Poder

Bomba! PF investiga ONG ligada a Weverton Rocha e secretário de Timon

A ONG foi indicada por Weverton Rocha quando assessor especial de Lupi.

Weverton Rocha.

Weverton Rocha.

A Polícia Federal investiga um suposto esquema milionário no controle da boa aplicação dos recursos destinados a programas de qualificação de jovens para o primeiro emprego visando a geração de renda.

No Maranhão, o Instituto Brasil Voluntário – Bravo – ONG que na época foi indicada quando Weverton Rocha (PDT) era um dos principais assessores de Lupi, aparece como uma das entidades investigadas pela PF decorrente a convênio firmado em dezembro de 2007, de mais de R$ 2,1 milhões.

A PF concentra inquérito policial que apura fortes irregularidades após a Bravo receber o dinheiro e prestar contas apenas da primeira parcela de aproximadamente R$ 800 mil do repasse.

Saney foi atrelado a escândalo nacional.  Ele é braço direito do prefeito de Timon Luciano Leitoa.

Saney foi atrelado a escândalo nacional. Ele é braço direito do prefeito de Timon Luciano Leitoa.

Presidida pelo secretário chefe da Casa Civil de Timon, Saney Santos Sampaio, a Brasil Voluntário é registrada em um escritório na cidade de Timon, administrada por Luciano Leitoa, filho do ex-deputado Chico Leitoa, um dos aliados do deputado federal Weverton Rocha.

Dados do Relatório da Controladoria-Geral da União (CGU) obtidos pelo Blog do Neto Ferreira, mostram graves irregularidades que apontam fraude na utilização do convênio que refere-se a pagamentos feitos com verba do Ministério do Trabalho. Atualmente, estão pendentes os processos do Instituto Brasil Voluntário.

A Operação da PF a ser desencadeada no Maranhão, deve mobilizar agentes federais e auditores do Tribunal de Contas da União. Aguardem!


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

9 comentários em “Bomba! PF investiga ONG ligada a Weverton Rocha e secretário de Timon”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Pablo Lima

    MARAGATUNO!!!

  2. Haroldo

    Tem que investigar ele e com quem ele anda nos estados e principalmente no Maranhao. Tem muitos operadores dele por aí tudo .

  3. Marcos

    Neto Ferreira, parabéns pela coragem de postar esse comentário. Quando li na internet que assessor do Ministério do Trabalho usava Ongs pra roubar dinheiro publico, pensei logo no Werverton Rocha e sua gang. Ele atua em quase todos os Estados do Brasil com o aval do presidente do PDT o sr. Carlos Lup. Tem mesmo muitos operadores, como disse o Haroldo. Aqui em Paço do Lumiar, quando Bia era prefeita, ele fez amizade com uns caras que agora só anda com ele. Se investigar acha muita coisa feia. Não pare por aqui Neto Ferreira, vá fundo.

  4. Secretário de Luciano Leitoa na mira da Polícia Federal « Neto Ferreira – Conteúdo Inteligente

    […] da Controladoria-Geral da União (CGU) que foi divulgado detalhes no Blog do Neto Ferreira (reveja), Saney aparece como peça fundamental da Ong que está sob suspeita de usar a verba do convênio […]

  5. Secretário de Timon na mira da Polícia Federal | Blog do Daby Santos

    […] da Controladoria-Geral da União (CGU) que foi divulgado detalhes no Blog do Neto Ferreira (reveja), Saney aparece como peça fundamental da Ong que está sob suspeita de usar a verba do convênio […]

  6. Secretário de Timon na mira da Polícia Federal

    […] da Controladoria-Geral da União (CGU) que foi divulgado detalhes no Blog do Neto Ferreira (reveja), Saney aparece como peça fundamental da Ong que está sob suspeita de usar a verba do convênio […]

  7. Secretário de Timon na mira da Polícia Federal « Luís Pablo | Blog sobre política, com crítica da mídia e informação alternativa

    […] da Controladoria-Geral da União (CGU) que foi divulgado detalhes no Blog do Neto Ferreira (reveja), Saney aparece como peça fundamental da Ong que está sob suspeita de usar a verba do convênio […]

  8. Bomba! Polícia Federal amplia investigação sobre Weverton Rocha « Neto Ferreira – Conteúdo Inteligente

    […] As diligências da Polícia Federal em averiguar os tentáculos do parlamentar, tiveram inicio após a queda de Lupi em dezembro de 2011 e foram divulgadas neste mês no Blog do Neto Ferreira (reveja). […]

  9. Flávio Dino se reúne com “membro de organização criminosa” « Neto Ferreira – Conteúdo Inteligente

    […] No dia em que o Diário Oficial da União publicou na manhã de sexta-feira (14), a saída do comunista da presidência da Embratur, ele se reuniu com nada menos que Weverton Rocha, deputado federal investigado por cobrar e receber propina para liberar o pagamento de organizações não-governamentais (ONGs), quando foi assessor de Lupi no Ministério do Trabalho (reveja). […]

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários