Poder

Concurso para a Câmara de Imperatriz é suspenso por suspeita de fraude

O concurso para a Câmara Municipal de Imperatriz está suspenso. De acordo com o Instituto Coelho Neto, que conduz o concurso, a decisão foi tomada após uma recomendação do Ministério Público do Maranhão (MP-MA).

Para o Instituto, a suspensão é temporária e um novo cronograma ainda será divulgado. Porém, o MP acusa a câmara de ter favorecido a contratação do Instituto Coelho Neto e pede a anulação de todo o concurso, além da devolução do dinheiro dos candidatos que se inscreveram.

Segundo o Ministério Público, o Instituto Coelho Neto não possui qualificação para realizar concursos e há indícios de que os sócios são “laranjas”. Ainda de acordo com as investigações, no local indicado como sede da empresa, funciona apenas uma residência.

O Instituto Coelho Neto já é alvo de investigações por serviços prestados nos municípios de Itapecuru-Mirim, Bacuri, Cururupu e Apicum-Açu, em razão de supostas fraudes em concursos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários