foram marcas da minha gestão e são valores que carrego para minha vida enquanto cidadã comprometida com a coisa pública e com a sociedade em que vivo.

À população de Cururupu, deixo aqui a mensagem de que assim como fiz quando fui Secretária de Educação do Município irei demonstrar e comprovar a regularidade de todos os atos do meu governo e com a benção e força de Deus jogar por terra todas as acusações que tem sido feitas indevidamente contra mim.

Rosária de Fátima Chaves
Ex-Prefeita de Cururupu.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários