Poder

Monitores da Funac denunciam que estão sendo demitidos sem direitos trabalhistas

Funcionários da Fundação da Criança e do Adolescente do Maranhão (Funac) denunciam que estão sendo demitidos sem receber qualquer tipo de direito trabalhista.

Segundo os relatos, no ato da admissão a diretoria da Fundação não fornece contratos físicos para serem assinados pelos monitores. “Há apenas contrato verbal”, revelou um dos trabalhadores.

Na demissão, os responsáveis não dão justificativas e apenas comunicam sobre o ato.

Além disso, os denunciantes afirmam que os funcionários estão sendo agredidos pelos socioeducandos das unidades da Funac com objetos fabricados artesanalmente.

Outro ponto que chama atenção é que os monitores recebem um treinamento de apenas 15 dias, sem conhecimentos aprofundados, e em seguida são colocados para realizar suas funções.

Os servidores frisam ainda que há omissões de informações em relatórios técnicos dos adolescentes internos.

O caso já foi denunciado ao Ministério Público, que deverá abrir um procedimento para apurar os fatos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

3 comentários em “Monitores da Funac denunciam que estão sendo demitidos sem direitos trabalhistas”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. carlos costa

    rapaz eu cheguei a fazer um curso desse, 15 dias? foi muito. e de menor agredir monitor isso e de muito tempo. a galera encobre isso. relatórios oxi. alguns vão para a vara da infância falando que o adolescente virou anjo, sendo que o adolescente tem uns 15 nas costa. e com medo acabam fazendo a omissão nos relatórios. mais o que vale e a palavra do relatório entregue.

  2. Diego

    É um descaso essa politicagem no serviço público do estado. Servidores sedo humilhados por gestores que entrar através de amizades políticas e brincam de serem deuses demitindo pais de família por pura politicagem e prazer dão cargos de confiança desse então governo falido e corrupto..

  3. Patrico

    Isso ai vai acontecer até quando.pk isyso ai já tá fora do limite pk além de funcionários serem humilhado serem acediado por funcionários da alta cúpula da funac a pessoa chega na tal de sede ta la aquele povo com vário e vários anos de casa e que vem chegando eles obrigam fica do jeito deles começando logo com um salário que já tá com quase 13 ou 15 anos que não tem aumento ai a pessoa é escalado numa unidade pra trabalhar ai chega pra desenvolver as atividades nas unidades e agredido pelos os adolescentes ai vai reclamar na direção da unidade a direção da unidade diz que o adolescente é que tem direito Queria saber até quando esse descontrole humano vai acontecer enquanto esses bando de incompetente tiverem ka frete disso aí isso ai vai ser daí pra pior me diz aí qual o domínio que um conselheiro tutelar te de domínio em uma unidade prisional pk essas unidade prisional da funac hj ta pior que o sistema penitenciário do Maranhão a qualquer momento vai acontecer um assassinato em série dos adolescentes fazendo em funcionários da funac pk hj dia em nem uma das unidade principalmente na unidade de São José de ribamar que a famosa Maiobinha e la mesmo que não tem disciplina adolescentes do interior manda e desmanda na unidade quase tds os dias tem quebra quebra de xoisa da unidade como televiso noite book celular qando não agridem os funcionários ya um descaso Pulblico isso ai

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários