Poder

Cabeleireiro é encontrado morto e com pescoço amarrado em São Luís

A Polícia Civil encontrou na manhã desta quarta-feira (5) o corpo do dançarino Wenyson Fernandes Miranda, de 33 anos, que estava desaparecido desde a segunda-feira (3). Wenyson era homossexual e foi encontrado morto por familiares na casa onde morava, na Vila Isabel Cafeteria, na região da Cohab, em São Luís.

Além de dançarino, Wenyson já trabalhou como cabeleireiro e era conhecido como ‘Xexéu’. Até o momento, a polícia confirma que houve luta corporal entre a vítima e o autor do crime, pois a casa estava bagunçada.

“A vítima estava amarrada e com lesão na cabeça que pode ter sido de martelo, ou madeira. Houve luta corporal e também foi notada a falta de alguns objetos e um valor financeiro de 800 reais. Agora é uma questão de tempo para a gente achar o autor. Existem suspeitas de que seria um companheiro que ele estaria se relacionando ultimamente”, afirmou o delegado Felipe César, que investiga o caso.

A polícia também suspeita de que o autor tentou mudar a cena do crime para parecer um suicídio. Até o momento, ninguém foi preso.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários