Poder

Abraço caloroso de Flávio Dino

'Bolsa Escola' beneficia oito mil alunos em São Mateus .

Governador Flávio Dino abraça a estudante Pâmela Antônia e sua irmã que agradeceram os benefícios do Bolsa Escola (Mais Bolsa Família). Foto: Karlos Geromy/Secap

Governador Flávio Dino abraça a estudante Pâmela Antônia e sua irmã que agradeceram os benefícios do Bolsa Escola (Mais Bolsa Família). Foto: Karlos Geromy/Secap

Cinco meses depois de lançar o programa Bolsa Escola (Mais Bolsa Família), que tem como meta a complementação de renda às famílias maranhenses, com o objetivo de garantir às crianças e adolescentes, de 4 a 17 anos, condições mais adequadas de frequentar a escola, o governador Flávio Dino (PCdoB) começou a receber elogios bem mais do que esperava ouvir.

Ao lado do prefeito Hamilton Nogueira Aragão, o Miltinho (PSB), o chefe do executivo estadual esteve em São Mateus, no ultimo sábado (26), cumprindo uma agenda de compromissos com inaugurações de obras que foram realizadas em parceria entre o governo e a prefeitura mateuense.

Durante a sua passagem pela cidade, Flávio Dino conheceu a pequena Pâmela Antônia, de 11 anos, que está no 6º ano do ensino fundamental. A menina aproximou-se do chefe de estado e, entre abraços, agradeceu o Governo do Maranhão por poder, pela primeira vez, escolher os próprios materiais escolares.

— A minha mãe recebeu o cartão do “Mais Bolsa Família” e fomos comprar bolsa, caderno, lápis e caneta num comércio aqui perto. Queria agradecer bem muito — contou Pâmela, a Flávio Dino.

Durante o dialogo com pequena aluna, o governador pode constatar que o programa de transferência de renda surtiu efeito positivo e recebeu aprovação popular. A uma multidão, Flávio Dino dividiu a experiência da criança são-mateuense, certo de que os impactos que os Programas de Governo tem feito na vida de milhões é um grande estímulo para a gestão.

— É muito emocionante e muito especial o que ouvi no caminho até aqui. A menininha Pâmela, que tem 11 anos, chegou para mim e agradeceu pelo ‘Bolsa Escola’. Então, isso não tem preço. Só isso já valeu a viagem, saber que uma decisão nossa tem concretude na vida das pessoas e aos poucos vai mudando a vida de muita gente — contou Flávio Dino, lembrando que em São Mateus o benefício alcançou mais de 8 mil estudantes.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários