Poder

Caso mensalão: a grave afronta ao STF

Por Milton Corrêa da Costa

ANTIGAMENTE A CLASSE ARTÍSTICA E OS INTELECTUAIS APOIAVAM A PUNIÇÃO EXEMPLAR PARA OS CONSIDERADOS CULPADOS DO ROUBO DO DINHEIRO PÚBLICO. MANIFESTAVAM-SE SEM PRESSIONAR A JUSTIÇA. NÃO HAVIA DEFESA PRÉVIA NEM TENTATIVA DE INTERFERÊNCIAS INDEVIDAS NO TRABALHO DO JUDICIÁRIO. COBRAVAM PARA QUE OS ESCÂNDALOS, COMO A VERGONHA DO MENSALÃO, FOSSEM PASSADO A LIMPO. VEJAM, PORTANTO, A PÉROLA. UM INSULTO À MAIS ALTA CORTE DA JUSTIÇA BRASILEIRA. UMA PERIGOSA INSINUAÇÃO DE DESCONFIANÇA.UM VERDADEIRO PRÉ-JULGAMENTO DOS MINISTROS DO PRÓPRIO STF QUE ATÉ AQUI TÊM CONDENADO, CORRUPTOS CULPADOS NO ESCÂNDALO DO MENSALÃO, COM A MÁXIMA ISENÇÃO E CORREÇÃO. ATÉ A CUT JÁ QUIS IR ÀS RUAS EM DEFESA DOS MENSALEIROS. PROFUNDAMENTE LAMENTÁVEL.

Plenário do STF.

Plenário do STF.

VEJAM A NOTÍCIA
Luiz Carlos Barreto colhe assinaturas de personalidades a favor de Dirceu
Manifesto, apoiado por 200 pessoas, pede que não haja prejulgamento dos réus do mensalão

Fonte O GLOBO ONLINE

RIO – Está para chegar às mãos dos ministros do Supremo Tribunal Federal um texto-manifesto pedindo que não haja um prejulgamento dos réus no caso do mensalão e que sejam resguardados os processos legais. A iniciativa partiu do cineasta Luiz Carlos Barreto, o Barretão – amigo do ex-ministro José Dirceu – que desde a semana passada tem enviado à classe artística um e-mail solicitando assinaturas para o documento que deve passar pelo crivo de alguns juristas antes de ser enviado ao STF.

– Não queremos que haja prejulgamento deste caso, pois já tem gente por aí dizendo quantos anos cada réu vai pegar de prisão. Não pode ser assim. Depois a gente reclama quando chega a ditadura – desabafa Barretão.

O e-mail enviado diz que a ação penal 470 vem sendo pejorativamente chamada de ‘mensalão’ e pede a confirmação urgente para que o nome do convidado possa ser incluído na lista de assinantes do manifesto.

– Eu mandei e-mail para uma série de pessoas, mas algumas têm fobia de divulgação. Até agora já colhi mais de duzentas assinaturas independentemente de tendências, credos e religiões.

Entre os que já confirmaram suas assinaturas no texto-manifesto estão Oscar Niemeyer, Alceu Valença, Luiz Carlos Bresser Pereira, Bruno Barreto, Jorge Mautner, Flora Gil, Emir Sader e Eric Nepomuceno.

Para o arquiteto Oscar Niemeyer, que foi um dos primeiros a assinar o texto-manifesto, há um exagero quanto ao mensalão.

– Assinei o manifesto porque acredito que desde o início há uma campanha contra o José Dirceu, um exagero.

Outro que assinou o documento foi o músico Jorge Mautner, com a convicção de que o procedimento do STF será isento de qualquer influência externa.

– Concordo que haja o julgamento e assinei o texto-manifesto porque vivemos numa democracia e, como se trata de um julgamento político, não pode haver manipulação.

ALGUNS COMENTÁRIOS DE INTERNAUTAS ENTRE UM TOTAL DE 193 (O Globo Online)

 

Ricardo Moreira Espindola 24/09/12 – 17:19

Lamentável.

Drakko 24/09/12 – 17:18

Alceu Valença assinou essa porcaria ??? Se isso se confirmar jogo minha coleção de CDs na lixeira… Confirma ou desmente, Alceu ??? Fala, homem !!!

Jaime Santos 24/09/12 – 16:52

O que não faz o dinheiro estatal! Estar com Zé Dirceu é garantia de acesso mais fácil a dinheiro e benesses estatais para o cinema.

Marcelo Coelho 24/09/12 – 16:48

Ô Barretão, asim não!

Lazaro Condeixo 24/09/12 – 16:41

Que vergonha um ser humano se prestar ao papel de defender esses políticos criminosos (pleonasmo). Pessoas estão morrendo nos hospitais e crianças passam fome por causa dessa “gente” que só pensa em como roubar mais e se perpetuar no poder. É de dar asco!

Milton Corrêa da Costa é cidadão brasileiro e exige, como todo povo brasileiro, a rigorosa condenação dos culpados do mensalão


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários