Poder

Prefeitura de São Luís mantém elo com construtor acusada de fraudes em licitações

Gernedes Getúlio Brito Targino, dono da antiga Targino Construções e Comércio Ltda., vem faturando fabulosamente junto a Prefeitura de São Luís com sua segunda empresa, a BFX Construções E Comércio. Ele conseguiu empenhar em 2014 R$ 822 mil reais referente aos serviços de melhoria de calçamento e acessibilidade nas Avenidas Jeroonimo de Albuquerque, Daniel de La Touche, além de locação de maquinas pesadas.

Mas, em 2015 os valores chegaram a reduzir para R$ 659 mil. Só neste ano, a BFX já recebeu R$ 326 mil dos cofres públicos de São Luís. Targino Construções e Comércio funcionava no bairro apiadoro e a BFX Construções e Comércio é registrada no Fialho, em São Luís. Ambas empresas usam o mesmo CNPJ e uma delas está sendo investigada pela Promotoria de Justiça da cidade de Santa Rita.

O empresário Gernedes Targino enfrenta processo por irregularidades em São José de Ribamar. Ele é acusado de participar de uma grosseira fraude para ludibriar o órgão encarregado da análise na prestação de contas.

O Ministério Público descobriu que as empresas Projeto, Planejamentos e Construções Melônio Ltda e a Silveira Engenharia montaram concorrência de forma ilegal com o evidente propósito de beneficiar a empresa vencedora, a A Targino Construções que ganhou licitação para construção de um sistema de abastecimento de água no Bairro Vila Kiola II, em São José de Ribama sob o valor de R$ 135.119,72 (cento e trinta e cinco mil cento e dezenove reais e setenta e dois centavos).

Segundo apurou o Blog do Neto Ferreira, o Modelo de Resumo de Proposta que deveria ser apresentado pelos licitantes, não seguirem o referido modelo, foram redigidos de forma padronizada, com a mesma redação entre eles. Foi apresentado propostas
com valores absolutamente iguais, com pouca diferença em relação aos valores propostos pela Targino Ltda.

Resta saber qual motivo a Prefeitura de São Luís mantém contratos com empresário acusado de integrar um consórcio que fraudou o caráter competitivo do procedimento licitatório, praticamente crime que pode resultar em cadeia?


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “Prefeitura de São Luís mantém elo com construtor acusada de fraudes em licitações”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Carla Viviane

    Acredito que uma auditoria nos processos de licitação das prefeituras seja necessária, mas publicar uma matéria dessas induzindo o leitor à desconfiança é tão anti-ético quando quem causou uma fraude. Todo cuidado com as informações postadas é pouco.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários