Poder

Clã Sarney em pé de guerra com família Lobão

Nos bastidores a conspiração, o jogo de chantagem e as ameaças são constantes.

Do Blog do Luis Pablo

O jogo é bruto entre os dois maiores articuladores políticos do Estado do Maranhão. É um querendo apunhalar o outro pelas costas.

Podem até negar, mas é cada vez mais notório a guerra entre os grupos Sarney e Lobão sobre quem vai ser o candidato ao governo do estado em 2014.

Nos bastidores a conspiração, o jogo de chantagem e as ameaças são constantes.

Em conversas com alguns políticos o que eu tenho ouvido com frequência é que o apoio de Lobão ao candidato escolhido pelo Palácio dos Leões não passa de jogo de cena.

É intenso a articulação nos bastidores que o seu filho, senador Edinho Lobão, tem feito com alguns membros de oposição.

O encontro no Palácio de La Ravardière com o prefeito Edivaldo Holanda Júnior é só o começo de muitas evidências e recados indiretos ao grupo Sarney de que, realmente, Lobão poderá pular para o barco da oposição.

Há anos como fiel escudeiro do senador José Sarney e de todo grupo, Edison Lobão e seus aliados não encaram como traição uma possível aliança dele com o comunista Flávio Dino.

Algumas pessoas próximas ao ministro de Minas e Energia tem dito que traição partiu do grupo Sarney, quando jogou Lobão para escanteio por conta da idade.

Por mais que muitos não acreditem nesse possível rompimento, o certo é que se realmente for apenas “jogo de cena” de Edison Lobão o apoio aos Leões, como dizem nos bastidores da política, isso representará um grande perigo para o grupo Sarney em 2014.

Afinal, o ministro já está em fim de carreira e com o único desejo de encerrar na política como governador do Estado, não perderia nada em arriscar.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários