Poder

A bandidagem mata até polícia

Não queria usar o título acima, mas, infelizmente, é propício as últimas ocorrências, ou melhor, homicídios em São Luís.

O caso mais recente foi da policial Civil, vítima de latrocínio em um dos bairros nobre da capital que respira insegurança e pede as autoridades policias: “socorro”.

Iran Santos teve o carro cravado de bala e foi brutalmente assassinada por meliantes, que provavelmente sairam nas ruas assaltando pessoas de bem.

É inadmissível que São Luís, mesmo com adesão de novos policias – permaneça uma cidade insegura, aterrorizada por marginais que enfrentam nossas autoridades armadas.

Não é muito diferente a realidade que vivemos para a de quem vive no Rio de Janeiro. Lá o forte da bandidagem, além do tráfico de drogas, é matar polícias militares e civis.

E nossa realidade é, sem sombra de dúvidas, as piores possíveis.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários