Poder

Homem é preso com pássaros silvestres na BR-316

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) deteve na manhã de quinta-feira (6) na BR-316 em Caxias, a 360 km de São Luís, um homem de 51, que não teve a sua identidade revelada, que estava transportando irregularmente pássaros silvestres.

Segundo a PRF, por volta das 11h30, no Km 557 da BR-316, em Caxias, policiais rodoviários realizavam abordagens quando visualizaram um veículo de placas LVG-3888, do estado do Maranhão, efetuando uma manobra repentina e parando em seguida.

A equipe da PRF de imediato seguiu até o local e abordou o motorista do veículo que informou que havia parado antes do comando por estar com algumas irregulares de trânsito no veículo como excesso de lotação e passageiro em compartimento de carga. No veículo tinha como passageiro, um homem de 51 anos, que afirmou ser o dono da mudança que estava sendo transportada na carroceria.

Foi visualizado pela equipe da PRF que na carga havia uma armadilha para capturar pássaros, também conhecida como “alçapão”, que estava vazia, e duas gaiolas, uma com um pássaro silvestre da espécie sabiá-branco e outra com outro pássaro silvestre da espécie sanhaço-cinzento. Perguntado de quem eram as gaiolas e os pássaros, o passageiro admitiu a propriedade e informou que havia capturado o sabiá há 2 meses e o sanhaço há um mês, ambos no Povoado Santa Filomena, no município de Caxias. Disse também que não sabia que era proibida a captura e o transporte de animal silvestre sem autorização do órgão ambiental.

Diante dos fatos, os policiais rodoviários fizeram contato com a Secretaria de Meio Ambiente (Sema) de Caxias que compareceu na Unidade Operacional (UOP) da PRF de Caxias para realizar os procedimentos administrativos.

Após avaliação do estado físico dos pássaros foi possível realizar a soltura do sabiá-branco na mata nativa. Já o sanhaço-cinzento foi levado para a Sema para passar por um treinamento e depois ser solto no seu habitat.

Além do Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), lavrado em desfavor do portador das aves, ainda foi lavrado um auto de infração pela equipe da Sema.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários