Poder

Flávio Dino autoriza compra de 4,5 milhões de doses da vacina Sputnik V para o Maranhão

Na manhã desta quarta-feira (17), o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), tornou público que autorizou a compra direta de 4,5 milhões de doses da vacina Sputnik.

A informação foi publicada em sua conta no Twitter.

“Assinamos contrato para a compra da vacina russa Sputnik. O Maranhão pretende adquirir 4.582.861 doses de vacina. Estamos enviando contrato hoje para a empresa russa. Expectativa é conclusão da compra e início das entregas em abril.”

Dino afirmou ainda que acredita no Plano Nacional de Imunização (PNI), nos termos da lei e se o Ministério da Saúde quiser assumir o contrato, o governo não irá se opor.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “Flávio Dino autoriza compra de 4,5 milhões de doses da vacina Sputnik V para o Maranhão”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. fabiano

    Buenos Aires / Moscou – 18 DEZ 2020 – 12:01
    Alberto Fernández, de 61 anos, dificilmente será o primeiro a receber na Argentina a vacina russa contra a covid-19. Nesta quinta-feira, ficou sabendo que tampouco o fará, por enquanto, seu colega Vladimir Putin, de 68. Enquanto a equipe da Casa Rosada concluía em Moscou a aquisição dos primeiros lotes da Sputnik V, Putin advertiu que ainda não havia sido aprovada para maiores de 60 anos. O comentário desconcertou a delegação argentina, que planejava iniciar a campanha de vacinação contra o coronavírus com o medicamento russo logo antes do final do ano justamente nessa faixa etária, considerada o grupo mais vulnerável.O Executivo de Fernández confia em salvar a estratégia de vacinação com uma rápida autorização russa, mas a oposição política em Buenos Aires criticou com dureza o Ministério da Saúde, a cargo das negociações com Moscou. “Não tenho nenhuma dúvida da sua qualidade. Serei o primeiro a me vacinar”, havia dito o presidente argentino uma semana atrás ao anunciar a compra de milhões de doses da Sputnik V. O plano governamental é vacinar primeiro os grupos de risco e profissionais estratégicos ―idosos, trabalhadores sanitários, forças de segurança e professores―, mas isso está em xeque.
    entao amigo leitor,voce que sabe.vai acreditar nesses comunistas…
    fonte jornal EL PAIS

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários