Poder

Gestão de José Augusto deixou Milagres em um caos total

O caos se instalou de vez em Milagres do Maranhão.

Há obras abandonadas por toda cidades, hospitais e escolas em estado precário, estradas vicinais completamente intransitáveis, além de pontes quebradas há mais de 4 anos.

O Blog do Neto Ferreira teve acesso às imagens que mostram o resultado do descaso da gestão do ex-prefeito de Milagres, José Augusto Caldas, que saiu da Prefeitura por 4 anos, voltou a se candidatar nas eleições de 2020 e está tentando ocupar o cargo novamente.

O exemplo do abandono, são as obras inacabadas das escolas dos Povoados Placas de Tucuns, São Roque e Sítio do Meio. As estruturas dos prédios chegaram a ser levantadas durante a gestão de José Augusto, mas foram abandonadas, agora os imóveis seguem sendo abrigos de animais e sujeiras. A obra de Sítio do Meio, que custou R$ 700 mil, nem passou da fase de fundição.

Outra construção que está completamente esquecida é a da quadra poliesportiva, que está cheia de mato e sendo destruída pela ação do tempo.

A saúde também não escapou da má gestão de José Augusto. O hospital de Milagres foi interditado pela Vigilância Sanitária por está completamente sucateado, pois oferecia sérios riscos à saúde dos pacientes. O posto de saúde da zona rural também foi deixado sem qualquer tipo de estrutura para o atendimento dos enfermos.

Outra área que ficou abandona foi a de infraestrutura. Estradas vicinais foram deixadas completamente intransitáveis e dificultam o acesso dos alunos às escolas.

A estrada que liga o Povoado São Francisco à sede de Milagres também é precária. Quando chove, a população da região fica isolada, pois não tem como trafegar por lá.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários