Poder

Shopping de José Sarney já recebeu mais de R$ 1,4 milhão do Governo Roseana Sarney

Pai da governadora é um dos acionistas do Shopping Jaracaty, conforme declaração de bens de 2006

De ATUAL7

A governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB), é uma mulher de família. Herdeira da raposa mais longeva do país — no ano que vem, completam-se 50 anos desde que José Sarney assumiu o Governo do Estado e 60 desde que se sentou na cadeira de deputado estadual como suplente —, a peemedebista resolveu aproveitar o ‘melhor governo de sua vida’ para manter negócios com um shopping que tem o seu próprio pai, Sarney, como um dos acionistas.

Incluído na declaração de bens de Sarney ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral), o Shopping Jaracaty já recebeu, durante os três anos e nove meses do quarto e último mandato de Roseana, mais de 1,4 milhão, precisamente 1.443.596,66 (um milhão, quatrocentos e quarenta e três mil, quinhentos e noventa e seis reais e sessenta e seis centavos), pelo aluguel de oito lojas para o Programa Viva Cidadão, que reúne órgãos estaduais para facilitar a obtenção de documentos.

LAÇO$ DE FAMÍLIA O pai da governadora Roseana e fornecedor do Governo do Maranhão, José Sarney. Foto: Antonio Cruz / ABr

LAÇO$ DE FAMÍLIA O pai da governadora Roseana e fornecedor do Governo do Maranhão, José Sarney. Foto: Antonio Cruz / ABr

Em 2011, primeiro ano do atual mandato, Roseana Sarney pagou o total de R$ 393.270,02 (trezentos e noventa e três mil, duzentos e setenta reais e dois centavos) pelo aluguel do espaço para a instalação e funcionamento do Viva Cidadão no Jaracaty; em 2012, o valor caiu para R$ 371.433,80 (trezentos e setenta e um mil, quatrocentos e trinta e três reais e oitenta centavos), aumentando no ano seguinte para R$ 372.276,35 (trezentos e setenta e dois mil, duzentos e setenta e seis reais e trinta e cinco centavos). Este ano, até agora, R$ 306.616,49 (trezentos e seis mil, seiscentos e dezesseis reais e quarenta e nove centavos) já foi pago pelo governo para o shopping de José Sarney.

Além do pai da governadora, também figura como sócios do Jaracaty Shopping o ex-secretário da Casa Civil do Maranhão, João Guilherme Abreu, uma das quatro pessoas apontadas pela contadora do doleiro Alberto Youssef, Meire Bonfim Poza, de participar de uma reunião em que foi acertado o pagamento de propina no valor de R$ 6 milhões ao Governo do Estado.

Documentalmente, no quadro societário do shopping constam três empresas: Adpart Administração LTDA (de propriedade de José Sarney, cuja procuradora é a neta Ana Clara Murad Sarney, filha de Fernando Sarney) com 15% de participação, JGT Participações LTDA (de propriedade de João Guilherme de Abreu) com 22% e Niagara Empreendimentos LTDA (de propriedade do engenheiro civil Severino Francisco Cabral, o homem da assinatura nos negócios da Lunus) com 63%.

Apesar de se utilizar de brechas na lei, que lhe permitem passar a gerência de suas ações no Jaracaty Shopping para a neta Ana Clara, a verba que sai dos cofres do Estado cai e é usufruída mensalmente pelo próprio pai da governadora do Maranhão.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários